ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Colisão entre dois helicópteros mata dez pessoas na Malásia

Feira Agropecuária de Morro do Chapéu reúne mais de 95 mil pessoas e movimenta R$7,5 milhões

Brasil não deve 'depender eternamente' de Bolsa Família, diz Governo

Motorista evita acidente após ônibus perder freios em avenida de Guanambi

Acidente grave entre carro e carretas deixa dois feridos em Vitória da Conquista

Perícia em local de crime na cidade de Guanambi é tema de artigo em Revista Científica Internacional

Unidade móvel do TRE-BA inicia atendimento em Malhada de Pedras

Câmera escondida em casa alugada registrava banhos dos moradores

Gusttavo Lima leva cavalo ao palco durante show e divide opiniões nas redes sociais

Apenas 22% do público-alvo se vacinou contra a gripe

Novo tratamento para gordura no fígado 'avançada'

Caravana Bahia Sem Fogo realiza semana intensa de prevenção e educação ambiental na Chapada Diamantina

Ciclista morre após acidente envolvendo motocicleta na BA-938 em Guanambi

Campanha usa título de eleitor gigante para chamar jovens para votar

Brasil atinge 1,6 mil mortes confirmadas por dengue

Belo chora em show após anunciar fim de casamento com Gracyanne

Brasil registra primeiro caso local de cólera em 18 anos; paciente é da Bahia

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado


Atendimento a mulheres vítimas de violência tem aumento de 63%

Foto: Reprodução

O atendimento a mulheres vítimas de violência teve um aumento de 63% através da Operação Átria, realizada em março deste ano, em comparação com a mesma ação realizada no período em 2023. Segundo a coluna de Mônica Bergamo, já foram acolhidas 129.932 mulheres neste ano. No anterior foram 79.586. Ainda de acordo com a coluna, a operação ocorreu em 1.765 município em março e acarretou em 10.745 prisões. Além disso, o número de medidas protetivas de urgência solicitadas quase dobrou: Foi de 37.965 em 2023 para 68.015. A quantidade de denúncias apuradas também teve um aumento considerável e passou de 17.480 para 30.807. A ação de atendimento ocorreu através do Ministério da Justiça e Segurança Pública em conjunto com o Ministério das Mulheres e as Secretarias de Segurança Pública dos 26 estados e do Distrito Federal. Para ela, foram investidos R$ 1,6 milhão na ação.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário