ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Comprovante de vacinação passa a ser exigido em delegacias da Bahia

Piloto morre após queda de avião em Luís Eduardo Magalhães

Vitória da Conquista: Terreiros de religiões de matriz africana ganham imunidade tributária

Brumado registrou 178 casos ativos de Covid-19 na sexta-feira

Família é feita refém e torturada durante assalto na zona rural de Brumado

Morre aos 94 anos, a mãe do presidente Jair Bolsonaro

Suspeito de tráfico de drogas é preso em Guanambi

Na Bahia, 283 servidores que não comprovaram vacinação serão afastados por 90 dias

Criança que teve parada cardíaca horas após se vacinar tem doença rara, diz investigação

Brumado: Ambulância atropela e mata cavalo na BA-262

36 agências bancárias da Bahia fecham temporariamente após surto de Covid-19

Ataque hacker ultrapassa 24 horas e sites do governo ainda estão fora do ar

Dr. Igor Malaquias foi o entrevistado do Tema Livre Podcast desta semana

Bahia: Governador anuncia redução de 3 mil para 1,5 mil pessoas em eventos

Brumado: Presidente da Câmara testa positivo para Covid pela 3ª vez

Policiais civis aprovam estado de greve na Bahia

Site da Secretaria de Segurança Pública da Bahia é hackeado

Prefeitura de Brumado vai iniciar reformas em casas atingidas pelas chuvas

Brasil registra 6 vezes mais casos diários de covid-19 que em dezembro

Brumado registra 36 novos casos de coronavírus em 24h


Brumado: Assombrações, fantasmas e terror no Magalhães Neto

(Fotomontagem: 97NEWS)

O Hospital Municipal Magalhães Neto voltou a ser assunto na mídia baiana, desta vez no campo do sobrenatural, já que uma “brincadeira de mau gosto” por parte de um funcionário do órgão causou um grande “reboliço”, inclusive espantando a população que ficou aterrorizada pela aparição de uma suposta “menina-fantasma”. A “montagem” que acabou “viralizando” no aplicativo WhatsApp, era das mais rudimentares, tanto que até um leigo em arte gráfica distinguiria a inexatidão da imagem, mas, mesmo, assim alguns blogs locais fizeram questão de veicular a matéria, o que acabou gerando uma grande confusão, já que foram levantadas suspeitas de que a intenção era espantar a população, colocando uma atmosfera de terror sob o nosocômio, que estaria “assombrado” por uma “menina-fantasma”. O Hospital que atualmente não “anda lá muito bem das pernas”, com inúmeras queixas e reclamações dos usuários, estaria agora “sob o domínio do mal”, pelo menos foi essa a leitura feita por muitos brumadenses, sendo que alguns levantaram a hipótese de que o objetivo era desviar o foco de uma crise que vem se dimensionando com a falta de verbas e o corte em vários procedimentos importantes. Elucubrações à parte, o novo questionamento, - esse sim bem dentro do terreno da realidade -, seria o porquê do Magalhães Neto estar ainda sob a total responsabilidade do município, já que poderia ter sido transferido para o domínio do estado, o que proporcionaria um grande salto de qualidade, fazendo até a tão sonhada UTI entrar em funcionamento. Vale lembrar o exemplo do município de Guanambi, não tão distante daqui, onde o hospital é estadual e funciona de uma forma muito satisfatória, com procedimentos em baixa, média e alta complexidade. Será que o espectro da “menina-fantasma” pode se tornar o pivô para essa mudança?, isso somente as autoridades podem responder, mas uma coisa é certa, pelo menos para os simples mortais, que a crise no Magalhães Neto transcende os leitos frios e os corredores infindáveis, indo para outros setores mais “nevrálgicos”, os quais poderiam estar em “estado terminal”. 



Comentários

  • Lucas

    "Vi essa foto recentemente tinha certeza que era fake, agora está comprovado, pior é que pessoas menos esclarecidas acabam acreditando. www.anovaordem.com"

Deixe seu comentário