ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Agência é explodida em Iguaí, Sudoeste do Estado

Bahia recebe 150 mil doses de vacina BCG após municípios enfrentarem desabastecimento

Honestidade: Mulher que achou quase R$ 1500 em Brumado encontra a dona e devolve o valor

Criação do União Brasil deve ser oficializada em fevereiro, diz Neto

Senado aprova medida provisória que cria Auxílio Brasil

Suspeito de chefiar esquema de lavagem de dinheiro em SP é preso na Bahia

Atlético-MG vence de virada, conquista o título e complica a vida do Bahia

Conquista: Jovem de 18 anos é presa ao tentar levar cocaína, armas e munições em ônibus

Gabriel, ex-jogador do Flamengo, estará presente no Futebol Solidário 2021

Caminhão baú de Brumado tomba entre o Distrito de Cascavel e Mucugê

Brumado: Mulher encontra quase R$ 2 mil próximo a banco e procura por dono da quantia

Infectologista da Clínica Mais Vida, em entrevista a TV Sudoeste, fala sobre o Dia Internacional da Luta contra a AIDS

Empresário Emanoel Araújo participa do lançamento da pré-candidatura de ACM Neto

Tema Livre Podcast desta semana recebeu o produtor de eventos e artista plástico 'Kezinha'

Municípios relatam atraso em entrega de vacina BCG; cidades sofrem com desabastecimento

Criança morre depois que parede de casa desaba em Itapetinga

Governo da Bahia publica mudanças em mais de 50 comandos da Polícia Militar

Infectologista da Clínica Mais Vida fala sobre o Dia Mundial de Luta contra a AIDS e a importância do diagnóstico precoce

Dom Basílio: Morre o blogueiro Aderson Caires, vítima de doença neurodegenerativa

Política: Jair Bolsonaro assina filiação ao PL


Em culto, pastor diz que bispo já 'cheirou muito pó' e vídeo faz sucesso na web

(Foto: Reprodução)

A honestidade de um pastor e um bispo da Igreja Universal está fazendo sucesso nas redes sociais. Em um vídeo que viralizou na web nesta última terça-feira (28), a dupla assumiu um passado de vícios antes de assumirem seus cargos na igreja em São Paulo. Amigos de longa data, o pastor Luciano Farinha e o bispo Rogério Formigoni não pouparam detalhes ao relatar a vida que levavam anteriormente durante um culto. "Usou muita droga comigo... Você, hoje bispo, Rogério Formigão", disse o pastor Luciano nas imagens. "Cheirou muito pó, fumou pedra, maconha, chá de cogumelo, lança… farra nos motéis do meu tio”, revelou. Os amigos riram ao relembrar as 'aventuras', e contaram que têm fama no interior de São Paulo por conta da constantes farras que faziam durante o período. "Chegamos a comprar um quilo de cocaína pura", disse o pastor. Hoje em dia, o bispo Formigoni é conhecido por ajudar na recuperação de viciados em substâncias químicas pelos fiéis da Igreja Universal. Ele já escreveu um livro, e já revelou a sua jornada como usuário de drogas e de envolvimento no tráfico antes de encontrar a religião."Comecei dando meu primeiro trago em um cigarro na escola (...) Aquilo que era só para experimentar tornou-se meu maior pesadelo porque vieram as outras drogas, e tudo que dava uma sensação de euforia ou poder eu estava topando", escreveu o bispo em sua página da Igreja Universal. "Por causa das drogas e do dinheiro do tráfico, não faltavam mulheres e noites fora de casa, frequentava casas de prostituição, me relacionava com muitas mulheres casadas, solteiras, garotas de programa etc. Não tinha escrúpulos".



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário