ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Rui autoriza retomada do transporte coletivo intermunicipal em toda a Bahia

Covid-19: Pandemia não impede campanha 'corpo a corpo' entre candidatos em Brumado

Brumado: Há 14 anos filha procura por mãe que separou do pai quando ela ainda tinha 12 anos

BA-148: Motorista fica ferido após colisão entre carro e caminhão em Livramento de Nossa Senhora

BA-262: Queimada às margens de rodovia chama a atenção de motoristas, veja

1.185 pacientes foram curados da Covid-19 em Brumado

Caetité: Hospital do Câncer será entregue em novembro

Bahia: Há mais de uma semana vegetação do interior sofre com incêndios

Brumado: MP pede anulação da comissão do processo de cassação do prefeito Eduardo Vasconcelos

Brumado: Venha conhecer a loja Império 10

Eleições 2020: Médico Geraldo Azevedo tem candidatura a prefeito registrada no TSE

Mais de 20 animais são envenenados e mortos na região da Feira Livre em Brumado

Ministro da Saúde reedita portaria sobre aborto legal no Brasil

Força-tarefa que investiga desvio de recursos para combate à Covid-19 cumpre mandados na Bahia

Dermatologista da Clínica Mais Vida, Dra. Stéphane Spínola, retorna destacando a importância dos cuidados com a pele

Covid-19: 136 pacientes estão em tratamento em Brumado

Guanambi: Chefe do tráfico morre em confronto com a Cipe/Sudoeste no distrito de Ceraíma

Animais de rua ganham abrigo e comedouro em quatro bairros de Vitória da Conquista

'Não quero ser responsável pela morte de alunos', afirma governador sobre volta às aulas na Bahia

Eduardo e Fabrício registram candidaturas à prefeitura de Brumado


Violência em Brumado: Moradores da Malhada Branca pedem socorro com a falta de segurança no bairro

Dizer que Brumado é uma cidade sem lei seria um exagero, mas que a cidade está próxima disso, já seria, pelo menos para algumas correntes , tolerável. Já que existem alguns bairros que estão sob o toque de recolher dos bandidos. Moradores da Malhada Branca procuraram a redação do 97NEWS para relatar uma situação desse tipo, já que, segundo eles, o bairro se encontra dessa forma, como um lugar sem lei. Em seus relatos eles afirmam que não podem sair de suas casas após as 20 horas, já que os bandidos estão armados pelas ruas a procura de suas vítimas. “onde estão as autoridades dessa cidade chamada "Brumado". Cadê a segurança desta cidade, os policiais, o prefeito, os vereadores que não fazem nada. Agora eu as 20:00 horas não posso sair de casa porque meu bairro está cheio de bandidos passando de moto encapuzados, armados e nós sem podermos sair de casa e nem abrir o comércio por conta disso, com medo de sermos reféns da criminalidade, será que ate quando? É justo isso? Uma cidade com quase 70 mil habitantes sem leis.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário