ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Governo do Estado anuncia licitação para gestão de presídio de Brumado

Brumado: Promotoria de Justiça acompanha atividades da Secretaria de Educação

25 de novembro: Dia Internacional da não violência contra a mulher

Novo vírus letal surgido na Bolívia pode ser confundido com a dengue

Governo libera R$ 409 milhões para projetos de tecnologias da internet

Major Leila é nomeada comandante da 2ª CIPRv de Brumado

Casal é preso por estuprar as filhas em Itaberaba

Brumado: 237 pacientes estão em tratamento do novo coronavírus

Quadro de especialistas da Clínica Mais Vida é ampliado passando a oferecer mais um cardiologista e ecografista

Partido pede expulsão de vereador eleito por infidelidade partidária

Apresentador Fernando Vannucci morre aos 69 anos

Abrace essa Causa: ‘Projeto O Bom Samaritano’ ajudando quem mais precisa em Brumado

Polícia Civil deflagra operação contra homens e um adolescente que estupraram uma criança de 10 anos em Carinhanha

Nota Fiscal Eletrônica já está presente em 417 municípios da Bahia; já são 70 mil emissores

Auxílio Emergencial: 'Não haverá prorrogação', afirma ministro da economia

Pai de Zezé di Camargo e Luciano morre aos 84 anos

Foguete chinês é visto no céu da Bahia e chama atenção de moradores

Saiba os cuidados em possíveis fraudes no dia da 'Black Friday'

Conquista: PRF apreende pistolas, fuzis e carregadores na BR-116

Brumado confirma a 38ª morte em decorrência da Covid-19


Brumado: Apaixonado por plantas, aposentado planta e cuida de árvores em via pública

Foto: Manu Nunes l 97NEWS

Quem passa pela Rua da Abolição no bairro São Felix, em Brumado, mal pode imaginar que grande parte das árvores que colorem a via foi plantada pela mesma pessoa. Aos 76 anos, o aposentado Durval Bispo dos Santos calcula ter cultivado mais mil exemplares ao longo de sete décadas pelos lugares onde já morou. Amante da natureza, ele diz plantar por prazer, mas não esconde o descontentamento em relação a falta de ações em prol do meio ambiente por parte do poder público. "A cidade está abandonada hoje. Por isso que eu vou atrás de plantar sozinho", afirma. É o próprio Durval quem cultiva as mudas das árvores. Entre as plantas estão exemplares de pau-brasil, ipês branco, roxo e entre outros. O interesse pela natureza, segundo ele, vem desde a infância. "Sempre gostei de árvores, mato. Vim morar em Brumado com 24 anos de idade. E na época não tinha muitas árvores ali, era uma avenida grande. Desde pequeno eu catava sementes, ficava observando as árvores. Sempre fui muito cuidadoso com o meio ambiente", conta. 

 

Foto: Manu Nunes l 97NEWS

As primeiras experiências com o plantio começaram nos quintais das casas em que ele morou, afirma Bispo. "Comecei em fundos de quintais, em hortas, fazendo mudas. Isso ainda menino. Das hortas eu comecei a mudar a coisa para árvore. Se você come uma fruta e planta a semente, a árvore vai brotar. E isso é fascinante", diz. Na década de 70, a iniciativa de plantar migrou dos quintais para os espaços públicos dos municípios. A escolha dos locais, segundo ele, é aleatória. Uma vez plantada, a muda de árvore é cultivada até chegar à vida adulta. "Vou lá, escolho o lugar, corro atrás até ela ficar adulta, podo, vou acompanhando. É uma coisa que eu gosto de fazer", afirma. Durval Bispo é natural de Marcionílio Souza, veio para Brumado no ano de 1968, onde trabalhou na Rede Ferroviária e na Magnesita, hoje aos 76 anos e aposentado, sua maior riquesa é cuidar da natureza.

 



Comentários

  • Geraldo Antonio Leite Meira

    "Parabéns Sr Durval!, isso só demonstra que o senhor é um homem de bem."

Deixe seu comentário