ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

PMs de Contendas do Sincorá e Vitória da Conquista são investigados por homicídios em 2018 e 2019

Bahia confirma mais dois casos da varíola dos macacos nesta sexta

Badalado restaurante de Livramento é demolido pelos proprietários após decisão Judicial

Atleta vai representar Brumado no Campeonato Baiano de Karatê em Salvador

Brumado: Câmera flagra homem furtando caixa de som em loja de utilidades do centro; assista

Brumado: 34ª CIPM intensifica segurança e realiza blitz na cidade

Criança de 2 anos e oito meses morre após ser atropelada em Guajeru

Xiaomi apresenta robô humanoide que reconhece tristeza e 'consola'

Carta pela democracia atinge 1 milhão de assinaturas

Preço dos alimentos puxa inflação e salário mínimo é defasado

Justiça manda prender goleiro Bruno por atraso na pensão alimentícia

Acidente deixa três mortos na BA-142 entre os municípios de Ituaçu e Barra da Estiva

Brumado: Audiência discute intolerância religiosa e ataques a religião de matriz africana

Polícia descobre desmanche de carros durante operação em Caetité

Bahia tem nova redução e gasolina fica quase 10% mais barata; em Brumado o valor chega a R$ 5,09

Lacen realiza coleta de sangue de morador de Brumado com suspeita de Monkeypox

Vaca escorrega após invadir farmácia no Oeste da Bahia; vídeo viraliza na internet

'É melhor nos tratarem bem, senão vamos ligar o foda-se', diz Paulo Guedes em resposta à França

Homem é preso em operação de combate à pornografia infantil na Bahia

MP-BA lança cartilha digital que orienta sobre violência doméstica


Brumado: 'Faltam materiais básicos' dizem servidores do Samu 192; Sesau e coordenação da unidade dizem que situação já foi controlada

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

"Falta itens básicos" dizem servidores do Samu em Brumado. Segundo eles, o estoque de papel higiênico é insuficiente, além disso, o material para combate a bactérias, estão deixando eles em uma situação precária. Em entrevista a imprensa, o Secretário de Saúde, Cláudio Feres, disse que a redução no fornecimento de material para limpeza faz parte de um controle  rígido e racional. “Isso eu fiz, não só no Samu, mas em todas as unidades do município, porque identificamos em visitas de auditoria interna, um consumo muito elevado de materiais de uso diário”. Já para a coordenadora do Samu, a enfermeira Regina Coqueiro, a situação é controversa. "Nós tivemos um problema com material de limpeza, mas isso se deve a questões de licitação. E hoje o material é fornecido pelo almoxarifado da prefeitura. Então todo material gasto é planejado antes", afirma Coqueiro. Segundo o denunciante, a situação é tão precária que a própria equipe se reuniu em uma vaquinha para compra de materiais de uso pessoal, como sabonetes e papel higiênico. Já a enfermeira Regina diz desconhecer o fato. "Agente tem o pessoal do administrativo que é tudo controlado, então quando o material não vai dar, nós realizamos um pedido extra", completou. O Secretário de Saúde também relatou que o controle visa manter a economia no serviço público. “Se eu não fizer essas pequenas economias, eu não consigo ampliar o serviço, que é o que a gente vem fazendo ao longo desses anos no município de Brumado”, destacou. A coordenadora desabafou ainda dizendo que não entendeu, porque questões como estas que podem ser resolvidas internamente, sejam colocadas à público. "Faltou um pouco de jogo de cintura da equipe em sentar com a coordenação para se explicar". Conforma Regina, as arestas tem que ser resolvidas dentro do próprio Samu. "A população conhece o nosso trabalho, o Samu é regional, já são 10 anos de trabalho que é feito com muito amor por todos eles", colocou Coqueiro. Ela ainda completou dizendo, "as portas da coordenação estão e, sempre estarão abertas à eles, como todos já sabem. E não vou deixar a política influenciar no nosso Samu", disse ao 97NEWS, a enfermeira.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário