ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Vereadora Verimar do Sindicato, em audiência com o secretário da SERIN, discute proposta para asfalto que liga Brumado ao Distrito de Terra Vermelha

Brasil: 75% das famílias têm dívidas, aponta Mapa do endividamento

Ministério da Saúde oferece mais de 21 mil vagas para Médicos pelo Brasil

Judiciário da Bahia inaugura varas em duas cidades baianas

Novas regras da Tarifa Social devem beneficiar mais de 11 milhões de pessoas

Polícia extermina plantação com mais de 18 mil pés de maconha em Curaçá

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Brumado: Divulgado o calendário de funcionamento do comércio no mês de dezembro

Mês de novembro apresentou menor número de mortes violentas na Bahia

Região Nordeste concentra quase metade das pessoas em situação de miséria, aponta IBGE

Nordeste: Comitê Científico do Consórcio recomenda cancelamento de Réveillon e Carnaval

Brumado: Após passar pela Secretaria Municipal de Esportes, Paulo Sérgio volta a presidência da LBF

Agência é explodida em Iguaí, Sudoeste do Estado

Bahia recebe 150 mil doses de vacina BCG após municípios enfrentarem desabastecimento


CPI da Coelba será instalada na próxima semana na Alba

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A CPI da Coelba obteve paracer favorável da Procuradoria-Geral da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) e será instalada na próxima semana. Com base no aval jurídico, a presidência da Casa já deferiu o pedido. Agora, caberá à Mesa Diretora tomar as providências para instalação da comissão. Segundo o site Metro 1, a empresa vem sendo questionada pela população baiana sobre os lucros e monopólio no fornecimento de energia. Além disso, a a empresa tem histórico de apagões frequentes e lidera queixas no Procon. Em Brumado, na última segunda-feira (15), uma explosão na Subestação 1 da Coelba deixou a cidade sem energia por cerca de 15 horas (veja aqui). o fornecimento foi estabelecido por volta das 17h do mesmo dia. Ainda sobre a CPI, diante do parecer favorável, parlamentares se articulam para definir a composição do colegiado. Os parlamentares afirmam que acompanha o que chama de "descaso" da Coelba há cerca dois anos e tem estudado a situação da empresa a fundo Protocolada com o apoio de 39 parlamentares (18 a mais que o mínimo necessário), a CPI poderá funcionar por até 180 dias e será composta por oito membros, dentre os quais cinco titulares e três suplentes.



Comentários

  • Jose Marcos

    "Este local deste SISTEMA ELETRICO deveria ter proteçao de altura do jeito que anda as COISAS RUINS no pais como acontece em certos presidios no pais lançamentos de objetos; diversos carros parados na frente de uma SUBESTAÇAO de DISTRIBUIÇAO DE DIVERSOS MUNICIPIOS ."

Deixe seu comentário