ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: SMTT realiza ações na 'Semana Nacional de Trânsito 2021'

Números de Covid na Bahia não são divulgados por falha no sistema do governo federal

Município de Guanambi é condenado a indenizar donos de carro atingidos por queda de árvore

Foi preso em SP o suspeito de cometer latrocínio em Paramirim

Brumado: Parentes, amigos e colegas dão último adeus a Daniel Simurro

Osmar Botelho é o novo presidente da Auditoria Pública Cidadã Baiana

Mais de 600 mil doses de vacinas serão distribuídas na Bahia nesta terça

Brumado: Venha conhecer a loja Império Utilidades

Jornalista Daniel Simurro morre aos 58 anos em Brumado

Brumado: Há 19 dias município não registra morte por Covid-19

Guanambi: Rui entrega reforma de estrada e autoriza R$ 35 milhões em ações

Brumado: Blogueiro Daniel Simurro é internado após mal súbito em sua residência

Brumado: Sindicato dos Mineradores denuncia assédio moral em empresa de refino de talco

Brumado retoma vacinação de adolescentes com 16 e 17 anos nesta terça-feira (21)

Novas chamas atingem Chapada Diamantina entre Mucugê e Lençóis

Caetité lidera produção mineral baiana em agosto

Em carta, governadores desmentem Bolsonaro sobre alta da gasolina

Brumado: Manifestantes protestam contra Bolsonaro e prefeito Eduardo Vasconcelos em praça pública

Brumado: Após 1 ano e cinco meses, grupos de capoeira retornam com encontros em praças

Tem novidade na Gel Sol, sua representante Intelbras na Bahia


Promotoria prorroga apuração sobre venda de carnes em abatedouro de Brumado

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O Ministério Público, por meio da 1ª Promotoria de Justiça de Brumado, prorrogou, através de uma medida nesta segunda-feira (30), por mais um ano um inquérito para apurar possíveis irregularidades na venda de carnes no abatedouro da cidade. Segundo o promotor Millen Castro, a prorrogação se deve ao fato de já passar de um ano da instauração do inquérito. Além disso, segundo o promotor, há diligências a serem cumpridas pela Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab) e pela Vigilância Sanitária Municipal. Da Adab, o promotor solicitou as últimas autuações sobre abate clandestino. Já da Vigilância, Millen Castro pediu informações a respeito dos boxes de carne do Mercado Municipal de Brumado, no caso se eles já têm licença sanitária para funcionamento. 

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O promotor também cobrou à vigilância o último relatório de inspeção nos estabelecimentos que vendem carne em Brumado. Em setembro de 2015, uma inspeção feita pela Adab e Vigilância Sanitária apontou problemas em estabelecimentos comerciais de armazenamento e venda de carnes. Segundo documento da Promotoria, em um açougue, foram apreendidos produtos com prazos de validade expirados, havendo inclusive características de contaminação de capim e terra, com aspectos de carne de origem de abate clandestino.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário