ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Mortes de profissionais da saúde por Covid-19 despencam após vacina, indicam estudos

Brumado: Homem tenta assaltar supermercado com 'garrucha' e é contido por populares

Brumado registra quatro óbitos de coronavírus em 24h

Jovem de 20 anos morre após acidente entre motocicleta e carro na BA-262, trecho entre Brumado e Aracatu

Brumado: Surto de Covid-19 atinge o legislativo brumadense, diz vice-presidente da Câmara

‘Ministério não tem vara de condão para resolver todos os problemas’, diz Queiroga sobre falta de vacina contra covid

Vereador Beto Bonelly convida empresários de Vitória da Conquista para conhecer potencial de Brumado

Brumado: Após vazar na imprensa, prefeitura faz distrato de contrato com empresa contratada para gerenciar UTI Covid

Secretaria de Saúde divulga calendário de vacinação para idosos a partir de 64 anos

Nova Lei do gás trás novas regras para o setor

Conselho Tutelar denuncia mãe por maus tratos em filha de 8 anos em Livramento de Nossa Senhora

Bahia: Motorista atropela vacinadora em posto de vacinação drive-thru; veja o vídeo

Brumado: Sem trabalho por conta da pandemia, cuidadora de idosos chegou alimentar filhos com farinha e água

Brumadense com guillan-barré está internada há mais de 30 dias em Vitória da Conquista à espera de medicamento

Bahia vacinou 12,5% da população contra Covid-19, diz consórcio de imprensa

Brumado: PM apreende homem e adolescente com drogas na Praça da Cebola

presidente da Câmara de Brumado é transferido para Vitória da Conquista

Bamin vence leilão da Fiol e retomará obra com aplicação de R$ 3,3 bilhões

Brumado confirma três mortes de Covid-19 em 24h

Novo lote com mais de 280 mil vacinas contra a Covid-19 chega à Bahia


Polícia prende suspeita de aplicar golpe e acusar Padre Marcelo Rossi de plágio

Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu na última quinta-feira (9), Izaura Garcia de Carvalho Mendes, de 65 anos, suspeita de praticar estelionato ao aplicar um golpe milionário no padre Marcelo Rossi. Uma investigação da Polícia Civil, mostrou que Izaura fraudou o registro de um texto e, em processo na Justiça, alegou que o padre o copiou e o usou sem dar crédito no livro "Ágape". O livro vendeu 10 milhões de exemplares entre 2010, quando foi lançado, até abril deste ano, quando foi retirado de circulação por uma decisão judicial movida por ela. Em 2013, Izaura fez um acordo com a Editora Globo e recebeu R$ 25 mil numa primeira ação. Segundo o site G1, em uma nova ação contra a editora do livro, que manteve na obra o trecho que Izaura diz ser seu, a Justiça determinou, em 11 de abril de 2018, a proibição de venda do "Ágape" e o recolhimento de todos os livros que estão no mercado. Não satisfeita, Izaura ainda fez o pedido de uma indenização de R$ 51,6 milhões. Izaura foi chamada a depor na delegacia. Diante do delegado respondeu que não sabe falsificar documentos e que mostrou toda a documentação às advogadas. "Só sei datilografar", disse. Conforme o G1, após a afirmação, o delegado prendeu Izaura e as duas advogadas. Depois, a polícia fez buscas na casa de Izaura, no bairro do Rio Comprido, na região Central do Rio, onde apreendeu documentos que podem auxiliar nas investigações. Após constatar a fraude, a escritora e as duas advogadas foram presas e posteriormente liberadas para responder o processo em liberdade.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário