ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Palmeiras vence Flamengo na prorrogação e conquista 3º título da Libertadores

Brumado: Calçamento cede e caminhão fica com a roda presa no buraco no bairro Baraúnas

Caetité: Município volta registrar morte por Covid-19; uma mulher de 78 anos

Não há casos da nova variante identificados no Brasil, diz ministério

Brumado: SESOC discuti criação o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher

'Brasil e o mundo não aguentam um novo lockdown', diz Presidente

27 de Novembro - Dia Nacional de Combate ao Câncer alerta para a prevenção da doença

Caculé: Família procura por advogado de 47 anos que está desaparecido

Suspeito de estuprar mulher após simular sessão espiritual é preso na Bahia

PMs são acusados de extorquir R$ 200 mil de família de ciganos

Criado em 1979, Tiro de Guerra de Brumado completa 42 anos

Brumado: Mais bancários, menos filas; Sindicato denuncia demissões nas agências bancárias do Sudoeste

Sem considerar pandemia, expectativa de vida do brasileiro sobe para 76,8 anos

Episódio #004 Tema Livre Podcast está imperdível com o radialista Kaká.

Sindicato dos bancários garante mais uma reintegração no Bradesco

Brumado: Blitz educativa da SMTT orienta condutores sobre o uso do cinto de segurança e 'jugular' no capacete

Colaboradores da Maxxnet doam sangue no Hemoba de Brumado

Brumado: Inadimplentes podem procurar agência dos Correios para o 'Feirão Limpa Nome'

Pai é preso por dever R$ 14 mil de pensão alimentícia na Bahia

Especialistas sugerem fiscalização extra nas urnas eletrônicas para combater fake news


Brumado teve um saldo positivo em relação ao número de vagas de emprego em 2019

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O ano de 2019, ainda não terminou, mas os dez primeiros meses apontam um saldo positivo em relação à empregos com carteira assinada em Brumado. O resultado foi melhor desde 2015, quando aconteceram as demissões nas obras da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL). Os dados foram divulgados na semana passada pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Para se ter uma ideia, o setor de Serviços foi o que mais contratou, foram 1.355 novas vagas, um crescimento de 61,84%. Atualmente, Brumado vive uma expansão na Construção Civil, sendo a segunda área que mais empregou brumadenses ao longo dos 10 meses. Foram cerca de 1.165 contratações com carteira assinada, contra 862 demissões. A terceira área que mais contratou em 2019, foi o Comércio. Cerca de 837 novos funcionários, mas também foi o que mais demitiu este ano, foram cerca de 786 demissões. Outros cargos ajudaram elevar o saldo de empregos na Capital do Minério, é o caso dos setores de Indústria de Transformação (+383 vagas), e Serviços Industriais (+144 vagas). Por ser uma cidade que predomina a exploração mineral, o saldo negativo foi neste setor, que contratou apenas 87 trabalhadores e demitiu cerca de 130, o que representa um saldo negativo de 59,91% no setor. 

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Ainda neste mês de novembro, a Vix Logística, terceirizada da RHI Magnesita anunciou férias coletiva de 15 dias para o quadro de funcionários entre dezembro deste ano à Janeiro de 2020, informação confirmada pelo próprio presidente do Sindmineradores, Édio Pereira em entrevista a imprensa local. Mesmo assim, nos dez primeiros meses de 2019, o saldo de empregos em Brumado continua positivo apesar das demissões na mineração. No total, foram abertas  3.992 novas vagas de emprego, contra 3.040 demissões, o que trás um saldo de 952 vagas até o fim do ano. Números melhores do que em 2018, que contratou cerca de 4.195 trabalhadores, mas demitiu 3.686, o que teve um saldo de 509 vagas de janeiro a dezembro do ano passado. Ainda em 2019, em todo o Brasil, foram abertas 70.852 vagas de emprego formal. Para 2020, a expectativa é que, com a injeção de novos recursos do Governo Federal, várias novas contratações com carteira assinada aconteça em todo o país.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário