ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Terminal Rodoviário passa por manutenção e conservação

Conquista: Comerciante é preso vendendo celulares com restrição de roubo

Bahia receberá primeira Copa Indígena de Futebol

Empresa brumadense está entre as classificadas para o Prêmio BBM de Logística 2021

Caminhoneiros acusam ministro de se empenhar para desarticular greve

Itapetinga: Homem é preso suspeito de se passar por funcionário de bancos e aplicar golpes de mais de R$ 50 mil

Brumado: Moradores da rua Bocaiuva reclamam que coleta não está sendo realizada e lixo se acumula pela rua

Novo decreto que vai liberar 50% da capacidade dos estádios na Bahia

Brumado: Moradores da Rua Princesa Leopoldina rompem manilha de esgoto após alagamento de casas

Brumado: Moradores reclamam de criação de porcos perto de residências no bairro São Felix

Brumado: Câmara recua e não vota proposta para volta das máscaras de proteção

Conquista: Acidente entre carro de passeio e carreta deixa quatro mortos

Senhor do Bonfim: Operação prende empresário considerado 'príncipe do tráfico'

Após reivindicação da vereadora Verimar, operação 'Água Potável' é iniciada em Brumado

Petrobras sobe novamente preços da gasolina e do diesel

Brumado: OAB vai acionar prefeito na Justiça após decreto que liberou uso de máscaras

Brumado: Colisão lateral entre veículo de passeio e moto deixa dois feridos na BA-148

Motociclista de 42 anos morre em acidente na BA-148

Brumado: Venha conhecer a loja Império Utilidades

Obras da Fiol entre Ilhéus e Caetité vai gerar até 60 mil novos empregos


Bebê nascido em Irecê é o segundo com anticorpos contra Covid-19 na Bahia

Foto: Reprodução l Vídeo

A Bahia pode ter, em breve, o segundo caso de um bebê nascido com anticorpos no estado. Ravi Almeida Dantas veio ao mundo no dia 1º de maio em Irecê, no norte do estado. O pai do recém-nascido, Hilton Dantas, de 26 anos, e a mãe, Vitória Almeida, 25, resolveram fazer um teste em um laboratório local para ver se ele tinha anticorpos contra o vírus, e o resultado veio positivo. Eles aguardam agora a comprovação do Lacen (Laboratório Central) para confirmar a imunização do recém-nascido. Os pais fizeram o teste por curiosidade, após assistirem uma reportagem que falava sobre o tema. Mas o histórico da gravidez colaborou com a procura. Na 15ª semana de gestação, Vitória foi diagnosticada com a Covid-19. Estudante de psicologia, na época ela trabalhava como recepcionista no PSF (Programas de Saúde da Família) da Fundação Bradesco. Hilton, que é enfermeiro, também contraiu o vírus. O primeiro alívio veio na semana 37 da gravidez, quando a Comissão de Intergestores Bipartite (CIB) autorizou a imunização de gestantes e Vitória pôde receber a primeira dose da Coronavac. A segunda dose veio só após o nascimento de Ravi, que nasceu com 38 semanas -- uma semana depois da primeira dose, mas, mesmo assim, no dia 26, o teste apontou anticorpos contra o vírus no bebê. A história foi primeiramente divulgada por um portal da região de Irecê, o Líder Notícias. Segundo Hilton, o Lacen coletou uma amostra nesta quinta para confirmar o resultado. "A gente fica mais tranquilo. O caso vai ser estudado, e Ravi vai ser acompanhado pelo Lacen, não sabemos ainda direito com qual frequência", afirma. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário