ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado registra o 28º óbito por Covid-19, o novo coronavírus

Amargosa: Novo tremor em distrito assusta moradores na noite de terça-feira (27)

Bete Fruits: Frutas e verduras fresquinhas todos os dias

Taxa de ocupação de leitos de UTI Covid-19 volta a subir e chega a 55% na Bahia

Brumado: Município registra 229 pacientes em tratamento por conta da Covid-19

Polícia Civil localiza 30 integrantes da facções rivais na Bahia em operação

Investimento em educação desafia prefeitos em final de mandato

Governo publica redução de impostos sobre videogames

Petrobras reduz preço do diesel em 4% e da gasolina em 5% a partir de hoje (27)

Sem controle de aglomerações, Bahia pode enfrentar 2ª onda de Covid antes do fim do ano

Brumado registra 36 novos casos de Coronavírus nas últimas 24h

Chuva derruba árvores e causa enxurrada em Brumado; veja o vídeo

Muro de canal do 'Riacho do Bufão' cai após chuva intensa em Brumado

Limite máximo de pessoas permitidas em eventos na Bahia é ampliado de 100 para 200

Campanha eleitoral no Brasil já destinou R$ 12,8 milhões ao Facebook

Brumado: Venha conhecer a loja Império 10

Chapada Dimantina: Homem é preso após ser flagrado com CNH falsa e diz que comprou documento por R$ 3 mil

RotSat: Rastreamento de veículos ou de sua frota!

Saúde Brasil acumula 5,3 milhões de casos e 157 mil mortes por covid-19

Pax Nacional é referência no segmento funerário e se destaca em toda região


Eleições 2020 trás novas resoluções e datas de eventos para o pleito municipal

Foto: 97NEWS

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE)  adiou o primeiro e o segundo turno das eleições, respectivamente, para os dias 15 e 29 de novembro deste ano deviso à pandemia da Covid-19. O presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, lembrou que não haverá, nestas eleições, a identificação biométrica do eleitor, atendendo à recomendação da consultoria sanitária do TSE. A medida é necessária, de acordo com o ministro, para minimizar o risco de contágio nas seções eleitorais e porque a biometria retarda o processo de votação. Algumas novas datas já estavam previstas na emenda, como a das convenções partidárias para deliberar sobre escolha de candidatos e coligações, que ocorreriam de 20 de julho a 5 de agosto e passaram para o período de 31 de agosto a 16 de setembro. Também já era previsto o prazo para o registro de candidaturas, que terminaria em 15 de agosto e foi transferido para 26 de setembro. Com base na emenda promulgada, a resolução do calendário determina que as prestações de contas de candidatos e partidos relativas ao primeiro e ao segundo turnos das eleições deverão ser encaminhadas à Justiça Eleitoral (JE) até o dia 15 de dezembro. Por sua vez, a JE deverá publicar as decisões dos julgamentos das contas dos candidatos eleitos até o dia 12 de fevereiro de 2021.

 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário