ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Clínica Mais Vida informa que estará de recesso entre 22 e 25 de junho

Homens são 98% dos presos por aborto no Brasil, diz Justiça

'Rei da Seresta' é preso após show no interior da Bahia

Brumado: Paulo Henrique é encontrado morto às margens de linha férrea no bairro Dr. Juracy

Justiça mantém multa de R$ 8,6 mi a Oi por propaganda enganosa em emissora de TV

Prefeita do município de Maetinga é alvo de duas CPIs

Vídeo em que advogada aparece chorando junto aos filhos por ter passado no concurso viraliza

Salário médio dos baianos era sexto menor do Brasil em 2022, aponta IBGE

Mulher é presa ao tentar vender filhos na Bahia; uma das crianças tinha 32 dias

OMS alerta sobre lote falsificado de Ozempic encontrado no Brasil

Inverno na Bahia: Cidades baianas devem ter frio de 10ºC

Super ofertas do mês de junho da Central das Carnes; confiram


MEC suspende criação de cursos a distância até 2025 e fixa prazo para criar novas regras

Foto: Divulgação

O Ministério da Educação (MEC) suspendeu a criação de novos cursos de graduação a distância, assim como de novas vagas e polos EAD (Ensino a Distância). A medida, válida até 10 de março de 2025, foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União, na última sexta-feira (7), e assinada pelo ministro Camilo Santana (PT). "Fica suspensa a criação de novos cursos de graduação na modalidade EAD, o aumento de vagas em cursos de graduação EAD e a criação de polos EAD por instituições do Sistema Federal de Ensino, inclusive por universidades e centros universitários, até 10 de março de 2025", diz o artigo 4º da portaria. Nos últimos anos, o EAD disparou no Brasil com cerca de 4,3 milhões de alunos. No entanto, o MEC sinalizou que realiza uma revisão do marco regulatório da educação a distância, o que deverá prever novos referenciais de qualidade para oferta de graduações remotas. Esse trabalho deve acontecer até 31 de dezembro de 2024. Uma das crítica relacionadas ao ensino EAD é a oferta limitada de experiências práticas, o que prejudica a formação dos novos profissionais. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário