ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

MP cobra solução de captação irregular de água no Distrito de Cristalândia, em Brumado

Atleta brumadense representará o Brasil durante Campeonato Sul-Americano de Fisiculturismo em São Paulo

Brumado: Polícia encontra pé de maconha em casa no bairro Malhada Branca

Governo da Bahia proíbe shows e festas com qualquer número de participantes

Brumado: Mulher fura companheiro com chave de fenda no braço

CICOM de Brumado tem novo coordenador; Capitão Felipe Barcellos

Dezembro tem a cor laranja: Clínica Mais Vida entra na campanha de prevenção do câncer de pele

Empesa pinta faixa de sinalização em cima de buraco em rodovia que liga a BA-148 ao distrito de Itaquaraí

Justiça de Brumado dá ganho de causa a servidor público que foi transferido após eleições

Brumado registra 79 novos casos do Coronavírus em 24h

Segunda onda na Bahia pode trazer cenário mais grave do que no pico da pandemia, diz Sesab

'Comando Vermelho não entrou na Bahia', garante secretario de Segurança Pública

Gás de cozinha fica 5% mais caro a partir desta quinta-feira (3)

Brumado: 20ª Coorpin receberá nova viatura do Governo do Estado

Após alta durante pandemia, preço de material de construção volta a cair em Brumado

Músico acusa Safadão de não pagar direitos de música e quer R$ 4,5 mi de indenização

Vitória da Conquista registra média de 30 casos por mês de golpes de venda de veículos

Pfizer pressiona Brasil sobre acordo para a vacina do coronavírus

Covid-19: Três cidades baianos não usavam nem telefone para atender usuários, aponta IBGE

Brumado registra mais de 3 mil casos confirmados de coronavírus


Levantamento aponta que 23 delegacias na Bahia dividem presos por facção

Foto: Reprodução

Das 413 delegacias do estado visitadas pelo Conselho Nacional do Ministério Público – ao todo, a Bahia tem 499 delegacias – 23 dividem os presos considerando as organizações criminosas às quais eles pertencem. Segundo informações do jornal Correio, os dados integram levantamento feito pelo órgão e divulgado no último dia 18, com base em informações de 2016, no qual a Bahia ocupa o primeiro lugar – as duas capitais com maior número de facções, o Rio de Janeiro está em segundo lugar, com 12 unidades em que os presos são distribuídos conforme suas facções, e São Paulo, em sexto, com 5 unidades. O terceiro estado com mais delegacias que separam os presos por facção é Mato Grosso do Sul (10), seguido do Paraná (8) e por Amazonas e Goiás, que empatam com 7 unidades. Ainda segundo o Correio, a divisão se estende ao sistema prisional: Comando da Paz (CP), Caveira e Bonde do Maluco (BDM) foram alocadas em cinco unidades do Complexo da Mata Escura, a exemplo do que acontece nos bairros de Salvador e nas cidades da Região Metropolitana. Vice-presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado da Bahia (Adpeb), a delegada Patrícia Oliveira cita um relatório da Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap) que aponta que 2.775 presos ainda estavam custodiados nas delegacias baianas. “Ou seja, 20% dos presos dos 14.236 presos na Bahia, quando na verdade não deveríamos ter nenhum”, declara. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) informou em nota que os presos são relacionados às facções no decorrer das investigações, mas não confirmou a separação por organização criminosa. A pasta ainda ressaltou que as celas das delegacias já foram esvaziadas, em paralelo às inaugurações de novos presídios no estado.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário