ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Bahia: Homem é detido ao ir cumprimentar amigos em bar após testar positivo para Covid-19

Bares e restaurantes de Livramento de Nossa Senhora e Rio de Contas registram aglomerações

Ótica Stéfany, armação com preço único

Acelerador de partículas do Brasil produz a primeira imagem do novo coronavírus

Bahia chegou a 105 mil casos e 2.483 mortes por coronavírus no domingo

Comunicado Pax Nacional

PSOL entra com queixa crime contra Bolsonaro por atuação na pandemia

Covid-19: Brasil registra mais de 24 mil novos casos em 24h; óbitos superam 72 mil

RotSat: Rastreamento de veículos ou de sua frota!

Brumado registra 263 casos da Covid-19 e 209 pacientes curados; dois estão hospitalizado

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Caminhão tomba em ribanceira e deixa feridos em Conquista

Brumado: Irregularidades em Licitação pode ser um dos motivos de impeachment do Prefeito

Polícia desarticula quadrilha de receptação de caminhões furtados em Guanambi

Brumado: Em patrulhamento pelo bairro Dr. Juracy, Polícia apreende drogas


Brumado: Volta as aulas vai depender da avaliação do Conselho Municipal de Educação e do Ministério Público

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Com a flexibilização do comércio atendendo todas as recomendações de segurança dos órgãos de saúde pública, o próximo passo da administração municipal de Brumado, é voltar as aulas na rede de ensino do município. Para o gestor, Eduardo Lima Vasconcelos (PSB), a intenção é o retorno de algumas sérias a partir do dia 15 deste mês, mas segundo o próprio prefeito, a decisão será tomada após avaliação do Conselho Municipal de Educação juntamente com a 1ª Promotoria de Justiça de Brumado do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA). Ainda segundo a administração municipal, a ideia é que, as atividades escolares sejam retomadas da 1ª à 9ª série. Com a exclusão da base, quase dois mil alunos não vão retornar as aulas. “As crianças da primeira série têm de 7 anos pra cima e o entendimento é mais fácil. Vai ficar da primeira a nona série. Vamos adquirir a confiança da sociedade através de boas práticas”, disse o gestor em seu programa institucional de rádio. Sobre os funcionários que se enquadram no "grupo de riscos", o prefeito ressaltou que será dada à ele a opção de permanecer trabalhando em outras atividades. "Se forem retomadas as aulas, seguiremos regras rígidas de higiene e de distanciamento", comentou Vasconcelos. 



Comentários

  • Amaury

    "No meu entender o ano letivo tem que ser cancelado, vai ser um ano de aprendizado zero, espero que essa pressa e pressão pela volta das aulas não seja para beneficiar o setor de educação."

Deixe seu comentário