ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Ministério da Saúde amplia público alvo de vacinação contra a dengue para doses próximo ao vencimento

Água e esgoto terão reajuste de 5,8% na tarifa da Embasa

A Clínica Mais Vida realiza diversos tipos de Ultrassonografia com Doppler com equipamento de alta definição e tecnologia

Homem esfaqueia ex-mulher e comete suícidio em Tanque Novo

Filho de vereador é encontrado morto em Caetité

Clínica Santa Clara reforça campanha de doação de sangue

Cantor de seresta preso após terminar show de São João é solto e volta a se apresentar no interior

Clínica Mais Vida informa que estará de recesso entre 22 e 25 de junho

Homens são 98% dos presos por aborto no Brasil, diz Justiça

'Rei da Seresta' é preso após show no interior da Bahia

Brumado: Paulo Henrique é encontrado morto às margens de linha férrea no bairro Dr. Juracy


Moradora denuncia morte de animais por envenenamento em zona rural de Brumado

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Uma moradora da comunidade do Espinheiro, zona rural de Brumado, denunciou ao 97NEWS a morte de animais. Segundo Alessandra da Silva Souza, esta não é a primeira vez que cachorros apresentam sinais de envenenamento e pede que as autoridades de segurança identifiquem o autor. "Só na minha casa já mataram três. O úlimo foi um cachorro de dois anos que minha filha amava. Primeiro atiraram com arma de pressão e depois deram veneno", lamentou a moradora. Conforme Alessandra, outros animais foram mortos na casa de sua avó. "Mataram animais na casa da minha vó, na casa da minha tia. Esses animais são dóceis, não faz mal a ninguém. Porque estão fazendo isso? Eu quero justiça das autoridades", cobrou Souza. Matar animais é crime. A pena por esse tipo de crime vai desde multa de um a 40 salários mínimos por animal, até a prisão em casos extremos. Na esfera penal, o crime é previsto pelo artigo 32 da lei nº 9.605, com alteração da lei nº 14.064/2020, prevendo pena de reclusão de 2 a 5 anos, multa e proibição da guarda. Em caso de morte do animal, a pena pode ser aumentada em de ? a ?.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário