ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado já registrou 400 furtos de placas de sinalização de trânsito, diz SMTT

Ministério da Saúde suspende por cautela vacinação para adolescentes de 12 a 17 anos

Bahia: Caetité, Jacobina e Itagibá reuniram 51% da produção mineral em agosto

Em audiência pública, Prefeitura apresenta proposta do Orçamento 2022

Brumado: Horta comunitária vira exemplo de inclusão social e produtiva em Pedra Preta

Itapetinga: Polícia recupera animais furtados avaliados em mais de R$ 100 mil

Coruja branca aparece no centro de Brumado e é resgatada por populares

Relatório mostra efeito da pandemia no mercado de shows no Brasil

Vacinação contra Covid segue para pessoas com 17 anos ou mais em Brumado

Dia 'D' da Campanha Antirrábica será no próximo sábado (18)

Brumado: Casos ativos de Covid-19 continuam caindo no município

Ituaçu: Justiça determina abertura de CPI para investigar supostas irregularidades na prefeitura

Brumado: Incêndio é controlado com ajuda de videomonitoramento e caminhão pipa

Com cesta básica consumindo até 47% do salário mínimo, brumadenses diminuem compras no supermercado

RotSat: 15 de Setembro - Dia do Cliente

Conquista: Polícia prende homem de 37 anos por tráfico de drogas, lavagem de dinheiro e fraudes bancárias

Sindicato dos Bancários distribui mais de uma tonelada de alimentos em Brumado e Livramento

Brumado registra menos de 100 casos ativos por conta da Covid-19

Leilão virtual do Detran-BA disponibiliza 491 lotes de veículos conservados e sucatas

Com cerimônia realizada em Conquista, Major Leila toma posse como nova comandante da 34ª CIPM de Brumado


Brumado: Presidente do Sindsemb diz que 'pelo terceiro ano consecutivo, prefeitura nega reajuste salarial'

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Em mais um ano sem evolução, a Prefeitura de Brumado e o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sindsemb) não chegaram a uma proposta final para reposição salarial dos servidores públicos municipais. Para o presidente do Sindsemb, Jerry Adriano, o desfecho das negociações ao longo desses anos não causou estranheza. Em entrevista ao 97NEWS, Adriano, disse que o prazo se esgotou e o órgão acionará a justiça. “As negociações começaram no mês de abril e foram até maio. O secretário alega que a prefeitura não tem condições de dar o repasse”, relata. De acordo com os cálculos feitos pelo Sindsemb, o repasse aos 384 servidores públicos municipais seria de R$ 108 mil, o que está dentro das possibilidades da administração, tendo em vista as inúmeras nomeações publicadas no Diário Oficial que incham a folha de pagamento. O presidente do Sindsemb informou ainda que já encaminhou ofício à prefeitura solicitando a reabertura das negociações salariais, mas o documento não foi respondido. Segundo Jerry, o próximo passo é acionar a justiça a fim de garantir a reposição da perda salarial da categoria. “O último reajuste foi em 2017, que é equivalente a 2016. Acompanhamos a apresentação do orçamento para 2020 e, mais uma vez, os servidores ficaram de fora”, colocou Adriano. Em contra partida, a prefeitura alega que os limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal, impede qualquer reajuste, o que poderia desequilibrar o orçamento do município. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário