ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Comprovante de vacinação passa a ser exigido em delegacias da Bahia

Piloto morre após queda de avião em Luís Eduardo Magalhães

Vitória da Conquista: Terreiros de religiões de matriz africana ganham imunidade tributária

Brumado registrou 178 casos ativos de Covid-19 na sexta-feira

Família é feita refém e torturada durante assalto na zona rural de Brumado

Morre aos 94 anos, a mãe do presidente Jair Bolsonaro

Suspeito de tráfico de drogas é preso em Guanambi

Na Bahia, 283 servidores que não comprovaram vacinação serão afastados por 90 dias

Criança que teve parada cardíaca horas após se vacinar tem doença rara, diz investigação

Brumado: Ambulância atropela e mata cavalo na BA-262

36 agências bancárias da Bahia fecham temporariamente após surto de Covid-19

Ataque hacker ultrapassa 24 horas e sites do governo ainda estão fora do ar

Dr. Igor Malaquias foi o entrevistado do Tema Livre Podcast desta semana

Bahia: Governador anuncia redução de 3 mil para 1,5 mil pessoas em eventos

Brumado: Presidente da Câmara testa positivo para Covid pela 3ª vez

Policiais civis aprovam estado de greve na Bahia

Site da Secretaria de Segurança Pública da Bahia é hackeado

Prefeitura de Brumado vai iniciar reformas em casas atingidas pelas chuvas

Brasil registra 6 vezes mais casos diários de covid-19 que em dezembro

Brumado registra 36 novos casos de coronavírus em 24h


Prefeitura limita acesso de vereadores a repartição pública e gera polêmica em Brumado

Foto: Manu Nunes l 97NEWS

A decisão, vinda segundo os parlamentares do secretário de administração, de restringir o acesso dos vereadores a prédios públicos gerou uma grande polêmica e discussão. Isso porque, os vereadores Harley Souza Lopes (Republicanos) e Vanderlei Bastos Miranda (PDT), o "Boca", tentaram na manhã desta terça-feira (20) o acesso ao Ginásio de Esportes Antônio Alves Ribeiro, localizado na Avenida Centenário, em Brumado, e foram impedidos de entrar. De acordo com os parlamentares, o intuito do acesso ao local seria de fiscalizar, mas foram informados pelo Guarda Civil Municipal do local que a pedido de superiores, eles não poderiam entrar no ginásio. "Depois de várias denúncias viemos até o local para fiscalizar o ginásio que está em total abandono. No entanto fomos pegos de surpresa com a ordem totalmente autoritária do prefeito [Eduardo] e do seu secretário [Maguinho] impedindo o vereador de adentrar ao ginásio. O papel do vereador é fiscalizar o bem público e nós não podemos ser podados de forma nenhuma de entrar em qualquer estabelecimento público do nosso município", argumentou o parlamentar Boca.

Foto: Manu Nunes l 97NEWS

O vereador Harley justifica que sempre teve o hábito de frequentar o ginásio de esportes acompanhando de perto o esporte de Brumado, mas que na manhã de hoje (20) se deparou com a arbitrariedade sem justificativas. "Não vamos culpar o guarda civil, ele tá fazendo o seu papel, mas a atitude do alto escalão tem deixado a desejar. Liguei no secretário de administração, o senhor Carlos Magno e ele afirmou que só iríamos entrar quando as aulas voltassem. Nós não viemos aqui praticar esporte, viemos aqui fiscalizar um bem público que é do povo. Nós vamos mostrar à população como está sendo tratado o esporte em Brumado", critica o vereador. Para Boca, a medida adotada pelo prefeito pode ser considerada arbitrária, uma vez que dificulta aos vereadores exercerem a função de fiscalização do Executivo, em nome da população. "O vereador não só tem o direito, como o dever de acompanhar e fiscalizar todos os prédios públicos. Sendo impedido, os poderes não estão harmônicos, ferindo a ordem. Tal conduta cria uma desavença entre os poderes e quem mais perde com isso é a população. Amanhã retornaremos aqui, e vamos entrar, nem que seja com a Polícia", conclui.

 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário