ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Mortes de profissionais da saúde por Covid-19 despencam após vacina, indicam estudos

Brumado: Homem tenta assaltar supermercado com 'garrucha' e é contido por populares

Brumado registra quatro óbitos de coronavírus em 24h

Jovem de 20 anos morre após acidente entre motocicleta e carro na BA-262, trecho entre Brumado e Aracatu

Brumado: Surto de Covid-19 atinge o legislativo brumadense, diz vice-presidente da Câmara

‘Ministério não tem vara de condão para resolver todos os problemas’, diz Queiroga sobre falta de vacina contra covid

Vereador Beto Bonelly convida empresários de Vitória da Conquista para conhecer potencial de Brumado

Brumado: Após vazar na imprensa, prefeitura faz distrato de contrato com empresa contratada para gerenciar UTI Covid

Secretaria de Saúde divulga calendário de vacinação para idosos a partir de 64 anos

Nova Lei do gás trás novas regras para o setor

Conselho Tutelar denuncia mãe por maus tratos em filha de 8 anos em Livramento de Nossa Senhora

Bahia: Motorista atropela vacinadora em posto de vacinação drive-thru; veja o vídeo

Brumado: Sem trabalho por conta da pandemia, cuidadora de idosos chegou alimentar filhos com farinha e água

Brumadense com guillan-barré está internada há mais de 30 dias em Vitória da Conquista à espera de medicamento

Bahia vacinou 12,5% da população contra Covid-19, diz consórcio de imprensa

Brumado: PM apreende homem e adolescente com drogas na Praça da Cebola

presidente da Câmara de Brumado é transferido para Vitória da Conquista

Bamin vence leilão da Fiol e retomará obra com aplicação de R$ 3,3 bilhões

Brumado confirma três mortes de Covid-19 em 24h

Novo lote com mais de 280 mil vacinas contra a Covid-19 chega à Bahia


Governo lança programa habitacional com foco no Norte e Nordeste

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O governo federal anuncia, nesta terça-feira (25), a medida provisória que cria a "Casa Verde e Amarela", novo programa habitacional que vai substituir o "Minha Casa, Minha Vida", criado em 2009 no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Com a meta de atender 1,6 milhão de famílias de baixa renda com financiamento até 2024, o programa visa reduzir o déficit habitacional no país. No Norte e Nordeste, os beneficiários serão famílias com rendimento de até R$ 2,6 mil por mês. Já nas demais regiões, os beneficiários devem ter renda familiar mensal de até R$ 2 mil. Segundo informações do G1, o Casa Verde e Amarela também prevê ações voltadas à regularização fundiária, reforma de imóveis e retomada obras. Durante o lançamento, o Ministério do Desenvolvimento Regional, comandado por Rogério Marinho, informou que será possível ampliar o número de famílias beneficiadas com a redução na taxa de juros do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) "para a menor da história". As regiões Norte e Nordeste serão contempladas com a redução nas taxas em até 0,5% para famílias com renda mensal de até R$ 2 mil e 0,25% para quem ganha entre R$ 2 mil e R$ 2,6 mil por mês. Nessas duas regiões, os juros poderão chegar a 4,25% ao ano para cotistas do FGTS. Nas demais regiões, o limite será 4,5%.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário