ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado tem 31 pacientes hospitalizados por conta da Covid-19 e 341 casos ativos da doença

Está chegando em Brumado Start Shop; Centro de Soluções em Limpeza e Higienização

Mesmo com o 'lockdown', Área Azul opera normalmente em Brumado

Mais de cem pessoas já foram autuadas na Bahia por desrespeitar toque de recolher

Brumado: Em vídeo, filha faz apelo a população após mãe ser transferida de avião para Barreiras por conta da Covid-19

Governador da Bahia prorroga lockdown até quarta-feira (3)

Bolsonaro endossa apoio a protesto contra lockdown: 'O povo quer trabalhar'

Super promoção da Loja Império 10: duas peças por somente R$ 15

Brumado: Avanço do coronavírus restringe atendimentos de casos leves e moderados no Hospital PMN

Pax Nacional sempre ao seu lado

Guanambi: Homem é preso por realizar bingo e provocar aglomeração em bar

RotSat: Rastreamento de veículos ou de sua frota!

Bahia vai aplicar R$ 54,4 milhões enviados pelo governo federal no combate à pandemia

Brumado registra 61 óbitos por conta da Covid-19; município ultrapassa 5 mil casos confirmados e 335 em tratamento

Brumado: Uma pessoa é flagrada desrespeitando toque de recolher

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Restrição de atividades: Saiba o que poderá funcionar na Bahia de sexta a segunda

Bahia: Rui Costa prevê que Brasil vai ‘mergulhar no caos em duas semanas’ por causa de Covid-19

Auxílio deve voltar em março com parcelas de R$ 250, diz Governo

Dono do hit ‘Gordinho Gostoso’, Neto LX é detido com carro roubado


Polícia Militar prende suspeito de matar homem e atear fogo no corpo em Aracatu

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A Polícia Militar prendeu no último domingo (3) um dos homens suspeitos de matar e atear fogo no corpo de Magnoel Costa Teixeira,de 29 anos, encontrado em matagal da Fazenda Congresso, na região de Aracatu. O corpo de Magnoel foi localizado por populares no último domingo (3). Os exames periciais apontam que o homem foi morto com golpes na cabeça devido aos ferimentos encontrados no corpo que indicam traumatismo craniano. De acordo com as investigações, o principal suspeito, Bruno Nunes de Souza (Bruninho), teria atacado Magnoel por conta da vítima ter o reconhecido durante o roubo. Por este motivo, ele e mais dois comparsas, acabaram colocando fogo no corpo. A Polícia Civil pediu a prisão temporária do suspeito, que permance na carceragem da 20ª Coorpin até o final das investigações. Ainda segundo o delegado Orlando Quaresma, Bruno foi preso por latrocínio, que é roubo seguido de morte. Outros dois comparsas apontado por ele segue foragido.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário