ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Feirantes não aderem à movimento e manifestação tem poucos participantes

Governo Federal suspende recursos para vigilância em Saúde de 9 cidades baianas

Comerciantes debatem sobre impactos do estacionamento rotativo, em Brumado

Operadora Vivo deixa milhares de clientes sem sinal em Brumado

Policiais Militares da 34ª CIPM participam de palestra sobre funções militares

ONGs preveem onda de ações na Justiça contra Bolsonaro por queimadas

Homenagens marcam cerimônia da Semana do Soldado em Brumado

Motociclista fura bloqueio da PM em Livramento de Nossa Senhora e sofre acidente

Privacidade de dados pessoais dos brasileiros pode ter sido violada pelo Google; diz Senacom

Idoso morre após ser agredido com golpes de facão depois de discussão com enteado

O grupo 'Arte na Praça' convida você e sua família para a 3ª Feira de Artes em Brumado

Bahia: Operação desarticula esquema que sonegou R$ 25 milhões em ICMS

Uso do biodigestor muda a vida das famílias de produtores rurais em Brumado

Clínica Mais Vida: Tremores nas mãos, eles podem ser sinais de que sua saúde precisa de cuidados

Logística Reversa: Alunos reciclam material de construção para reformar casa de moradora na zona rural de Brumado

Brumado: Recebimento itinerante de embalagens vazias de defensivos agrícolas acontece em setembro

Canil e Gatil ainda é um sonho para Brumado

Prefeitura de Brumado começa emitir Certificado de Cadastro de Imóvel Rural

Governo anuncia privatização dos Correios ainda este ano

Conheça o app 'Estacionamento Digital! O serviço de estacionamento rotativo fácil e rápido'



BUSCA PELA CATEGORIA "Brumado"

Brumado: Feirantes não aderem à movimento e manifestação tem poucos participantes

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Um protesto marcado nas redes sociais para acontecer na manhã desta sexta-feira (23) no estacionamento do Mercado Municipal, em Brumado, acabou não tendo muita participação dos feirantes. A equipe do 97NEWS esteve no local e permaneceu por cerca de duas horas, entre as 08h e 11h, e o que pode se observar foi a chegada de um carro de som, alguns mototaxistas que já permaneciam no estacionamento realizando corridas aos seus clientes e curiosos. A reportagem tentou falar com alguns líderes da manifestação, mas fomos informados que ninguém havia chegado. Falamos ainda com um comerciante do local, mas o mesmo preferiu não gravar com a reportagem, apenas disse que estava decepcionado com a situação e lamentava que poucas pessoas compareceu ao que seria um protesto. Ainda no local, por volta das 10h40, mototaxistas se aglomeraram próximo ao carro de som e explanaram sobre os prejuízos causado pelo estacionamento rotativo. "Eles querem implantar a área azul em toda cidade, nós não podemos aceitar isso, o prefeito acha que é dono da cidade", disse um dos mototaxistas. 

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Nossa equipe também flagrou uma pequena discussão entre populares e pré-candidatos que estavam no local. "Nosso movimento é em prol ao comércio e a população, não queremos politicagem aqui", comentou um homem que estava no local. O movimento desta manhã seria contrário ao estacionamento rotativo que foi implantado na região da Feira Livre. Segundo os feirantes, com a área do mercado coberta pela Área Azul, as vendas na feira livre que já vinha caindo, ficou ainda pior. Por fim, os participantes desocuparam o local e alguns mototaxistas acompanharam o carro de som pelas ruas do centro da cidade.



Comerciantes debatem sobre impactos do estacionamento rotativo, em Brumado

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A implementação do sistema de estacionamento rotativo Área Azul foi tema de um debate realizado na última quarta-feira (21) no auditório da 21ª Subseção da OAB, em Brumado. Empresários e membros da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) debateram sobre alguns assuntos, entre eles, valores cobrados, número de vagas e multas aplicadas pelos monitores. Segundo eles, após implantação do projeto, o número de clientes no comércio do Centro diminuíram cerca de 50%. Durante o encontro, os empresários questionaram o impacto que a mudança causará no comércio enquanto os motoristas se adaptam ao novo sistema de estacionamento. "E a nossa posição com relação a área azul, é que ela na verdade nos prejudicou bastante. Para se ter uma ideia, na primeira semana da implantação as nossas vendas caíram em média 50%. Esse impacto ao meu ver foi muito grande, na segunda semana nossas vendas foram para 40%. Hoje as vendas estão com 30%, menor do que era antes, comparando com os meses anteriores e o ano anterior de 2018", disse Wanderley Souza. De acordo com o empresário, a proposta inicial seria de melhorias como ele mesmo pensava. "A gente pensava em crescimento, a gente pensava que as nossas vendas com os espaços para estacionar iriam melhorar, na verdade houve um decréscimo. A nossa preocupação é muito grande e já se faz trinta dias da implantação em Brumado, e a gente fica triste quando saio na porta da minha loja, olho para a rua e não vejo ninguém", comentou o empresário que há 45 anos está no ramo de móveis no comércio local. 

 

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Com cerca de 60 monitores fiscalizando o perímetro comercial e residencial do centro da cidade, a Área Azul de Brumado contempla cerca de duas mil vagas, o que segundo os comerciantes, é um número muito alto para um município que possui cerca de 64 mil habitantes e uma frota de veículos com cerca de 12 mil carros e 15 mil motocicletas. Ainda segundo os empresários, o valor cobrado em Brumado, não condiz com a realidade de outros municípios, com população cinco vezes maior que a de Brumado, à exemplo da cidade vizinha de Vitória da Conquista, que possui uma população estimada em 306 mil habitantes, de acordo com o último censo do IBGE. Em Vitória da Conquista, a 130 km da Capital do Minério, o estacionamento rotativo cobra por cerca de duas horas, o valor de R$ 1,75, sendo que em Brumado, com um número menor em população, se aplica o valor de R$ 2 por uma hora, sendo o condutor obrigado a mudar de vaga a cada duas horas locada. A Ordem dos Advogados do Brasil também vem se engajando diante dos apelos da comunidade e mediante uma comissão que está apurando a legalidade dos efeitos do estacionamento rotativo da cidade. A advogada Ingrid Freire, membro da comissão investigativa da OAB conta que a Ordem abriu uma representação no Ministério Público contra o modelo de implantação do projeto no município. "Nesse momento nós apresentamos os pontos que nós achávamos irregulares, e o promotor nos pediu para que a gente levasse para ele toda essa documentação que a gente tinha conseguido, e fizesse a representação. Já protocolamos essa representação a cerca de quinze dias, e nos pontos da representação existem situações na qual, como a licitação foi feita, até pelo fato da empresa está em recuperação judicial, tem a situação também de como estão sendo feitas as infrações de trânsito, porque o monitor não pode aplicar, e isso se cabe ao agente de trânsito", afirmou a advogada. 

 

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Já a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) encaminhou um ofício a administração, no intuito de se conseguir uma audiencia para tratar do possível reordenamento no zoneamento da cidade. Sem êxito, o presidente da CDL, Manoel Messias relatou que a prefeitura não respondeu ao oficio, e diante de uma nova negativa, a CDL declarou que irá elaborar um novo ofício que será encaminhado tanto ao Ministério Público, quanto a OAB. "É cultural nosso, tá mudando, mas bem a passos lentos essa questão de participar do problema antes dele acontecer. A gente enxerga que será um problema, mas a participação é muito pouca. Isso eu vejo na sociedade de Brumado, dentro da entidade a qual eu estou a frente, então a gente tem que ter perseverança, paciência e sempre está chamando a atenção, dando um puxão de orelha por todo comércio, a gente não pode deixar a boma estourar para depois correr atrás para tentar apagar o fogo. Nós vamos tomar nota desse evento para gerar um novo documento e mandar para administração pública e para o Ministério Público, então, a opinião das entidades e da sociedade organizada ela faz a pujança desse documento e, se mais uma vez não tivermos resposta em tempo hábil, ai agora vamos para a casa do povo chamando toda população para se manifestar", disse Messias.

 



Operadora Vivo deixa milhares de clientes sem sinal em Brumado

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Clientes da operadora de telefonia Vivo enfrentaram problemas para fazer ligações durante todo o dia da quinta-feira (22) em Brumado. Internautas criticaram a falha no serviço também nas redes sociais. O empresário Aloísio Rocha afirma não ter sido a primeira vez. "Uso o celular como instrumento de trabalho. Esses 'caladões' me prejudicam muito. Essa não é a primeira vez que isso acontece". Segundo apurou o site 97NEWS, os clientes podem ter encontrado dificuldades para completar ligações devido a uma falha em equipamentos de rede da empresa localizados na Serra das Éguas, que apresentaram indisponibilidade momentânea. Em contato com a nossa Redação, clientes relataram instabilidade também na cidade de Livramento de Nossa Senhora. Em Brumado, o serviço se encontra normalizado nesta sexta-feira (23). Nos últimos dias, a operadora tem sido alvo de muitas críticas de seus usuários. A população espera que a instabilidade seja resolvida e que o sinal possa ser melhorado na cidade. 



Policiais Militares da 34ª CIPM participam de palestra sobre funções militares

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Políciais Militares que pertecem a 34ª Companhia Independente de Polícia Militar (34ª CIPM) participaram na quinta-feira (22) no Auditório da OAB, em Brumado, de uma palestra sobre o exercício das funções policiais. A palestra foi ministrada pelo promotor Marcos David. Além da palestra, foram tratadas questões administrativas da 34ª CIPM e divulgados os procedimentos que serão implementados para a participação da unidade no desfile do dia 07 de setembro. Diversas autoridades marcaram presença no evento. O Major Mário Cabral, comandante da unidade, agradeceu ao promotor e reafirmou a necessidade da continuidade do ciclo de palestras aos policiais militares, uma das premissas de sua gestão.

 



Homenagens marcam cerimônia da Semana do Soldado em Brumado

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Soldados são considerados a base da Defesa nacional. Vão ao combate, lutam, defendem e protegem com propriedade o bem maior do País que é a nação brasileira. Ser soldado vai além da primeira formação na instituição militar. Todos aqueles que servem à  Pátria são considerados eternos soldados. As solenidades da Semana do Soldado e do Desfile de 07 de Setembro sempre foram um dos pontos altos das ações do Exército em Brumado, que é muito bem representado pelo Tiro de Guerra, o qual é um dos mais modernos e bem equipados da região. Visando a programação da Semana, o diretor da unidade, tenente Edmundo de Souza Rocha convida a população brumadense para a Solenidade Militar em alusão da Semana do Soldado ocorrerá nesta sexta-feira (23) às 19h na sede do TG 06-024, que fica localizada na Av. Ana Lídia Cardoso, 386, bairro Parque Alvorada.



O grupo 'Arte na Praça' convida você e sua família para a 3ª Feira de Artes em Brumado

Foto: Divulgação

O grupo Arte na Praça realiza mais um evento em Brumado com artesanatos na Praça do Jurema, onde haverá apresentação e exposição de trabalhos artesanais feitos por artesãos da cidade, comidas gourmet e culinária da região. O evento será realizado na sexta-feira, dia 06 de setembro, a partir das 17h. Esperamos por vocês!



Uso do biodigestor muda a vida das famílias de produtores rurais em Brumado

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O aproveitamento do biogás promoveu uma virada nas contas da família do senhor Aparecido e da dona Marlene, na comunidade de Piabanha, zona rural de Brumado. O produtor zerou a despesa com a compra do gás de cozinha. Somando os ganhos, a redução do gasto com o GLP e a economia gerada pelo biodigestor estão trazendo melhoria de renda para a família na ordem de R$ 840 por ano. O agricultor conta que resolveu apostar no aproveitamento sustentável dos dejetos após conhecer o projeto na Divina Providência, que inclusive forneceu o biodigestor para eles. "A partir de 2014, assim que recebemos a cisterna, começamos a cultivar hortaliças em nossa propriedade, e ai nasceu o interesse um ter um biodigestor, quem também fornece adubo para a horta", conta dona Marlene. A propriedade conta com um biodigestor grande em atividade, que é alimentado todos os dias com um balde de esterco fornecido pelo gado da propriedade, e acrescenta-se um balde de água, formando assim o biogás. "Esse gás ele vai do biodigestor direto para o fogão de casa. É um gás limpo, não tem cheiro e tem uma chama mais potente", disse ao 97NEWS Aparecido. Quando o nível do reservatório chega ao seu limite máximo, a família ainda reaproveita a sobra, que é considerada como biofertilizante. As hortas irrigadas com o fertilizante natural são destinadas ao cultivo do coentro, alface, que serve para a própria família. Com isso, a propriedade também reduziu os gastos com adubo e ficou mais produtiva. "Nossa hortaliça é 100% orgânica, não usamos nenhum agrotóxico", comenta Marlene. Segundo a família, apostar no aproveitamento sustentável dos dejetos foi uma decisão acertada. A mudança garantiu redução de custos e vantagens para o meio ambiente, uma maneira de colaborar com o que recebem da terra.



Clínica Mais Vida: Tremores nas mãos, eles podem ser sinais de que sua saúde precisa de cuidados

Foto: Divulgação

Todos, mesmo pessoas saudáveis, têm um pouco de agitação nas mãos. Isso é o que os médicos chamam de "tremor fisiológico". É normal, e você naturalmente não percebe, porque é muito leve. Mas, em alguns casos, esse "tremor fisiológico" pode se tornar exagerado. Isso pode acontecer: Se você toma certos medicamentos, como aqueles usados para tratar a depressão, ou asma e outros problemas respiratórios; Se você toma café, fuma cigarros ou usa "estimulantes" (incluindo cafeína e certos medicamentos); Se você está ansioso ou com medo; Se seus músculos estão muito cansados, por exemplo, porque você acabou de trabalhar; Se você tem uma glândula tireóide hiperativa; Se você tiver febre, etc. Portanto observe se esses tremores deixaram de ser natural e se positivo procure um especialista. Uma boa avaliação médica dará um diagnóstico preciso. Agende sua consulta. A prevenção é a melhor forma de cuidar da sua saúde! Para maiores informações, ligue: (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 9.9989-6868.



Logística Reversa: Alunos reciclam material de construção para reformar casa de moradora na zona rural de Brumado

Foto: Divulgação l Alunos Logística

Uso de materiais provenientes da logística reversa ganha força e tem suas vantagens para a sociedade e o meio ambiente. Pensando no campo promissor e servindo como exemplo de experiência para os alunos de Logística da escola CEEP, os professores e sua turma resolveram colocar em prática a ação no município de Brumado. Sendo um dos setores que mais produz detritos e causa impactos em diferentes âmbitos, os professores Mário e Rúbia partiram para campo juntamente com os seus 13 alunos e resolveram aplicar na prática como explica um dos alunos que acabou de comcluir o curso, Jean Viana dos Santos. Segundo ele, a ideia inicial seria recolher materiais de construção que estão em reforma como telhado, piso, madeira, enfim uma infinidade de materiais para doar às famílias carentes. Mas de acordo com Jean, a iniciativa tomou uma proporção tão grande que eles conseguiram não só materiais usados, como também itens novos. "Recebemos doações de pisos, todo material para banheiros, valores em dinheiro, e o trabalho virou uma causa social", conta. Segundo ele, mesmo com o curso já concluído, os alunos se engajaram na ação que o projeto continua pela zona rural do município. "A gente foi em três famílias, e a que atendeu todos os requisitos foi a da dona Geranoveva do povoado de Samambaia, e nós conseguirmos fazer vários mutirões, mas mesmo assim o nosso maior desafio é encontrar pedreiros para realizar a manutenção na residência de maneira que ele não cobre pelos serviços, ou seja, que faça uma boa ação", destaca Jean. 

Foto: Divulgação l Alunos Logística

Conforme o aluno, com a campanha eles até tem um valor em caixa disponível para gastar, mas segundo Viana, ao invés de gastar com mão de obra, o valor poderia ser utilizado com outros recursos. "Esse valor nós queremos usar na melhoria da casa dela, porque mesmo como a gente conseguiu a telha e o madeiramento, a gente tem que levantar um pouco a casa. Então a nossa necessidade é a mão de obra", afirma o aluno. Conforme Viana, a dona da casa é mãe solteira e tem dois filhos, então a necessidade de uma ação social urgente. "Nós vimos nela, a necessidade de aplicar o que aprendemos em sala de aula e, além disso, por conta da necessidade que eles estão enfrentando com uma casa que está prestes a cair", comenta. Para quem deseja realizar o trabalho voluntário para ajudar na reforma da casa de dona Geranoveva no povoado de Samambaia pode procurar pelos alunos, Jean na Distribuidora Viana; Maria na Fox; João no Posto Meira e Alex no Disbahia.



Brumado: Recebimento itinerante de embalagens vazias de defensivos agrícolas acontece em setembro

Foto: Divulgação

No dia 18 de setembro, acontece o recebimento itinerante de embalagens vazias de defensivos agrícolas em Brumado. A ação consiste no recebimento temporário de embalagens vazias em locais próximos às propriedades rurais como forma de promover a devolução destes resíduos pós-consumo ao Sistema Campo Limpo (logística reversa de embalagens vazias de agrotóxicos). O recebimento itinerante, que acontecerá das 9h às 15h na antiga sede da Ferrovia, localizada no bairro Apertado do Morro, e beneficiará mais de 100 produtores rurais da região e estima-se que três toneladas de embalagens serão entregues. Após a devolução das embalagens, todo material será levado para a destinação final, reciclagem ou incineração. As embalagens vazias devem ser devolvidas junto com suas tampas e rótulos. O agricultor tem até um ano para efetuar a devolução, mas, caso nesse período sobrar produto, poderá postergar o prazo para mais seis meses. O revendedor deve indicar no corpo da nota fiscal o local para a embalagem ser devolvida. Caso haja omissão por parte do agricultor, ele poderá ser autuado e multado. A ação, conta com o a poio da Prefeitura Municipal e da Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Recursos Hídricos. Para obter mais informações, os produtores devem ligar no (77) 3441-8770. 



Canil e Gatil ainda é um sonho para Brumado

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Enquanto o sonho de um canil e gatil não se torna realidade em Brumado, a cachorrada permanece solta pelo município. Na tarde desta quarta feira (21), o 97NEWS fez mais uma vez o registro de vários cães circulando com tranquilidade no centro da cidade. Mas essa cena se repete há vários anos em outros locais do município. O que parece ser um problema simples, pode se tornar grave se levarmos em consideração o fato de muito desses animais serem vetores de várias doenças, como a raiva por exemplo, que pode levar o ser humano a morte. Um canil/gatil, inclusive já foi até construído às margens da BR-030, na comunidade Lagoa de Dentro, na altura da fábrica de cimento em 2016, no entanto, a ONG AuAu que cuida de alguns animais no município alegou que o local construído pela prefeitura tem estrutura muito pequena para abrigar os animais. Diante do tema, em 2018, o Ministério Público Estadual, a ONG AuAu e a Prefeitura Municipal celebraram um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para que a estrutura do Canil/Gatil fosse ampliada. De lá para cá, o município só realizou algumas melhorias no local que continua abandonado. Ainda na época, a presidente da ONG, Marli Lobo, chegou a dizer que manter o canil em um local tão distante era inviável, sem contar com os padrões em que foi construído. 

A prefeitura fez melhorias em junho de 2018 - Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Com aplicação de R$ 135 mil de verba pública, a obra municipal que poderia estar reduzindo a grande demanda de animais soltos nas vias de Brumado, acabou se transformando em um “pequeno elefante branco”. O município vem atravessando uma problemática com o número cada vez maior de animais soltos nas ruas, principalmente cachorros e equinos. E a situação pode se agravar ainda mais, se a ONG AuAu encerrar suas atividade. Em uma entrevista ao 97NEWS meses atrás, a responsável pela ONG questionou a possibilidade de encerrar as atividades devido a falta de apoio por parte dos poderes públicos. Para tentar amenizar a situação, um grupo de jovens realizaram um campeonato de baleado para arrecadar ração e materiais de limpeza, no intuito de ajudar a ONG, mas conforme Marli, a situação ainda requer atenção. Só em uma residência alugada pela ONG que cuida dos animais retirados das ruas há mais de 60 cães e gatos, na sua maioria, rejeitados por seus antigos donos. 

O canil/gatil segue abandonado - Foto: Luciano Santos l 97NEWS


Prefeitura de Brumado começa emitir Certificado de Cadastro de Imóvel Rural

Foto: Reprodução

A Prefeitura Municipal passou a emitir esta semana o Certificado de Cadastro de Imóvel Rural (CCIR). O documento emitido pelo Incra que é indispensável para transferir, arrendar, hipotecar, desmembrar, partilhar (divórcio ou herança) e obter financiamento bancário. Para que as propriedades rurais estejam devidamente regularizadas é obrigatório se fazer o CCIR. Em Brumado, os proprietários rurais vão poder obter o documento através da SEMAC que fica localizado na Rua Dr. Mário Meira, centro (Próximo aos Correios). O horário de atendimento é de segunda à sexta, das 08h às 12h e das 14h às 18h.

 





2ª Feira do Empreendedor será realizada no mês de outubro em Brumado

Foto: Divulgação

A cidade de Brumado foi eleita em 2018 como a cidade mais empreendedora do estado da Bahia. A etapa estadual avaliou projetos de 38 municípios que concorreram em oito categorias, como Inovação, Sustentabilidade e Cooperação Intermunicipal. Destes, 26 foram à final -- incluindo Brumado --, que concorreu nas categorias de ações públicas, gestão pública eficiente e sala do empreendedor consolidada e com atuação rural, comercial e industrial. Desde que foi implantada no município, a Sala do Empreendedor vem fazendo o seu papel e a parceria com o Sebrae veio para consolidar ainda mais esse destaque no cenário Estadual. Dessa parceria nasceu a Primeira Feira do Empreendedor que foi realizada também em 2018, num evento na Praça Armindo Azevedo onde reuniu vários empreendedores não só de Brumado, como de toda região. Para este ano de 2019, buscando dar uma dinâmica ainda maior ao comércio e empreendedorismo no município, será realizado por meio da Secretaria de Municipal de Planejamento Econômico, a 2ª Feira do Empreendedor. Na última terça-feira (20), foi realizada uma reunião para fechar as parcerias do evento com representantes para elaboração do evento. No encontro, foi acertado detalhes visando avanços na organização, buscando um maior número de expositores, o que trará retornos mais robustos para o comércio local. A 2ª Feira do Empreendedor acontecerá nos dias 25 e 26 de outubro nas dependências do Ginásio de Esportes Antônio Alves Ribeiro, localizado na Avenida Centenário.



Clínica Master: Especialista em Ombro e Cotovelo

Foto: Divulgação

A Clínica Master oferece atendimento com Dr. Francisco Donato, ortopedista com especialização em ombro e cotovelo, agende a sua consulta. A Clínica Master fica na rua Donizete Alves Lima, nº 225, no bairro Nobre (Próximo ao Hospital regional). Telefones 77 3441-5396 | 77 99991-5396 (whatsapp) | 77 99126-1903.



Brumado: Obras de duplicação da Ponte do Bairro São Jorge estão seguem cronograma

Foto: 97NEWS

Considerada uma das obras estruturantes mais importantes para o futuro da mobilidade urbana dos bairros São Jorge e Dr. Juracy, a duplicação e reestruturação da ponte, que, num sentido, permite a ligação com a BR-030 e no outro com o centro da cidade, estão seguindo o conograma, que segundo a Secretaria Municipal de Infraestrutura, já está com cerca de 50% concluída. Conforme a pasta, a previsão de entrega segue até o final do ano. "Um novo padrão estético será entregue ao local, já que outras obras de urbanismo também estão sendo realizadas", diz a prefeitura. Os moradores dos dois bairros comemoram a realização da obra que era uma das principais reivindicações, já que o movimento de veículos, após a efetivação dos Conjuntos Residenciais Brisas, aumentou muito. Além disso, o bairro se tornou uma rota rápida de veículos pesados que chegam via BR-030 ao centro comercial da cidade.



Plenário da Câmara aprova projeto que regulamenta a vaquejada

Foto: Reprodução

O plenário da Câmara dos Deputados concluiu na noite de terça-feira (20) a votação do projeto de lei (PL 8240/17) que regulamenta as práticas da vaquejada, do rodeio e do laço no Brasil. A proposta vai à sanção presidencial. O projeto é resultado da Emenda Constitucional 96 que, entre outros pontos, reconhece a vaquejada como bem de natureza imaterial integrante do patrimônio cultural brasileiro. A emenda determinou a regulamentação da prática por uma lei específica, que assegure o bem-estar dos animais envolvidos. De acordo com o texto aprovado, ficam reconhecidos o rodeio, a vaquejada e o laço como expressões esportivas e culturais pertencentes ao patrimônio cultural brasileiro de natureza imaterial. A proposta aprovada define as modalidades que passam a ser reconhecidas como esportivas, equestres e tradicionais. Na lista estão, entre outras, o adestramento, o concurso completo de equitação, o enduro, o hipismo rural, as provas de laço e velocidade, a cavalgada, a cavalhada, o concurso de marcha, a corrida, as provas de rodeio e o polo equestre. Em relação ao bem-estar dos animais, deve-se, em relação à vaquejada, assegurar água e alimentação suficiente sempre à disposição, assim como um local apropriado para o descanso. Também será necessário prevenir ferimentos e doenças por meio de instalações, ferramentas e utensílios adequados, além da prestação de assistência veterinária.



Brumado: 'Abate clandestino atrapalha comercialização da carne de cordeiro no município', diz produtor

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Os desafios para o avanço do consumo da carne de cordeiro na Região Sudoeste não é fácil. Entre eles, a falta de incentivo por parte dos governos e o abate clandestino, que infelizmente acontece com bastante freqüência em nossa região. Em visita ao sítio Avalon localizado na região do Campo Seco II, as margens da BR-030, o 97NEWS ouviu o produtor dessa carne nobre em Brumado, que vem ganhando o cenário nacional. Para o jornalista e criador de ovinos, Gustavo Costa, há uma séries de desafios que ele enfrenta para a distribuição da carne de cordeiro na região. Indagado sobre o porque que a carne do cordeiro criada na cidade não é comercializada em Brumado e região. "No caso de Brumado a gente adoraria vender aqui ou para a região, mas ocorre que boa parte do mercado local, ele é atendido pelo abate clandestino, são animais que são abatidos debaixo de juazeiro, de uma goiabeira, do umbuzeiro, enfim, e a gente tem a nossa produção para atender os frigoríficos", relata o criador no qual informa que ao contrário do que acontece em outras fazendas do município, o seu sítio realiza abate em frigoríficos certificados. "Infelizmente não há fiscalização, e isso inviabiliza o consumidor poder consumir uma carne com mais qualidade, mais segurança alimentar, uma carne livre de qualquer tipo de perigo", esclarece Costa na esperança que a situação mude e o município possa receber a carne nobre de cordeiro. "O nosso manejo é totalmente controlado, então ficaria inviável competir com o mercado clandestino. Aqui nós realizamos um balanceamento nutricional e, concorrer com animais que são abatidos de qualquer forma, muitas vezes em situação de precariedade como, animais muito magros e velhos, dai acaba que fica difícil ter o mesmo preço que o mercado clandestino", conta Gustavo. 

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

De acordo com o jornalista, mesmo com uma carne mais cara, existem consumidores que buscam esse selo de qualidade. "O consumidor fica deslumbrado quando ele conhece esse tipo de carne, o gosto, o sabor são realmente maravilhosos", disse ao 97NEWS. Conforme o produtor, a atividade vai evoluir com uma maior união e comunicação entre todos os níveis da cadeia. "A irregularidade leva o cordeiro a ser visto como um produto sazonal. O produtor precisa investir nesses pontos e reavaliar a sua relação com o produto", destaca. Ele ainda alerta que os desafios estão nas políticas públicas, ainda muito tímidas para a ovinocultura. "É preciso entender o semi-árido como uma área capaz de produzir e capa de gerar riquezas, principalmente para o homem que está no campo é fundamental. A gente tem que acreditar que sim, é possível, por mais que dificuldades existam. O que eu acho que falta, além de um maior empenho das políticas públicas, é que o semi-árido passe a valorizar os seus produtos. É muito importante que o cordeiro, o boi, a manga, o quiabo e os hortifrútis estejam na mesa do consumidor local, e que indústria de transformação desses produtos venham se instalar na região", ressaltou. O fato é que além da ovinocultura, outros manejos podem gerar renda aos pequenos produtores, aos frigoríficos, e também aos distribuidores e comerciantes. É preciso enxergar que o Nordeste não pode mais repetir o mesmo discurso que mantém há anos e uma mudança de mentalidade precisa ser feita. É a união da cadeia que vai gerar um novo destino a produção de nossa região.

 



Operação detecta dezenas de postos de combustíveis lesando consumidores na Bahia

Foto: Divulgação

Dezesseis postos em Salvador, região metropolitana e Feira de Santana foram autuados por entregar menos combustível que o volume comprado pelo consumidor. A fraude foi descoberta durante a primeira etapa da Operação Posto Legal, iniciada na última semana. Deflagrada para evitar irregularidades em produtos comercializados nos postos, a operação abordou inicialmente 36 estabelecimentos. “Nesta operação, um dos objetivos é que os órgãos trabalhem em conjunto. Esta é uma equipe completa para a verificação dos elementos principais em um posto de combustível, para a entrega da qualidade e da quantidade corretas do produto pela qual o consumidor está pagando”, afirma o superintendente do Procon, Filipe Vieira. O Procon encontrou infrações em oito estabelecimentos da capital e RMS — a maioria sem o Código de Defesa do Consumidor (CDC), alguns com produtos vencidos e produtos sem preço. Em Feira de Santana, 18 apresentaram tais irregularidades. O Ibametro é responsável pela fiscalização da quantidade entregue do produto e da segurança das instalações. O diretor de mercado do órgão, Gildásio Rocha, explica que as atividades do Ibametro “são feitas nos bicos de combustíveis. Cada estabelecimento pode ter mais de um bico, que os consumidores chamam de bombas. Foram feitas fiscalizações em 209 bicos, 126 foram aprovados e 83 foram reprovados. Das 83 reprovações, 33 foram interditados. A infração mais grave, que é a entrega menor na quantidade vendida, foi detectada em 16 bicos de gasolina”.



Brumado: PM apreende homem após ameaçar ex-companheira no distrito de Itaquaraí

Foto: Divulgação l Polícia Militar

Na tarde de terça-feira (20), a Polícia Militar apreendeu três armas de fogo que estavam na residência de um morador no distrito de Itaquaraí, em Brumado. Segundo informou a PM ao 97NEWS, uma viatura se deslocou até a rua Jorge Amado, no referido distrito, após ser solicitada via CICOM no qual informou uma situação em que um indivíduo possuía armas em sua residência e teria ameaçado sua esposa. Chegando ao local, a guarnição se deparou com um senhor, o qual justificou que sua esposa teria largado há meses e não teria a encontrado mais, no entanto, disse que possuía as armas em sua residência e as entregou voluntariamente à polícia. Mediante os fatos, a guarnição conduziu-o para a Delegacia, onde os fatos foram registrados permanecendo o indivíduo à disposição da justiça.