ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Palmeiras vence Flamengo na prorrogação e conquista 3º título da Libertadores

Brumado: Calçamento cede e caminhão fica com a roda presa no buraco no bairro Baraúnas

Caetité: Município volta registrar morte por Covid-19; uma mulher de 78 anos

Não há casos da nova variante identificados no Brasil, diz ministério

Brumado: SESOC discuti criação o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher

'Brasil e o mundo não aguentam um novo lockdown', diz Presidente

27 de Novembro - Dia Nacional de Combate ao Câncer alerta para a prevenção da doença

Caculé: Família procura por advogado de 47 anos que está desaparecido

Suspeito de estuprar mulher após simular sessão espiritual é preso na Bahia

PMs são acusados de extorquir R$ 200 mil de família de ciganos

Criado em 1979, Tiro de Guerra de Brumado completa 42 anos

Brumado: Mais bancários, menos filas; Sindicato denuncia demissões nas agências bancárias do Sudoeste

Sem considerar pandemia, expectativa de vida do brasileiro sobe para 76,8 anos

Episódio #004 Tema Livre Podcast está imperdível com o radialista Kaká.

Sindicato dos bancários garante mais uma reintegração no Bradesco

Brumado: Blitz educativa da SMTT orienta condutores sobre o uso do cinto de segurança e 'jugular' no capacete

Colaboradores da Maxxnet doam sangue no Hemoba de Brumado

Brumado: Inadimplentes podem procurar agência dos Correios para o 'Feirão Limpa Nome'

Pai é preso por dever R$ 14 mil de pensão alimentícia na Bahia

Especialistas sugerem fiscalização extra nas urnas eletrônicas para combater fake news


PF deflagra operação contra crimes previdenciários em Conquista e em cidades vizinhas

(Foto: Reprodução)

A Delegacia de Polícia Federal de Vitória da Conquista/BA, juntamente com o Ministério da Previdência Social, deflagrou na data de hoje (28) a “Operação Malloy”, a qual desarticulou grupo criminoso que se utilizava de sindicatos rurais para fraudar benefícios previdenciários, em especial aposentadoria rural.Foram cumpridos 01 (um) mandado de prisão, 11 (onze) de busca e apreensão, 04 (quatro) de condução coercitiva, dentre outras medidas, nas cidades de Vitória da Conquista/BA, Anagé/BA, Ituaçu/BA e Barra da Estiva/BA, tendo como foco principal os Sindicatos dos Pequenos Produtores Rurais das respectivas cidades e seus representantes, além de servidor(es) do INSS. O modus operandi consistia na emissão fraudulenta de Declaração de Atividade Rural (de responsabilidade dos sindicatos), montagem de documentação falsa, além de orientação aos requerentes e testemunhas de como estes deveriam se portar ao requererem os benefícios indevidos. (ServCom . Polícia Federal)



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário