ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Comprovante de vacinação passa a ser exigido em delegacias da Bahia

Piloto morre após queda de avião em Luís Eduardo Magalhães

Vitória da Conquista: Terreiros de religiões de matriz africana ganham imunidade tributária

Brumado registrou 178 casos ativos de Covid-19 na sexta-feira

Família é feita refém e torturada durante assalto na zona rural de Brumado

Morre aos 94 anos, a mãe do presidente Jair Bolsonaro

Suspeito de tráfico de drogas é preso em Guanambi

Na Bahia, 283 servidores que não comprovaram vacinação serão afastados por 90 dias

Criança que teve parada cardíaca horas após se vacinar tem doença rara, diz investigação

Brumado: Ambulância atropela e mata cavalo na BA-262

36 agências bancárias da Bahia fecham temporariamente após surto de Covid-19

Ataque hacker ultrapassa 24 horas e sites do governo ainda estão fora do ar

Dr. Igor Malaquias foi o entrevistado do Tema Livre Podcast desta semana

Bahia: Governador anuncia redução de 3 mil para 1,5 mil pessoas em eventos

Brumado: Presidente da Câmara testa positivo para Covid pela 3ª vez

Policiais civis aprovam estado de greve na Bahia

Site da Secretaria de Segurança Pública da Bahia é hackeado

Prefeitura de Brumado vai iniciar reformas em casas atingidas pelas chuvas

Brasil registra 6 vezes mais casos diários de covid-19 que em dezembro

Brumado registra 36 novos casos de coronavírus em 24h


Brumado: Projeto para construção de monumento na Av. Lindolfo Brito pode ser aprovado nesta sexta (29) com apenas um voto contrário

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O projeto de lei 07/2019 da vereadora Ilka Abreu (PR) que prevê a construção de um monumento em referência ao Candomblé, na Av. Lindolfo Azevedo Brito, em Brumado, poderá ser aprovado em primeira votação na sessão desta sexta-feira (29), segundo apurou o 97NEWS. A rejeição continua por parte do Vereador José da Silva Santos (PTC), que defende a bancada dos evangélicos na Câmara. O texto do projeto aponta que todo valor da obra será por incentivo de particulares, a prefeitura apenas fiscalizaria o projeto. Mas, antes mesmo de entrar em votação, o projeto causou polêmica no município, uma vez que, para o vereador "Santinho", se aprovado, abriria um leque para outras religiões. Mas de acordo com os defensores do projeto, a posição do vereador vai de encontro com os princípios que já foram aplicados em Brumado. A argumentação é que, outros monumentos já foram implantados na Capital do Minério, e nunca se causou polêmica sobre eles. Usando como exemplos, foram citados os monumentos dos Dez Mandamentos na praça Senhor do Bonfim, que foi um pedido de uma igreja evangélica. Outra situação, são os monumentos da igreja Católica, à exemplo, o crucifixo feito em mosaico na praça da igreja Matriz, outro desenho, é a própria fonte da praça Coronel Zeca Leite (Praça da Prefeitura), que tem em seu projeto o desenho de um crucifixo. Ainda segundo os seguidores da religião de Matriz Africana, são vários monumentos na cidade, que muitos acabam não percebendo, mas que estão lá, em forma de homenagens as suas denominações. Conforme citam, há várias décadas, existe monumentos do Rotary Club, um na Avenida Centenário e, outro em frente a própria sede da denominação na Rua Rio de Contas. Enfim, o assunto é extenso e promete movimentar a plenária da Câmara nesta sexta, tando pelo lado da comunidade Evangélica, como pela Matriz Africana, que promete lotar o auditório do poder Legislativo.



Comentários

  • Amaury

    "Brumadenses, não tenho nada contra ao credo religioso de nenhum ser humano, mas acho que nossos vereadores deviam levar para este plenário projetos que melhoram a vida do cidadão por exemplo. - Inauguração do presídio de Brumado - Construção da sede própria da UNEB - Retirada daquelas sucatas de veículos que estão dentro e no entorno do complexo policial - Esgotamento sanitário de Brumado - Elevação da barragem de Cristalândia - Construção da policlínica Regional O legislativo local precisa estar mais atento e cobrar das esferas de poder obras e benfeitorias que de fato traga o progresso para Brumado, somos conhecidos como a capital do minério, nossa riqueza e exportada para os cinco continentes da terra, mas infelizmente quem nus representa não usam nosso potencial mineral para exigir dos governantes o desenvolvimento que merecemos."

Deixe seu comentário