ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Polícia encontra depósito clandestino de combustíveis em Itapetinga

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Abastecimento em bairros e localidades rurais de Brumado registra irregularidade por falta de energia elétrica

Preço da gasolina sobe quase 60 centavos e chega a R$ 5,09 em Brumado

Clínica Mais Vida traz para Brumado o que há de mais moderno em Ultrassonografia de qualidade e alta definição

Barra do Choça: Mulher é encontrada morta dentro de casa; suspeito possuía dívida de R$15 mil

Acusado de furtar seringas, servidor foi encontrado morto antes de ser ouvido em Conquista

Fim de semana com alimentos saudáveis é na Bete Fruits

47 novos casos de coronavírus são registrados nas últimas 24h em Brumado

Brumado; Presidente da Câmara afirma que áudio em que ele pede 'farra' no primeiro salário, 'não passou de uma brincadeira entre eles'

Índia autoriza exportação de vacina para o Brasil, diz agência Reuters

Municípios atendidos pela Central de Atendimento Covid em Brumado registram aumento nos casos de coronavírus

Cinco morrem em incêndio em prédio do Instituto Serum, fabricante de vacinas contra Covid-19 na Índia

Em suposto áudio gravado no aplicativo de mensagens, presidente da Câmara de Brumado informa primeiro pagamento dos edis e ironiza; 'galera é pra fazer farra viu'

Mutuípe: Médico de 95 anos escolhido para ser primeiro vacinado contra Covid-19 morre horas antes de ser imunizado

Mais de 19 mil baianos já tomaram a primeira dose da vacina contra Covid-19

Vitória da Conquista: Juiz autoriza paciente a plantar maconha para tratar fibromialgia



BUSCA PELO ARQUIVO "06/2015"

Justiça italiana adia para setembro decisão final sobre extradição de Pizzolato

O conselho do estado italiano marcou para o dia 22 de setembro uma nova audiência para avaliar o processo de extradição do ex-diretor do Banco do Brasil, Henrique Pizzolato, condenado pela Justiça brasileira por envolvimento no processo do mensalão. O argumento da segunda e última instância da Justiça administrativa italiana é que as garantias apresentadas pelo governo brasileiro não foram suficientes para que Pizzolato cumpra pena em presídio brasileiro.O Ministério da Justiça italiano tem 60 dias para certificar que as garantias de direitos humanos apresentadas pela Justiça brasileira sejam válidas. Com isso, o processo de extradição de Pizzolato, que cumpre pena em Modena, fica suspenso até setembro.A decisão do Conselho de Estado italiano frustrou as expectativas de uma definição, que seria dada nesta quarta-feira sobre a situação do ex-diretor do BB.Pizzolato estava com a extradição marcada para o dia 15 deste mês. Dois dias antes, entretanto, seus advogados apresentaram recurso pedindo novamente o cumprimento da pena de Pizzolato, que também tem cidadania italiana, na Itália. Os advogados usaram como argumento que uma eventual extradição descumpriria um acordo firmado entre o Brasil e a Itália, que daria amparo à decisão de Pizzolato permanecer cumprindo a sua pena na Itália.

Agência Estado



Cantor Cristiano Araújo e namorada morrem após acidente de carro

O cantor goiano Cristiano Araújo, de 29 anos, e a namorada dele, Allana Moares, de 19, morreram na manhã desta quarta-feira (24) após sofrer um acidente de carro na BR-153, no km 614, entre Morrinhos e o trevo de Pontalina, em Goiás. A informação foi confirmada pelo Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), para onde ele foi transferido, e pela assessoria de imprensa do cantor. Segundo o Corpo de Bombeiros, o sertanejo voltava de um show em Itumbiara, no sul do estado, por volta das 3h30, quando veículo em que ele estava, um Range Rover, saiu da pista e capotou. O cantor chegou a ser socorrido (veja vídeo abaixo) ao Hospital Municipal de Morrinhos e depois transferido em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Móvel até a capital. Em seguida, seguiu de helicóptero até o Hugo, mas não resistiu. Empresário do cantor, Antônio Pereira dos Santos já havia confirmado que a namorada de Cristiano, identificada como Allana Moraes, 19 anos, que estava com ele no veículo, morreu no local. "O corpo dela foi levada ao IML [Instituto Médico Legal] de Morrinhos e os familiares foram ao local para a liberação", disse ao G1. Além do cantor e da namorada, outras duas pessoas estavam no carro. Segundo os bombeiros, elas sofreram ferimentos leves e também foram encaminhadas a um hospital na capital. 



Três presos na Lava Jato têm prisão revogada

O juiz federal Sérgio Moro concedeu, nesta terça-feira (23), liberdade a três presos na 14ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada na última semana. A decisão favorece os consultores Antônio Pedro Campelo de Souza, Flávio Lúcio Magalhães e Christina Maria da Silva Jorge, ligados às empreiteiras Odebrecht e Andrade Gutierrez. De acordo com a Agência Brasil, em troca de liberdade, os acusados deverão comparecer a todos os atos judiciais. Eles não poderão viajar sem autorização da Justiça e serão obrigados a entregar os passaportes em três dias. Moro também decidiu prorrogar por 24 horas a prisão do ex-diretor da Odebrecht Alexandrino de Salles Ramos de Alencar, até que o Ministério Público apresente manifestação. Em carta enviada à diretoria da empreiteira, Alencar pediu, nesta terça, afastamento da Odebrecht.



Mega-Sena pode entregar prêmio de R$ 40 milhões nesta quarta-feira

A Mega-Sena pode pagar entregar nesta quarta-feira (24/6) o prêmio de R$ 40 milhões para quem acertar os seis números do concurso 1.716 da modalidade. O sorteio acontecerá a partir das 20h25 (horário de Brasília). Caso apenas um ganhador leve a premiação e aplique todo em uma caderneta de poupança, poderá viver tranquilamente com uma renda de cerca de R$ 265,6 mil por mês. Ou, se preferir, pode adquirir 17 imóveis no valor de R$ 2,3 milhões cada, ou ainda 8 iates. As apostas, que custam R$ 3,50, podem ser feitas até às 19h (horário de Brasília) desta quarta em qualquer lotérica do País. 

IG



Se Brasil cair nas quartas, Neymar cumprirá punição nas eliminatórias

Foto: Reprodução

Em ofício enviado nesta terça-feira às federações nacionais, a Conmebol afirmou que a Fifa decidiu validar as suspensões de jogadores na Copa América para a próxima competição, as eliminatórias para o Mundial de 2018 na Rússia. Assim, o Brasil pode perder Neymar para as duas primeiras rodadas da competição classificatória, que começa em 5 de outubro neste ano. Em princípio, a informação era a de que a punição valeria apenas a próxima Copa América, em 2016, nos EUA. "Informamos que no dia de hoje a Conmebol recebeu uma comunicação da Fifa em relação à execução das sanções de suspensões por jogos após a finalização da Copa América Chile 2015. Na mesma se indica que as suspensões pendentes que não foram cumpridas na Copa América Chile 2015 deverão ser cumpridas na partida oficial seguinte da equipe afetada em uma competição organizada pela Fifa, neste caso, nos jogos classificatórios para a Copa do Mundo da Fifa Rússia 2018", diz o documento. O atacante foi suspenso por quatro partidas por xingar no túnel do vestiário o árbitro Enrique Osses na derrota da seleção para a Colômbia na quarta-feira passada. O camisa 10, que deixou o Chile na última segunda, já cumpriu um jogo e também não atuaria diante do Paraguai, no próximo sábado, pelas quartas de final.

Caso o Brasil avance de fase, mais dois confrontos acontecerão obrigatoriamente (a semifinal e a decisão ou a disputa pelo terceiro lugar), e o jogador do Barcelona estaria livre para disputar as eliminatórias desde a primeira rodada. No entanto, se a equipe de Dunga cair precocemente, ainda restariam duas partidas oficiais de punição para Neymar, ambas a serem cumpridas no qualificatório. No último domingo, o ESPN.com.br revelou que de acordo com o próprio Regulamento Disciplinar da Conmebol existia a possibilidade de a suspensão ser estendida para torneios de nível mundial, como as eliminatórias para a Copa de 2018, que começam em outubro deste ano. O artigo 126 trata da "extensão das sanções a nível mundial" e afirma: "Quando a infração cometida se qualifica de grave, particularmente, ainda que não exclusivamente em casos de dopagem, tentativas de influenciar ilicitamente nos resultados de jogos, corrupção, conduta incorreta frente aos oficiais de jogo, a Conmebol solicitará à Fifa a extensão a âmbito mundial das sanções que foram impostas". A informação fora confirmada ao ESPN.com.br pelo presidente do Comitê Disciplinar da Conmebol, Caio Cesar Rocha. "Pode ser pedida a extensão em casos graves. Não acho que isso irá acontecer", minimizou o também mandatário do Superior Tribunal de Justiça Desportiva.

StJD

CONTINUE LENDO


87% defende redução da maioridade penal, diz Datafolha

O Instituto Datafolha divulgou nesta segunda-feira (22) uma nova pesquisa sobre o tema da redução da maioridade penal de 18 para 16 anos. Na pesquisa a grande maioria dos brasileiros são favoráveis à redução, como já havia sido apontado em outros levantamentos sobre o tema. A pesquisa apontou que 87% dos brasileiros são favoráveis ao projeto que reduz a maioridade penal. Segundo o estudo, 11% das pessoas são contra a mudança na Constituição, 1% são indiferentes e 1% não souberam responder. O Datafolha também apontou que 73% dos brasileiros defendem que a lei deve ser mudada para qualquer crime, contra 27% que consideram que a medida deve valer apenas para determinados crimes – como prevê o projeto em discussão na Câmara dos Deputados. Segundo o instituto também houve uma mudança no perfil dos brasileiros que defendem a aplicação da lei para determinados crimes. De abril para junho, cresceu de 41% para 53% o total de brasileiros que defendem a redução da maioridade para casos de estupro. Em casos de sequestro, 24% são favoráveis à mudança, ante 14% no mesmo período. Para o crime de homicídio, o número cresceu de 75% para 80%. A pesquisa realizada pelo Instituto Datafolha e divulgada pela Folha de São Paulo ouviu 2.840 pessoas em 174 municípios do Brasil. A margem de erro do levantamento é de dois pontos para mais ou para menos.



Silvio Santos cancela gravações por problemas de saúde e SBT se preocupa

Silvio Santos está sem gravar seu programa desde a semana passada. Ele ficou doente e cancelou tudo. Está em casa se recuperando. A versão oficial que está sendo passada a funcionários do SBT é que o apresentador pegou uma forte gripe. Mas sua equipe na emissora está preocupada, pois não há programas inéditos a serem exibidos. No último domingo, já foram ao ar reprises de quadros. A previsão é de que Silvio volte gravar entre hoje (23) e amanhã. Como ele já está com 84 anos, sua saúde inspira cuidados. Tomara que melhore logo. 

R7



Dilma participa da apresentação do mascote do Time Brasil para as Olimpíadas

Nesta terça-feira (23), a presidente Dilma Rousseff participou da apresentação da mascote do Time Brasil para os Jogos Olímpicos de 2016, a onça-pintada Ginga. Na oportunidade, a petista afirmou que a participação brasileira na Olimpíada do Rio de Janeiro será uma marca na história esportiva do país. Dilma acompanhou o evento realizado no Parque Aquático Maria Lenk, dentro do Parque Olímpico da Barra da Tijuca, com atletas brasileiros que vão disputar os Jogos Pan-Americanos de Toronto, no próximo mês, e a Olimpíada do ano que vem. "Que Toronto seja uma boa preparação para a oportunidade única que será o ano que vem a Olimpíada e a Paralímpiada aqui no Rio de Janeiro. Tenho certeza que o Brasil inteiro, junto com vocês, fará desse evento esportivo uma marca na história mundial esportiva do nosso país e do mundo. O resultado será um Brasil vencedor, um Brasil orgulhoso de seus atletas e suas atletas", disse Dilma.



Pastor Silas Malafaia chama Lula de “maior farsante do Brasil”

O pastor Silas Malafaia foi entrevistado pela jornalista Joice Hasselmann, da TVeja, para comentar o atual cenário político do Brasil, principalmente a rejeição que o governo do PT tem sofrido. O religioso, que não tem papas na língua, não poupou críticas ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, a atual presidente Dilma Rousseff, e ao Partido dos Trabalhadores. Como apoiador de Lula nas eleições de 2002, Malafaia diz que se afastou do PT quando percebeu que as intenções eram outras. “Ele é o maior farsante do Brasil”, disse o pastor ao falar que Lula é um homem muito inteligente. Por ser crítico ao partido e seus aliados, Malafaia ainda é alvo de investigações por parte de órgãos federais que são usados para tentar intimidá-lo. As investigações tentam encontrar erros nas finanças da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo e da Associação Vitória em Cristo com a intenção de denegrir a imagem do religioso pelo país. “Eu não temo não, porque eu sei quem eu sou e em quem eu tenho crido”, disse ele. Malafaia desafiou a Receita Federal a provar que ele desviou dinheiro da igreja ou da associação. A política foi o ponto principal da entrevista, Malafaia comentou sobre sua influência na política e disse que já se arrependeu de ter apoiado nomes como Lula e Sérgio Cabral. “Eu não sei ficar calado”, disse Malafaia. “Eu não tenho como me isentar”, afirmou o pastor que considera o governo do PT como os piores acontecimentos do país. “Presidir uma nação não é função para incompetentes”, disse.

Via Gospel Prime

 



Rafinha Bastos terá que pagar R$ 150 mil a Wanessa Camargo, marido e filho

Foto: Reprodução

O apresentador Rafinha Bastos tem que pagar R$ 150 mil de indenização à cantora Wanessa Camargo, ao marido dela, Marcus Buaiz, e ao primeiro filho do casal, José Marcus, de 4 anos, decidiu nesta terça-feira (23) o Superior Tribunal de Justiça (STJ). Com isso, cada um deles receberá R$ 50 mil. Apesar da decisão negativa, Rafinha teve o valor diminuído, já que em primeira e segunda instâncias a decisão era que ele deveria pagar um total de R$ 450 mil, sendo R$ 150 mil para cada um da família. A informação é da coluna de Mônica Bergamo, na Folha Online. A defesa do humorista tentava reverter a sentença ou diminuir o valor, como aconteceu, pois os advogados consideravam a quantia de R$ 450 mil "exorbitante". Em 2011, quando Wanessa estava grávida, Rafinha Bastos disse no CQC que "comeria ela e o bebê". A defesa do apresentador argumentou que ele "não teve intenções sérias de ter relações sexuais com Wanessa e seu filho". Havia também controvérsia em relação à indenização ao filho do casal, já que ele na ocasião nem havia nascido. A defesa dizia que o bebê "não tinha capacidade de absorver o eventual dano", mas o STJ manteve a interpretação de que a criança deve ser indenizada também na ação por conta da piada de  Rafinha Bastos. 

Correio



Os erros mais comuns de quem estuda para concursos públicos

Se você tinha facilidade para estudar para provas quando estava na escola, nada garante que saiba como se preparar para um concurso público. É que os processos seletivos para conquistar uma vaga na máquina pública são muito mais complexos - e diferentes entre si - do que os exames acadêmicos a que somos submetidos ao longo da vida. Para começar, diz Nestor Távora, coordenador do curso preparatório LFG, há um elemento único, desconhecido pela maioria das pessoas, que faz toda a diferença para o sucesso do candidato: o edital. O problema é que o documento, que compila informações como a sequência, o conteúdo e o peso de cada prova, não recebe atenção suficiente da maioria dos candidatos.  Parece um erro bobo, mas muita gente já começa a abrir os livros sem ter familiaridade com o edital, o que compromete toda a sua estratégia de estudo”, diz Távora. Mas as falhas na preparação para a grande prova vão muito além disso. Veja a seguir as mais frequentes, segundo professores ouvidos por EXAME.com:

1. Não estabelecer um ritmo para os estudos - A preparação para um concurso público pode ser tão cansativa quanto uma bateria de exercícios na academia. Por isso, calibrar a intensidade e a frequência das sessões de preparação é fundamental. De acordo com Távora, alguns candidatos estudam até o esgotamento total num único dia, para depois passar semanas sem tocar nos livros. “Você precisa planejar um cronograma que seja, ao mesmo tempo, constante e saudável”, afirma o professor. 2. Estudar por materiais “duvidosos” - Pela pressa ou desconhecimento, é comum que o concurseiro confie em livros, videoaulas e cursos de má qualidade. 

“Além de incompletos, eles podem não estar atualizados de acordo com as últimas retificações do edital”, diz Rodrigo Menezes, diretor do site Concurso Virtual. Estudar por material desatualizado é “cair em casca de banana na certa”, segundo Rodrigo Lelis, professor do Universo do Concurso. Isso porque os avaliadores "adoram" fazer pegadinhas que envolvam a mudança trazida por uma lei recentemente atualizada.

3. Começar a preparação só depois da publicação do edital - De acordo com Marcus Bittencourt, advogado da União e professor do Damásio Educacional, muitos candidatos esperam a publicação do edital para abrir os livros. O problema é que o documento costuma sair poucos meses antes da primeira prova do concurso - um prazo muito curto para a preparação. Por isso, é melhor começar a estudar com base em editais anteriores. “Quando for publicado o novo, você terá tempo para fazer as adaptações necessárias e revisar os pontos já estudados, dando ênfase nas disciplinas de maior peso”, explica o professor.

4. Não distribuir bem as matérias ao longo da semana - Segundo Távora, muitos candidatos estudam de forma aleatória e caótica. O risco dessa atitude é chegar à prova sem ter coberto todos assuntos mais importantes de cada área. Não adianta estudar só as matérias que você adora, porque assuntos importantes vão ficar de fora. Também não vale se dedicar apenas aos conteúdos mais difíceis, diz o professor, porque você vai se cansar. A melhor tática é estabelecer para a semana um “mix de disciplinas” completo, equilibrado e minimamente agradável.

5. Desconhecer a banca examinadora - Cada concurso é um universo com regras próprias. A maior parte das peculiaridades de cada processo seletivo se deve ao estilo dos avaliadores. Se você desconhece o estilo e as preferências dos seus avaliadores, horas e horas de estudo podem ser desperdiçadas. Enquanto algumas bancas gostam de elaborar provas enxutas e apegadas ao texto da lei, outras preferem exames mais longos e baseados em jurisprudência, exemplifica Távora. A Cespe/UnB, por exemplo, é uma banca que costuma elaborar exames em que cada resposta errada anula uma certa. Ignorar as regras de contagem de pontos, nesse caso, é fatal.

6. Estudar até a exaustão - No afã de conquistar a aprovação, muita gente estuda de manhã, à tarde e à noite, sem pausas. “É uma grande loucura”, diz Lelis, do Universo do Concurso. “É uma rotina que acaba com o equilíbrio emocional e gera muito estresse”. Segundo o professor, qualidade vale mais do que quantidade: é preferível estudar pouco, mas com afinco, do que passar por horas e horas debruçado sobre os livros. “O candidato exausto e estressado tem muito mais chances de ter um ‘branco’ ou até passar mal no dia da prova”, afirma o professor.

7. Não treinar - Outro erro frequente é restringir a sua preparação à leitura da matéria. “Claro que você precisa estudar textos, doutrinas e leis, mas não pode acreditar que isso será suficiente”, afirma Távora. Fazer exercícios e simulados é fundamental para a aprovação, e não só para testar o seu conhecimento. O treino também ajuda a se preparar para o formato das questões e dominar o tempo disponível para resolvê-las.

8. Estudar pensando em curto prazo - Segundo Rodrigo Menezes, diretor do site Concurso Virtual, outro erro frequente é esquecer que alguns editais demoram anos para ser publicados. A depender do seu objetivo, é preciso estudar com o foco no longo prazo.”O ideal para esse caso é usar técnicas de resumo e revisões para que o conteúdo não seja esquecido após um tempo”, afirma o especialista. 

CONTINUE LENDO


Alvo da 14ª fase da Lava Jato, Odebrecht já sofre efeitos no mercado

A prisão do principal executivo e dono da Odebrecht na última sexta-feira já se reflete nos negócios com os papéis da dívida externa da empresa. A média diária do volume de negócios com os bônus da Odebrecht está cinco vezes maior do que vinha registrando nos quinze dias anteriores à prisão de Marcelo Odebrecht. Além disso, os papéis chegaram a cair 9,5% nesta segunda-feira, no pico de baixa do dia. Dados repassados por operadores do mercado de renda fixa mostram que os negócios com bônus da Odebrecht somaram 14 milhões de dólares contra uma média de 2,7 milhões de dólares que vinha sendo registrada. Isso significa que cresceu em cinco vezes as compras e vendas do papel. Já os títulos da Andrade Gutierrez ficaram praticamente estáveis ontem, depois de terem perdido 15% do valor na sexta-feira. Os volumes acima da média e a queda dos papéis expressam a preocupação dos investidores com os desdobramentos da prisão de Odebrecht. Os investidores temem a perda do grau de investimento, que representa uma nota de crédito de alta confiança na empresa. Mas também estão apreensivos quanto a possíveis multas a serem pagas pela companhia e à falta de acesso ao crédito e a novos contratos que podem afetar sua capacidade de pagamento da dívida externa, segundo profissionais do mercado. "Os investidores começam a ficar preocupados com o impacto das investigações daqui em diante na atividade da empresa no Brasil e no exterior e em sua capacidade de pagamento, por consequência", disse o vice-presidente de renda fixa da INTL FCStone, Rodrigo Steiner. Ele lembra que a companhia tem muitas operações no exterior e que os eventos aumentam o risco de comprometimento da imagem da empresa também fora do Brasil

O responsável por renda fixa da corretora Andbank, em Miami, Carlos Gribel, acrescentou que, embora muitos dos argumentos que pesam contra os bônus não sejam novos, a prisão do executivo elimina o álibi de que não figurava no grupo de detidos pela Lava Jato, até então utilizado pela Odebrecht para se blindar do escândalo de propina na Petrobras. "No final das contas, a pressão vendedora é causada pela incerteza quanto à reação das agências de rating, aos montantes de eventuais multas, ausência de funding e o efeito em seu resultado que certamente será afetado", pontuou Gribel. 

Veja

CONTINUE LENDO


Estado Islâmico afoga espiões dentro de gaiola em piscina

O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) não para de produzir cenas chocantes das crueldades que são realizadas com os seus "inimigos". Nesta terça-feira, imagens divulgadas pela sucursal do grupo na província de Nineveh, no Iraque, mostram homens, descritos como “espiões da coalizão”, sendo mortos de maneira cruel. Cinco deles foram afogados numa piscina, dentro de uma gaiola. E o mais absurdo: câmeras subaquáticas foram criteriosamente posicionadas para mostrar, num vídeo de sete minutos, os homens agonizando e morrendo. Depois do afogamento, a gaiola é retirada da água e os corpos são empilhados. As imagens também mostram outros homens presos num carro enquanto um terrorista atira e o veículo explode. Outra cena mostra prisioneiros acorrentados a explosivos. A divulgação de vídeo e fotografias das mortes de "inimigos" é uma estratégia de "propaganda" do regime radical que pretende se instalar no Iraque e na Síria. Atualmente, o Estado Islâmico (ISIS em inglês) é o maior grupo terrorista do mundo. O site Extra apresenta as imagens para denunciar a barbárie que a intolerância e um regime radical produzem pelo mundo. O EI também já divulgou outras execuções e, ainda, imagens de gays sendo atirados do alto de um prédios. No início deste mês três foram atirados de um edifício em Moçul, enquanto uma multidão assistia. Eles também já divulgaram imagens de crianças com armas. 



SUS terá novos remédios para tratar hepatite C

O Sistema Único de Saúde (SUS) contará com três novos medicamentos para o tratamento da hepatite viral C crônica. A utilização do sofosbuvir, daclatasvir e simeprevir na rede pública está previsto em portaria da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos, do Ministério da Saúde. A informação foi publicada nesta terça-feira (23) no Diário Oficial da União. A adesão foi aprovada pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias do SUS. De acordo com o Ministério da Saúde, o novo tratamento tem taxa de cura de 90%, enquanto o atual tem eficácia de cura que varia entre 50% e 70%. Outro benefício sinalizado é a redução do tempo da terapia, de 48 semanas para 12 semanas. Pacientes que acabaram de receber o diagnóstico de hepatite C poderão utilizar a nova medicação. Pessoas que já completaram o tratamento atual, mas não se curaram, também farão o uso. Os novos medicamentos serão adquiridos pelo Ministério da Saúde para distribuição aos estados. Espera-se que no primeiro ano de uso será obtido o suficiente para o atendimento de 15 mil pacientes. A estimativa é que o valor da compra seja de R$ 500 milhões. 

Metro1



Prazo para matrícula no Sisu de meio de ano termina nesta terça-feira

Termina nesta terça-feira (23) o prazo para os candidatos que foram aprovados nos cursos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) fazerem a matrícula na instituição correspondente. O candidato aprovado que não fizer a matrícula ou não apresentar a documentação corretamente, perde a vaga, a qual servirá para a classificação de outros candidatos por meio da lista de espera. Quem não passou tem até sexta-feira (26) para se inscrever na lista de espera no site do Sisu. O candidato selecionado pelo Sisu deverá verificar, junto à instituição de ensino em que foi aprovado, o local, horário e procedimentos para matrícula. 

O que é o Sisu? - O Sisu é um sistema de processo seletivo, criado em 2009 pelo MEC, que usa as notas do Enem para selecionar estudantes para cursos de graduação de universidades federais e institutos tecnológicos de ensino superior. 

Qual o percentual da reserva de vagas para a Lei de Cotas? - Todas as universidades que participam do Sisu reservaram, pelo menos, 37,5% das vagas para estudantes que cursaram o ensino médio em escolas públicas. Até 2016, as instituições deverão atingir o percentual de 50% de vagas reservadas. É preciso ter uma nota mínima no Enem para participar do Sisu? - Sim, por dois aspectos. Primeiro, será vetada a participação de candidatos que tenham zerado a redação. Em segundo lugar, o MEC esclarece que algumas instituições adotam notas mínimas para inscrição em determinados cursos. Nesses casos, o próprio sistema vai alertar o candidato durante o processo de inscrição.

Existe lista de espera no Sisu? - Os candidatos que não foram selecionados em nenhuma das suas opções de curso na chamada regular ou os candidatos que foram aprovados em sua segunda opção poderão participar da lista de espera. Estes estudantes deverão acessar o seu boletim, na página do Sisu, e manifestar interesse. Posteriormente, as universidades terão novo prazo para informar as vagas disponíveis em seus próprios sites. A participação na lista de espera só poderá ser feita na primeira opção de vaga do candidato. A convocação dos candidatos nesta "segunda chamada" é realizada diretamente por cada uma das instituições de ensino superior participantes do Sisu. Por isso, o candidato deverá acompanhar junto à própria universidade o andamento da lista de espera.

Documentos necessários - Para se inscrever no Sisu, o candidato precisará apenas do número de inscrição e senha cadastrados no Enem. Em caso de aprovação, os estudantes devem ficar atentos à documentação exigida pela universidade para a matrícula. Esta informação estará disponível no sistema, no momento de sua inscrição.

Sisu e Prouni: qual diferença? - O Sisu é a sigla para Sistema de Seleção Unificada. Através dele, instituições públicas - sem cobrança de mensalidade - selecionam alunos tendo como critério a nota do candidato no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). O Enem também é usado em outras ações do MEC, como o Ciência sem Fronteiras, o Fies e o Programa Universidade para Todos (Prouni). O Prouni concede bolsas de estudos integrais ou parciais em universidades privadas. O foco são estudantes que saíram de escolas públicas e de baixa renda. 

G1

CONTINUE LENDO


Padilha minimiza rejeição à Dilma e diz que governo já saiu do "fundo do poço"

Foto: Reprodução

O ministro da Aviação Civil, Eliseu Padilha, adotou um tom otimista sobre a baixa avaliação dos primeiros seis meses do segundo governo de Dilma Rousseff. Para ele, o governo já tinha atingido “o fundo do poço”, e agora está subindo. A declaração dele é baseada em fatores como confiança na economia e combate à inflação. “Se formos observar todos os indicadores, na confiança da economia tivemos um pequeno acréscimo, na questão do combate à inflação também. Bateu-se no fundo do poço e começa a voltar”, disse ele hoje (22), após reunião de coordenação política do governo federal. Ele espera que a popularidade da presidente volte a subir. Segundo ele, “se há uma expectativa que começa a melhorar em relação a vários indicadores, isso não acontece por milagre. Existe a chefia de um governo que faz com que isso aconteça, e tem que capitalizar também esse aspecto positivo”.Pesquisa do Instituto Datafolha, divulgada no último fim de semana, apontou que a popularidade da presidente está muito baixa. Apenas 10% aprovam o governo como bom ou ótimo e 65% avaliam o governo como ruim ou péssimo. De acordo com o instituto, o índice de rejeição é o maior para um presidente da República desde setembro de 1992, a poucos dias do impeachment de Fernando Collor de Mello. Um dos articuladores políticos do governo, Padilha disse que o governo trabalha por uma melhor avaliação da presidente junto à população. “Queríamos que fosse ontem, vamos trabalhar para que seja hoje, mas que seja no [tempo] mais rápido possível”, destacou. O vice-presidente e articulador político do governo, Michel Temer, também comentou a pesquisa do Instituto Datafolha. Ele acredita que “o governo vai sair de tudo isso", e ressaltou que "a presidente está fazendo o possível e o impossível" na ação executiva, como o plano safra, o plano das concessões, o ajuste fiscal. "Tudo isso é passageiro”, ressaltou Temer.

Correio



Turista paulista morre após comer empada contaminada em praia de Porto Seguro

Uma empresária do interior de São Paulo que estava visitando a cidade de Porto Seguro, a 392 Km de Salvador, morreu após ficar 20 dias internadas por conta de uma infecção intestinal. Segundo o site da região, Radar 64, Celina Mattos, 68 anos, passou mal depois de comer uma empada de camarão na praia de Arraial D’Ajuda.

A turista estava na cidade desde o último dia 31, quando embarcou em viagem de férias com o marido. Segundo relato do filho, Fábio Mattos, os dois estiveram no dia 2 de junho na praia e ela comprou uma empada de camarão.

“No mesmo dia ela passou mal. Ela foi internada no dia 6 de junho (sábado). A viagem, que seria de uma semana, não terminou. Ela foi para a UTI onde permaneceu 20 dias internada e ontem (domingo, dia 21) morreu”, disse Fábio ao Radar 64. Os exames necroscópicos apontaram como causa da morte infecção generalizada causada pela bactéria salmonela.

O corpo da empresária será sepultado nesta terça-feira (23), após a chegada do traslado de Porto Seguro para Rio Preto, cidade onde ela residia.

Aratu Online



Diretora da ONU ressalta avanço do Brasil nas políticas para as mulheres

Em sua primeira missão oficial ao Brasil, a diretora regional da Organização das Nações Unidas (ONU) Mulheres para Américas e Caribe, Luiza Carvalho, elogiou os progressos feitos pelo Brasil na defesa dos direitos da mulher. De acordo com ela, o país precisa continuar avançando em políticas voltadas para a população feminina. “Precisamos continuar avançando. Não podemos perder o que já conseguimos. Teremos que preservar os avanços, sem retrocessos”. Hoje (22), após uma palestra, Luiza Carvalho se encontrou as ministras de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Nilma Gomes, e de Políticas para as Mulheres, Eleonora Menicucci. Ela disse ter pedido às ministras para que as ações tenham foco também na juventude. A diretora destacou que a reunião com as ministras foi proveitosa e que parcerias serão aprimoradas. “Foi fechado dar continuidade a todos os acordos que temos”. Na palestra a diretora da ONU abordou o tema O Progresso das Mulheres no Mundo, baseada no relatório do mesmo nome e que foi divulgado em abril deste ano. O estudo trata da economia e direitos das mulheres. Sobre a situação das mulheres nos países da região, Luiza disse que muitos governos associaram políticas e aumento d poder aquisitivo das famílias, o que teve impacto positivos nas mulheres. “Como essas políticas foram para promover equidade e diminuir a pobreza, as mulheres foram beneficiadas diretamente porque elas estão concentradas nos níveis de pobreza e é onde está maior concentração de desigualdade como mulheres negras e indígenas”. 

Agência Brasil



Papa Francisco condena fabricantes de armas: 'se dizem cristão'

Em comício realizado na cidade de Turim, na Itália, neste domingo (21), o papa Francisco condenou a indústria de armas e afirmou que as pessoas que se fabricam ou investem no mercado bélico são hipócritas. “Se confiarem apenas nos homens terão perdido”, disse, em um discurso sobre guerra, confiança e política, para completar: “Isso me faz pensar em pessoas, gestores e empresários que se dizem cristão e fabricam armas. Isso leva a um tanto de desconfiança, não?”. Segundo informações do jornal O Estado de S. Paulo, o papa ainda acrescentou que “duplicidade é moeda corrente hoje”. "Eles fazem uma coisa e dizem outra", apontou, em outro momento.



E aí Boechat!!!: A presidente Dilma quis mesmo se suicidar ou quis desviar o foco?

(Composição: 97NEWS)

Após a resposta impactante, “em alto e bom som”, do jornalista Ricardo Boechat a um desafio feito pelo pastor Silas Malafaia, onde ele mandou o reverendo “ir procurar uma r...”, começou uma avalanche de perguntas ao âncora do Jornal da Band, que desceu da cadeira e deu uma “sarrafada verbal” no líder religioso, que acabou aplaudido por milhões de brasileiros e odiado por outros tantos. Dentre tantas perguntas, a mais inquietante, certamente, se refere à presidente Dilma, que segundo especulações de setores da imprensa de Brasília estaria atravessando um momento de grave crise existencial, que teria levado ela a praticar uma tentativa de suicídio. Descartada pela própria presidente nesta segunda-feira, dia 22, que, inclusive ironizou as especulações midiáticas, algumas correntes afirmam que tudo não teria passado de uma grande armação orquestrada para desviar o foco do péssimo momento que atravessa o governo de Dilma, que hoje conta com uma rejeição popular elevadíssima, a qual só aponta tendência de alta. A crise no Palácio de Planalto é grave e real, mas, uma possível tentativa de suicídio da chefe de governo não seria algo do outro mundo, pelo menos no Brasil, pois caso fosse consumado, estaria se criando um mito muito superior ao de Getúlio Vargas, que também tirou a própria vida após uma crise governamental, onde ele dentro de seu quarto desferiu um tiro fatal em seu coração e acabou, depois dessa tragédia, sendo considerado o maior presidente do Brasil de todos os tempos. A tentativa de transformar a presidente, do dia para a noite, de vilão à heroína, poderia ser mesmo uma armação digna de mentes psicopáticas, já que o momento é dos piores dentro da esfera de governo, tanto que até Lula saiu disparando contra Dilma dizendo que ela mentiu e que não está agindo certo. Mas aí fica a dúvida que quem sabe o Boechat poderia desvendar, se realmente houve uma tentativa de suicídio ou se foi somente uma artimanha para se desviar o foco e vitimizar e enobrecer a presidente na busca de se reverter o quadro extremamente negativo que atravessa a gestão da presidente. Então diz aí Boechat!!!, os brumadenses e os brasileiros estão esperando.