ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Quase 400 indicações foram feitas no primeiro semestre deste ano na Câmara de Vereadores

Brumado: Ônibus bate em poste e deixa moradores sem energia elétrica na Av. João Paulo

Morro do Chapéu: Praça com disco voador de 40 toneladas é inaugurada nesta sexta-feira

Presidente sanciona lei que amplia pena para violência contra crianças

Atirador mata 14 estudantes e um professor em escola primária no Texas

Conquista: Justiça cassa mandato de vereador por denúncia de fraude em eleição

UniFG comemora 20 anos com expansão e objetivo de transformar mais vidas pela educação

Câmara de Brumado aprova projetos de lei, requerimentos e indicações

Detran da Bahia implementa cartões de exames eletrônicos durante avaliações para CNH

Brumado: IMEP realizará Cruzada de Cura, Libertação e Milagres no Bairro São Felix

Brumado registra aumento de casos de chikungunya na zona rural

Dr. Felipe Leão, médico da Clínica Mais Vida, alerta sobre a importância da realização do check-up

Após dez meses de trabalho missionário, Jocum pretende construir sede própria em Brumado

412 mil baianos ainda não declararam imposto de renda; prazo acaba em uma semana

PM apreende homem por importunação sexual contra jovem em Aracatu

Presidente da Petrobras é demitido; Caio Mário Paes assume cargo

Varíola dos macacos já está presente em 12 países e já existe quarentena obrigatória para infectados

Vídeo mostra briga generalizada no Show de Gusttavo Lima em Brasília

O outro lado da história: Pai afirma que o parto da filha aconteceu em sua residência

Mãe mata filho de 5 anos em Vitória da Conquista; arma usada no crime pertence ao pai


Avô faz grave denúncia de negligência do HMPMN: Minha neta iria morrer se não fosse transferida

O agricultor Aparecido Dias de Barros está indignado com o que aconteceu com sua neta (Foto: Marcos Paulo / 97NEWS)

O agricultor Aparecido Dias de Barros, de 59 anos, morador da Fazenda Baixa Grande, procurou a redação do 97NEWS para relatar uma situação muito grave que envolve, segundo ele, um grande ato de negligência do Hospital Magalhães Neto. Num tom de desespero ele iniciou explicando que “minha neta Nicole de 15 anos deu entrada no hospital no dia 28 de junho, um domingo, com uma forte suspeita de dengue hemorrágica. Passados alguns dias o quadro se agravou muito e foi feito um pedido para transferência para uma UTI, só que houve uma forte resistência por parte do Dr. Joaquim que garantiu que o quadro não era preocupante” e ainda mais irritado continuou dizendo que “quando chegou na quinta-feira, quase uma semana depois, ela estava muito mal, com o corpo todo inchado, ai entrei em contato com Dra. Rita que ao ver a situação dela fez o maior escarcéu para que ela fosse transferida imediatamente ou se não ela iria morrer, porque as plaquetas estavam muito baixas”. Tomando fôlego ele deu sequência a sua narrativa observando que “quando foi umas 9 horas da noite foi conseguida a transferência para Itapetinga e ela foi levada pela ambulância. Chegando lá foi constatado um quadro grave de negligência, pois ela correu um risco muito grande de morrer, mas, graças a Deus e a Dra. Rita ela, após 4 dias de UTI está recuperada”. Para finalizar ele ainda citou que “mas ainda não acabou, pois quando ela teve alta foi comunicado ao hospital daqui para enviar uma ambulância para ir buscar minha neta em Itapetinga, mas o secretário Claudio disse que não ia mandar nem ambulância nem carro, pois ela poderia voltar muito bem de ônibus. Agora eu pergunto pra vocês, como que uma adolescente que estava à beira da morte poderia vir de ônibus. Foi ai que liguei para o prefeito e ele disse que iria resolver a situação, foi ai que mandaram o carro”. E finalizou num tom de desabafo questionando que “como que se faz uma coisa dessas, em jogar a nossa saúde na lata do lixo? Como podemos ficar sem um deputado que nos represente, pois os espertalhões, os copa do mundo, vêm aqui na época das eleições, fazem acordo com um vereador que consegue um monte de votos e eles nunca mais aparecem por aqui. O povo tem que aprender a votar em quem os represente, mas parece que o povo de Brumado gosta de sofrer, pois ainda não aprendeu essa lição”. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário