ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumadenses são presos em Goiás por roubo de carga avaliada em R$ 180 mil

Brumado vacina contra a Covid nesta segunda-feira, pessoas de 12 a 17 anos com comorbidades

Bombeiros continuam em combate a incêndios na Bahia

Brumado: Mulher fica ferida após acidente entre carro e moto no bairro Santa Tereza

Vítima de câncer, morre ator Luis Gustavo aos 87 anos

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Vacina da Pfizer não foi causa provável de morte de adolescente, diz governo de SP

Brumado: Tentativa de homicídio é registrada na Vila Presidente Vargas

Nove cidades sofrem com focos de incêndio na Bahia

Em vista a Paratinga, presidente da Câmara de Brumado conhece Associações e projetos importantes

CIB recomenda retomada imediata da vacinação de adolescentes na Bahia

Brumado: Denúncia contra vereador 'Nem' pede cassação do seu mandato na Câmara

Bahia: Estado tem mais de 1,5 milhão de títulos eleitorais cancelados

Setembro Amarelo - um simples abraço pode salvar uma vida


Brumado será contemplado com o serviço de reconhecimento facial e de placas

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O Governo do Estado está ampliando para Brumado e mais 76 cidades da Bahia um sistema de videomonitoramento capaz de registrar e identificar criminosos, armas, placas de carros e atitudes suspeitas. O investimento de cerca de R$ 665 milhões foi autorizado na terça-feira (27) pelo governador Rui Costa (PT), em solenidade no Centro de Operações e Inteligência (COI), da Secretaria de Segurança Pública (SSP). O projeto piloto foi implementado há cerca de 3 anos na capital. “Nós temos agora talvez a melhor tecnologia do país nesta área. Essa tecnologia serve para prevenir crimes, socorrer pessoas e para a funcionalidade da cidade. No projeto piloto tivemos absoluto êxito, inclusive durante os carnavais, com a prisão de mais de 200 pessoas e a elevação substantiva da atividade da Segurança Pública”, afirmou o governador. A Bahia já conta com 23 centros de comunicação instalados, todos eles conectados.  Segundo o secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino, o sistema também ajuda na identificação de crianças perdidas e pessoas desaparecidas. As câmeras serão instaladas em postes, viaturas e na palma da mão dos policiais.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário