ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Familiares cobram de Rui Costa inauguração do presídio de Brumado, prevista para o fim de julho

Brasil: Bolsonaro afirma que extrapolou durante discursos nas manifestações de 7 de Setembro

Azeite da Chapada Diamantina conquista medalha de ouro durante concurso em Paris

Vitória da Conquista: Mulher é presa com maconha, cocaína e lança-perfume em ônibus

Brumado: Avenida Lindolfo Azevedo Brito será duplicação de 1 km e meio e terá ciclovia

Brumado: Busca pela 3ª dose da vacina contra a Covid tem sido satisfatória

Infectologista da Clínica Mais Vida destaca a importância de acompanhamento médico para síndrome pós Covid 19

Com queda de internações, Brumado poderá encerrar atividades da UPA Covid

Brumado: Boletim aponta 49 pessoas em tratamento por conta da Covid-19

Na Semana Nacional de Trânsito, SMTT realiza blitz educativa no centro de Brumado

Moradores registram vazamento de água no centro de Brumado; veja vídeo

Pediatra é assassinado dentro de consultório no oeste da Bahia

Brumado: Dois foragidos da operação 'Apópeira' se entregam à Polícia

Colisão entre ônibus que seguia para Abaíra e veículo de passeio deixa mortos e feridos

Brumado: Um homem foi preso durante operação das Polícias Civil e Militar; dois ainda são procurados

Bahia: Governo nomeia 39 investigadores da Polícia Civil e anuncia convocação de mais 171 professores

Brumado: Casos ativos da Covid-19 continuam em queda no município

Brumado: Com baixa adesão, Prefeitura realiza coleta itinerante de embalagens vazias de agrotóxicos

Brumado: Homem é preso por tentativa de feminicídio contra a companheira no residencial Brisas II

Brumado: Major PM Leila Silva realiza sua primeira visita institucional à 20ª Coorpin


Cantor brumadense desabafa: 'Pau que dá em Chico dá em Francisco', se referindo a proibição de shows em bares e restaurantes

Foto: Reprodução l Rede Social

No dia 21 de agosto desse ano, o governador Rui Costa (PT) publicou um Decreto no qual  autoriza eventos com até 500 pessoas no estado. No entanto, este mesmo Decreto não inclui shows ou festas e evitou prever quando ocorrerá essa liberação. Eventos como cerimônias de casamento, formaturas, além do funcionamento de zoológicos, museus, teatros e afins, com capacidade máxima de 500 pessoas estão liberados. Entretanto, o documento confundiu várias pessoas, principalmente donos de estabelecimentos como bares e restaurantes que passaram a anunciar shows ao vivo em seus respectivos estabelecimentos. Em Brumado, desde o fim do mês de agosto, vários eventos musicais vinham acontecendo, mas no início do mês de setembro, a Polícia Militar passou a orientar os empresários sob a condição de não realizar shows ao vivo, sendo permitido apenas o som mecânico e a presença dos clientes no local com as medidas de biossegurança contra o coronavírus. Mas o assunto repercutiu nas redes sociais, e principalmente entre a categoria dos músicos. Um deles, o cantor Ed Rossi, forrozeiro tradicional da cidade gravou um vídeo e publicou na sua página no Facebook. 

Shows em bares foram proibidos pela PM - Foto: Manu Nunes l 97NEWS

Nele, Rossi comenta que teve de cancelar um evento no qual vem sendo programado à meses. "Semana passada foram proibidos todos os sons ao vivo em barzinhos de Brumado. Essa semana eu tive que adiar um evento que venho tentando fazer a alguns meses, mas sempre adiando por causa do Decreto. E essa semana não foi diferente", indaga Ed Rossi. Ainda no vídeo, o cantor questiona o porque da proibição dos shows em bares e restaurantes da cidade, já que clubes recreativos de Brumado, estão realizando eventos com artistas. "Na semana passada a polícia chegou em todos os barzinhos e proibiu o som, mas teve entidades aqui em Brumado que fez show com muita gente. Fez domingo, fez no feriado. E eu vi hoje também um cartaz anunciando o show com dois artistas para o próximo domingo. Olha eu não tô aqui pra criticar entidade ou artista. Eu só estou desabafando porque: 'O pau que dá em Francisco, tem que dar em Chico também!'. Atenção autoridades, se eu não posso fazer minha seresta, se os amigos não podem fazer barzinhos. Porque essa entidade está fazendo shows?", argumenta o artista brumadense. Por fim, Ed Rossi pede para que as autoridades revejam essa condição. "Esse é meu desabafo, peço desculpas a todos, mas eu tenho que falar isso, eu preciso trabalhar, meus músicos precisam também. Todos precisam trabalhar", finaliza o cantor.

 



Comentários

  • Darci Caires

    "É revoltante som mecânico também da aglomeração uma seresta as pessoas diverte vai os casais o segundo causo de morte e doença em Brumado é AVC sucidio as pessoas estão doentes ansiedade depressão precisa sair com moderação "

Deixe seu comentário