ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Covid-19: cai de 12 para 8 semanas prazo entre as doses da AstraZeneca

Presidente da Alba assume interinamente o governo da Bahia após viagem de Rui e Vice

MP-BA recomenda que Guanambi desalugue prédio da Cultura após erros em licitação

Brumado tem 100,3% da população acima de 12 anos vacinada com a primeira dose

Bahia: Menino de 11 anos cria simulador para jogos de celular com materiais recicláveis

SSP-BA recebe empresas para contratação de câmeras corporais

Psicóloga Paula Machado aborda o tema: Sabemos lidar com as perdas?

Brumado: Um ano depois, 'funileiro' termina veículo inspirado no modelo WT

Operação Nossa Senhora Aparecida: PRF apreende cerca de R$ 2,5 milhões em drogas nas estradas da Bahia

Brumado: Após bloqueio de moradores, SMTT remove pneus de via no Apertado do Morro

Bahia: No combate a violência doméstica e tráfico de drogas, Polícia deflagra ação no interior

Brumado: Presidente da Câmara é vítima de fake news e denuncia crime à Polícia Cívil

STF derruba lei que liberava venda de remédios para emagrecer

Salvador: PM apreende armamento e drogas durante evento de paredão

Durante live, Bolsonaro volta a defender 'kit covid'

Bahia: Cerca de 14 mil processos de suspensão de CNHs serão arquivados

Brumado: Sindsemb homenageia os professores com mensagem de agradecimento e valorização

STJ autoriza retorno de Maurício Barbosa ao cargo de delegado da PF

Major Leila Silva realiza visita institucional a presidente da Câmara de Brumado

Brumado: TOR apreende produtos eletrônicos sem nota fiscal na BR-030


Papa faz apelo por vida mais simples e menos materialista na Missa do Galo

Foto: Divulgação

O papa Francisco celebrou a tradicional Missa do Galo diante de 10 mil pessoas na praça de São Pedro, no Vaticano, e instou o mundo desenvolvido a busca uma vida mais simples e menos materialista, ao mesmo tempo em que condenou o aumento da disparidade entre ricos e pobres. Em sua homilia, Francisco, 82, disse que o nascimento do Menino Jesus na pobreza em um estábulo deveria fazer com que todos, especialmente os "vorazes e gananciosos", refletissem sobre o real sentido da vida.  "Diante da manjedoura, entendemos que a comida da vida não são riquezas materiais, mas o amor; não a gula, mas a caridade; não a ostentação, mas a simplicidade", afirmou o papa, com simples vestes brancas.  "Vamos nos perguntar: eu realmente preciso de todos esses objetos e receitas complicadas para viver? Posso ficar sem todos esses extras desnecessários e viver uma vida com maior simplicidade?", acrescentou.

"Nos nossos dias, para muitas pessoas, o sentido da vida se encontra em possuir, em ter em excesso objetos materiais. Uma ganância insaciável marca toda a história da humanidade, mesmo hoje, quando muitos jantam de maneira luxuosa enquanto muitos ficam sem o pão diário necessário para sobreviver."  Francisco, o primeiro papa da América Latina, fez a defesa dos pobres a marca de seu papado, que entrará em seu sexto ano em março de 2019. No sábado (22), o Vaticano disse que ele deu como presente de Natal aos sem-teto de Roma uma nova clínica, na praça São Pedro, para que possam ter atendimento médico gratuito.  No Dia de Natal, na terça (25), o papa fará sua mensagem bianual "Urbi et Orbi" (para a cidade e para o mundo) da sacada central da Basílica São Pedro. Ele deve falar sobre a perseguição aos cristãos na Síria e no Iraque.  Francisco enviou seu secretário de Estado, cardeal Pietro Parolin, para celebrar o Natal com os cristãos no Iraque.  Católicos estão entre as minorias religiosas mais perseguidas pelo Estado Islâmico no país do Oriente Médio.  Nesta segunda, Parolin se encontrou em Bagdá com premiê iraquiano, Adel Abdul-Mahdi. Nos próximos dias, ele deve viajar para o norte do Iraque para se encontrar com líderes curdos em Irbil e para celebrar uma missa em Qaraqosh, próximo a Mosul, de acordo com o Vaticano. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário