ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Vereadora Verimar do Sindicato, em audiência com o secretário da SERIN, discute proposta para asfalto que liga Brumado ao Distrito de Terra Vermelha

Brasil: 75% das famílias têm dívidas, aponta Mapa do endividamento

Ministério da Saúde oferece mais de 21 mil vagas para Médicos pelo Brasil

Judiciário da Bahia inaugura varas em duas cidades baianas

Novas regras da Tarifa Social devem beneficiar mais de 11 milhões de pessoas

Polícia extermina plantação com mais de 18 mil pés de maconha em Curaçá

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Brumado: Divulgado o calendário de funcionamento do comércio no mês de dezembro

Mês de novembro apresentou menor número de mortes violentas na Bahia

Região Nordeste concentra quase metade das pessoas em situação de miséria, aponta IBGE

Nordeste: Comitê Científico do Consórcio recomenda cancelamento de Réveillon e Carnaval

Brumado: Após passar pela Secretaria Municipal de Esportes, Paulo Sérgio volta a presidência da LBF

Agência é explodida em Iguaí, Sudoeste do Estado


Brumado: Vereadores e apoiadores saem em defesa da presidente da Câmara

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Na sessão legislativa de segunda-feira (22), compareceram ao parlamento um grupo de mulheres, na qual com faixas e cartazes em apoio à presidente do Legislativo, a vereadora Verimar Dias da Silva Meira (PT), "Verimar do Sindicato" que teve um pedido de cassação do seu mandato protocolado na Câmara Municipal. O manifesto também teve o apoio de alguns parlamentares, principalmente os da base de oposição. Em nota a imprensa, a presidente da Câmara já havia manifestado sobre o assunto. Segundo a vereadora, ela está muito tranquila diante das denúncias que têm sido veiculadas. Ela ainda citou que vem sofrendo sucessivos ataques por conta de seu posicionamento político à frente da Câmara de Vereadores. "Nesse contexto, reafirmo que tenho pautado a minha gestão à frente da Câmara Municipal com toda responsabilidade e absoluta observância aos princípios norteadores da administração pública, notadamente da legalidade e moralidade, tendo atuado sempre em consonância com a legislação pátria, razão pela qual nada tem a temer". 

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Verimar afirma que vem enfrentando um poderoso sistema historicamente enraizado na Casa Legislativa. "Reafirm minha condição de mulher pobre, filha de Brumado, sem muito estudo, porém determinada em desempenhar o meu papel de parlamentar e gestora pública em estrita observância à legislação pátria, sempre visando a supremacia do interesse coletivo". De acordo com a presidente, mesmo diante das supostas acusações, "não irá se intimidar por ataques e ameaças de cassação de mandato por decisão política de alguns". Por fim, ela ainda ressalta: "Assim, não tendo praticado nenhum ilícito, reafirmo que minha inocência será comprovada, a fim de que possa continuar cada vez mais desempenhando o meu mandato em defesa do povo de Brumado".

 

Vereadores também saíram em defesa da Presidente - Foto: Luciano Santos l 97NEWS


Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário