ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Bahia: Roças com 120 mil pés de maconha são descobertas em Curaçá

Empresa brumadense vai investir R$ 8 milhões na cidade e gerar novos empregos

Embasa descobre novas ligações clandestinas no distrito de Lagoa Funda, em Brumado

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Sesab afirma que está preparada para vacinar 5,08 milhões de pessoas na Bahia

Passa valer a partir desta sexta-feira (15), o aumento no número de vagas e novos preços na Área Azul

Queima de pneus usados contamina residencial Brisas com fumaça tóxica

Exames Laboratoriais na Clínica Mais Vida - excelência de qualidade com maior comodidade

Brumado registra a 46ª morte por conta do Coronavírus


Justiça condena responsáveis por crime de racismo contra Maju Coutinho

Foto: Reprodução l TV Globo

A Justiça de São Paulo condenou dois homens pelos crimes de racismo e injúria racial contra a jornalista Maju Coutinho. A decisão foi assinada pelo juiz Eduardo Pereira dos Santos Júnior, da 5ª Vara Criminal da Comarca da Capital. Nela, o juiz afirmou que "os réus, deveras, incitaram e induziram a discriminação e o preconceito de raça e cor”. As penas variam de cinco a seis anos de reclusão em regime semiaberto e aplicação de multa. “O ataque racista, desse modo, não estaria restrito a um gueto ou ao submundo da internet no qual transitavam os acusados. Ao atacar figura pública emblemática, os réus visavam -- e de alguma forma obtiveram -- ampla repercussão de suas mensagens segregacionistas", escreveu o juiz, de acordo com informações da Folha de São Paulo. O caso teve início após eles, utilizando perfis falsos em redes sociais, acessarem a página da emissora e proferirem injúrias contra a jornalista, referindo-se a sua raça e cor. Além disso, foram condenados por corrupção de menores por terem induzido três adolescentes à prática do mesmo crime. Os condenados são Erico Monteiro dos Santos e Rogério Wagner Castor Sales. Já Kaíque Batista e Luis Carlos Félix de Araújo foram absolvidos por falta de provas.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário