ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Fura-filas da vacinação não terão direito à segunda dose e poderão ser presos

Morre em decorrência da Covid-19 o médico de 44 anos, Dr. Lívio

New Kenko Purificadores: Beba água de qualidade e garanta a saúde para sua família

Brumado: Sem espetáculos há quase oito meses, circo volta a realizar apresentações ao público

Justiça Federal nega liminar contra prefeito de Candiba que furou fila de vacinação

Falso policial civil é preso por aplicar golpe em Livramento de Nossa Senhora

Super promoção da Loja Império 10: duas peças por somente R$ 15

Brumado: Município recebe 480 doses do imunizante desenvolvido pela universidade de Oxford

RotSat: Rastreamento de veículos ou de sua frota!

Brumado chega à 47 óbitos por conta da Covid-19

Pax Nacional sempre ao seu lado

Bancário brumadense de 52 anos morre em decorrência da Covid-19

Polícia encontra depósito clandestino de combustíveis em Itapetinga

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado


WhatsApp está em 99% dos celulares no Brasil, diz pesquisa

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

De acordo com uma pesquisa sobre mensageria móvel promovida pelo site Mobile Time, o WhatsApp já está instalado em 99% dos smartphones brasileiros. Para a conclusão, foram entrevistadas 2.072 pessoas, todas com mais de 16 anos e proprietárias de algum celular. A taxa é a maior já registrada em cinco anos da mesma pesquisa. Para se ter uma ideia, há dois anos o percentual era de 96%. Além do total de downloads da plataforma, 93% dos entrevistados afirmaram utilizar o aplicativo todos os dias, enquanto 5% informaram que abrem o WhatsApp “quase todo dia”. Ou seja, apenas 1% dos que baixaram o mensageiro não o usa com frequência. Vale lembrar que super apps são aplicativos que reúnem, em um só software, diversas opções de serviços. Em agosto de 2018, a companhia abriu sua API para permitir que grandes empresas possam utilizar a plataforma como um canal de comunicação com os consumidores. Netflix, Nestlé, TIM, Oi, Unilever e Banco do Brasil são alguns exemplos de gigantes que adotaram o WhatsApp como um meio eficaz para suporte ao cliente, marketing e vendas. Com isso, a popularidade do mensageiro cresceu ainda mais. Agora, o usuário está tão acostumado a conversar com grandes empresas por meio do aplicativo que, em seis meses, cresceu de 51% para 54% a quantidade de consumidores que desejam poder comprar produtos diretamente no WhatsApp. Consequentemente, subiu de 56% para 61%, no mesmo período, o número de pessoas que querem a funcionalidade de pagamentos pela plataforma.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário