ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Governo federal vai cortar R$ 8,2 bi em verbas de ministérios

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Peritos médicos do INSS encerram greve e voltam a atender na próxima segunda (23)

Bahia: IBGE divulga resultado da seleção do Censo 2022

Em visita à Brumado, ACM Neto critica segurança pública da Bahia

Governo do Estado vai autorizar obras de abastecimento de água, estrada e esportes em Brumado

Elon Musk visita o Brasil para discutir conectividade e proteção da Amazônia

Você sabe quando deve consultar o endocrinologista? Especialista da Clínica Mais Vida orienta sobre principais sintomas

Mais de 12 mil raios atingiram Bahia na última quarta-feira, dia 18

Estado da Bahia utilizará mesma tecnologia em segurança usada em Nova Iorque

Garimpo ilegal movimentou mais de R$ 200 milhões no Brasil

Brumado: Superintendente da SMTT acredita que ‘polêmica’ com radares é apenas uma questão de adaptação

Brumado: Em coletiva, pré-candidato ACM Neto critica péssimos índices na segurança da Bahia e defendeu mudança de postura


Brumado: Moradores querem saber: 'De quem é o buraco deixado em via no bairro Malhada Branca?'

Os próprios moradores improvisaram a sinalização do local tentando impedir acidentes - Foto: 97NEWS

A situação que envolve o saneamento básico em nosso município está longe de acabar. São inúmeras as reclamações por parte da população, quando o assunto é esgotamento sanitário ou abastecimento de água potável. Como é comum em Brumado, o que mais se ver pelas ruas, principalmente em bairros com menos poder aquisitivo, são buracos deixados em ruas e avenidas, após a manutenção de uma rede de esgoto estourada ou uma encanação de água fornecida pela concessionária Embasa. Ao longos dos anos a prefeitura municipal vem tentando, inclusive com o último edital lançado recentemente, que a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), faça sua parte ao realizar manutenção em vias públicas do município. De acordo com a administração municipal, é de obrigação da concessionária, após a manutenção, reparar paralelepípedos ou asfalto que foram danificados durante os reparos realizados pela empresa. Mas o que se ver na realidade não é isso, sempre que a Embasa abre um buraco, ele fica por vários dias, sendo que em alguns casos ou os moradores realizam por conta própria a manutenção, ou pela própria prefeitura, que quando solicitada, recupera a via. Mas segundo a prefeitura, essa conta acaba ficando cara para a administração, que ao invés de está realizando manutenção em outros trechos e até mesmo pavimentando novas ruas, tem que ficar "tapando buraco" de uma empresa que já recebe para isso. 

O buraco foi aberto à cerca de uma semana - Foto: 97NEWS

Em uma recente entrevista do prefeito Eduardo Vasconcelos ao 97NEWS, ele relatou que com a licitação dos serviços de esgotamento sanitário e fornecimento de água potável, a nova empresa que assumir, podendo ser até a própria Embasa, se ela for a vencedora, terá que atender todos os novos requisitos do projeto. "Os consumidores poderão brigar na justiça, e com uma resposta até mais rápido, ao cobrar pelos seus direitos, quando se sentir lesado. Porque com as novas regras, a empresa que realizar manutenção na rede de esgoto ou de água, ela terá que entregar esta via, do jeito que ele encontrou", disse o prefeito. Enquanto o processo de licitação ainda está em andamento, quem sofre com todos esses problemas, é a população, como é o caso por exemplo da Rua Princesa Izabel, no bairro Malhada Branca, em contato com a Redação do 97NEWS, os moradores enviaram fotos e denunciaram o descaso com um buraco deixado no meio da via. A moradora Maria Dolores relata diz que o mau cheiro é insuportável, que chega ao ponto de causar dores de cabeça durante o calor do dia. "Esse esgoto esta aberto na entrada que da acesso a rua Antenor Castro, e além do mau cheiro, estamos vendo a hora de acontecer um acidente grave aqui", comenta a moradora, que afirmou ainda que a rua é bastante movimentada por ser um dos principais acessos para outros bairros próximo a Malhada Branca. Outro morador da localizada, Amadeus Meira Leite disse que já procurou a prefeitura para relatar o problema, mas segundo ele, funcionários disseram que é com a Embasa. "Já fui várias vezes no setor de infraestrutura e me disseram que não é de responsabilidade do município. Procurei os funcionários da Embasa que passam por aqui quase que todos os dias, e eles disseram que é com a prefeitura. Afinal de que é o buraco?", indagou o morador.

 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário