ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brasil não deve 'depender eternamente' de Bolsa Família, diz Governo

Motorista evita acidente após ônibus perder freios em avenida de Guanambi

Acidente grave entre carro e carretas deixa dois feridos em Vitória da Conquista

Perícia em local de crime na cidade de Guanambi é tema de artigo em Revista Científica Internacional

Unidade móvel do TRE-BA inicia atendimento em Malhada de Pedras

Câmera escondida em casa alugada registrava banhos dos moradores

Gusttavo Lima leva cavalo ao palco durante show e divide opiniões nas redes sociais

Apenas 22% do público-alvo se vacinou contra a gripe

Novo tratamento para gordura no fígado 'avançada'

Caravana Bahia Sem Fogo realiza semana intensa de prevenção e educação ambiental na Chapada Diamantina

Ciclista morre após acidente envolvendo motocicleta na BA-938 em Guanambi

Campanha usa título de eleitor gigante para chamar jovens para votar

Brasil atinge 1,6 mil mortes confirmadas por dengue

Belo chora em show após anunciar fim de casamento com Gracyanne

Brasil registra primeiro caso local de cólera em 18 anos; paciente é da Bahia

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado


Município baiano registra 2ª maior temperatura do Brasil

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A cidade de Jeremoabo, localizada a 385 km de Salvador, registrou a segunda maior temperatura do Brasil na segunda-feira (1º). Marcando 38,1?°C nos termômetros, o município ficou atrás apenas de Pão de Açúcar, em Alagoas, que alcançou 38,9?°C. Os dados são do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Entre os 10 municípios mais quentes do país, quatro são da Bahia. São eles: Jeremoabo (2º), Euclides da Cunha (5º), Ribeira do Amparo (6º) e Jacobina (7º). As três últimas registraram 37?°C, 26,6?°C e 36,4?°C, respectivamente. Com exceção de Jacobina, que está situada no centro norte, todas ficam no nordeste baiano. Apesar do calor, parte da Bahia foi notificada pelo Inmet sobre o risco iminente de chuvas intensas. As regiões que podem ser afetadas são centro sul, nordeste, sul, norte, extremo oeste e Vale São Franciscano. A previsão é de chuva entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, ventos intensos (40-60 km/h). Há baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário