ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Covid-19: cai de 12 para 8 semanas prazo entre as doses da AstraZeneca

Presidente da Alba assume interinamente o governo da Bahia após viagem de Rui e Vice

MP-BA recomenda que Guanambi desalugue prédio da Cultura após erros em licitação

Brumado tem 100,3% da população acima de 12 anos vacinada com a primeira dose

Bahia: Menino de 11 anos cria simulador para jogos de celular com materiais recicláveis

SSP-BA recebe empresas para contratação de câmeras corporais

Psicóloga Paula Machado aborda o tema: Sabemos lidar com as perdas?

Brumado: Um ano depois, 'funileiro' termina veículo inspirado no modelo WT

Operação Nossa Senhora Aparecida: PRF apreende cerca de R$ 2,5 milhões em drogas nas estradas da Bahia

Brumado: Após bloqueio de moradores, SMTT remove pneus de via no Apertado do Morro

Bahia: No combate a violência doméstica e tráfico de drogas, Polícia deflagra ação no interior

Brumado: Presidente da Câmara é vítima de fake news e denuncia crime à Polícia Cívil

STF derruba lei que liberava venda de remédios para emagrecer

Salvador: PM apreende armamento e drogas durante evento de paredão

Durante live, Bolsonaro volta a defender 'kit covid'

Bahia: Cerca de 14 mil processos de suspensão de CNHs serão arquivados

Brumado: Sindsemb homenageia os professores com mensagem de agradecimento e valorização

STJ autoriza retorno de Maurício Barbosa ao cargo de delegado da PF

Major Leila Silva realiza visita institucional a presidente da Câmara de Brumado

Brumado: TOR apreende produtos eletrônicos sem nota fiscal na BR-030


Brumado: Plenário do Legislativo se torna octógono e vira cenário de pancadaria entre secretário de Agricultura e professor municipal

As cenas da pancadaria comprovam o clima de forte tensão que paira atualmente sobre Brumado (Foto: 97NEWS)

Realmente Brumado vive um clima de forte tensão e proque não dizer de ódio, que foi provocado pelos Projetos de Lei polêmicos que foram enviados pelo Executivo para serem votados na Casa Legislativa. Depois de muita confusão envolvendo as votações, que tiveram que contar com forte aparato policial, na tarde desta sexta-feira (24), momentos depois do término da sessão extraordinária que aprovou em segunda votação o PL 04/2017, que tratava da unicidade sindical, o plenário da Câmara Municipal de Vereadores acabou se transformando em um octógono e num cenário de uma pancadaria envolvendo o secretário municipal de Agricultura, Rodrigo Cunha Vasconcelos, o qual é, inclusive, filho do prefeito Eduardo Vasconcelos e o professor de Educação Física Gilvan Moreira. O fato do secretário estar em horário de trabalho na sessão e, ainda ter provocado os professores, teve uma leitura negativa por parte de um grande número de pessoas presentes, já que ele já foi alvo de denúncias no Ministério Público pela suposta prática de nepotismo. Segundo informações colhidas pelo 97NEWS, assim que terminou a votação, teria exustido agressões verbais mútuas entre professores e o secretário, o que acabou provocando que os dois fosses às vias de fato. Foram momentos de muita confusão, mas a turma do deixa disso entrou logo em ação e conseguiu controlar a fúria dos “lutadores”. O caso foi parar na DPT, onde os envolvidos foram ouvidos. Foi mais um episódio (vale lembrar o da tamancada) que ganhará a mídia estadual e até nacional, já que envolve o filho do prefeito. Confira as imagens que mostram a verdade inquestionável dos fatos: 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário