ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Palmeiras vence Flamengo na prorrogação e conquista 3º título da Libertadores

Brumado: Calçamento cede e caminhão fica com a roda presa no buraco no bairro Baraúnas

Caetité: Município volta registrar morte por Covid-19; uma mulher de 78 anos

Não há casos da nova variante identificados no Brasil, diz ministério

Brumado: SESOC discuti criação o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher

'Brasil e o mundo não aguentam um novo lockdown', diz Presidente

27 de Novembro - Dia Nacional de Combate ao Câncer alerta para a prevenção da doença

Caculé: Família procura por advogado de 47 anos que está desaparecido

Suspeito de estuprar mulher após simular sessão espiritual é preso na Bahia

PMs são acusados de extorquir R$ 200 mil de família de ciganos

Criado em 1979, Tiro de Guerra de Brumado completa 42 anos

Brumado: Mais bancários, menos filas; Sindicato denuncia demissões nas agências bancárias do Sudoeste

Sem considerar pandemia, expectativa de vida do brasileiro sobe para 76,8 anos

Episódio #004 Tema Livre Podcast está imperdível com o radialista Kaká.

Sindicato dos bancários garante mais uma reintegração no Bradesco

Brumado: Blitz educativa da SMTT orienta condutores sobre o uso do cinto de segurança e 'jugular' no capacete

Colaboradores da Maxxnet doam sangue no Hemoba de Brumado

Brumado: Inadimplentes podem procurar agência dos Correios para o 'Feirão Limpa Nome'

Pai é preso por dever R$ 14 mil de pensão alimentícia na Bahia

Especialistas sugerem fiscalização extra nas urnas eletrônicas para combater fake news


Brumado: Perícia descarta hipótese de morte por ataque de peixes à homem de 58 anos

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Laudo do Instituto Médico Legal (IML) de Guanambi atesta que a morte de Augusto Dias dos Santos, 58 anos, ocorrida no dia 30 de setembro na comunidade de Covas de Mandioca, zona rural de Brumado não foi provocada por um ataque de cardume de peixes, como foi registrado no Boletim de Ocorrência (veja aqui). Segundo o laudo, a causa da morte foi um "traumatismo da artéria tibial, devido a um instrumento de ação corto contundente". No dia do fato, familiares informaram que Augusto pescava em uma lagoa de sua comunidade quando o acidente aconteceu. De acordo com a família, o corpo de Santos teve que ser transferido para o município de Guanambi devido a falta de médico legista no IML de Brumado. Augusto foi sepultado no cemitério da comunidade que morava na manhã deste sábado (02). 



Comentários

  • Sueli de Souza Vieira

    "Dor viu também perdir meu tio Valmir Viana Vieira é Manoel messias Vieira que mora na fazenda cova da mandioca. Só Deus mesmo viu. Muita perda este ano."

Deixe seu comentário