ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Garimpo ilegal movimentou mais de R$ 200 milhões no Brasil

Brumado: Superintendente da SMTT acredita que ‘polêmica’ com radares é apenas uma questão de adaptação

Brumado: Em coletiva, pré-candidato ACM Neto critica péssimos índices na segurança da Bahia e defendeu mudança de postura

Brumado: PM impede que morador em situação de rua seja espancado até a morte por homens; veja vídeo

Loja da Eletrozema é consumida por incêndio em Livramento de Nossa Senhora

Secretário de Administração Penitenciária da Bahia realiza visita técnica ao presidio de Brumado

Brumado: Polícia Civil concluiu investigação do homicídio ocorrido no bairro do Mercado

Brumado: Secretário de Administração Penitenciária é recebido pelo prefeito Eduardo Vasconcelos

Sala do Empreendedor promove workshop para estudantes do CEEP de Brumado

Idoso de 67 anos fica ferido em acidente com picape próximo a 'Serra do Marçal'

Médico é preso em flagrante suspeito de estuprar adolescente de 13 anos

Você já ouviu falar no Rap Geek? O Tema Livre Podcast bateu um papo com Dock Elo, criador desta arte em Brumado

Trabalhadores do comércio de Brumado e Região tem direito no Benefício Social e já podem aproveitar

Chuva de granizo atinge cidade de Mucuri, no extremo sul baiano

TCM adverte Prefeitura de Brumado por irregularidades em licitação da limpeza pública

Grupo operativo da Ouvidoria Cidadã de Brumado toma posse na Defensoria Pública Estadual

Termômetros podem marcar 10 graus nos próximos dias no Sudoeste da Bahia

Bahia: Secretário da Segurança Pública defende descriminalização da maconha

TSE e Telegram formalizam acordo para combate às fake news

Criança é encontrada viva depois de passar dois dias dentro de buraco na Bahia


Rio de Janeiro: Médica manda paciente operada comer secreção: ‘daqui a pouco é uma salada de fruta’

Foto: Reprodução l TV Globo

Uma paciente da médica Geysa Leal Correa relatou sofrer complicações após realizar um procedimento de lipoaspiração. Ela teve o intestino perfurado e está internada no Hospital Cardoso Fontes, no Rio de Janeiro, há mais de uma semana com o intestino perfurado. A médica é investigada pela morte de outra mulher após cirurgia realizada no dia 16 de julho. Em conversas com Geysa por mensagens de celular, a paciente reclamou que, mesmo tomando os medicamentos indicados, continuava com muita secreção. “Falei para ela que estava saindo uma secreção. Eu estava muito inchada, ela me receitou vários antibióticos, vários remédios. Voltei para casa com o alívio de algumas horas, mas logo depois começou a doer de novo, começou a inchar de novo”, disse. Em outra mensagem, a mulher contou que o caso é sério e que os alimentos que ela ingeriu estavam saindo pela cicatriz. “Eu comi uma sopa no dia anterior que cotinha tomate e agrião. Estava saindo muita secreção e nessa secreção saiu agrião e tomate. Mandei as fotos para ela.” 

Foto: Reprodução

Em seguida, a médica respondeu com uma mensagem de áudio. Rindo, ela diz para a paciente “provar” a secreção. “Amore, eu acho que você devia comer pra ver se é verdade, pra ver se é tomate, se é cenoura, porque isso aí pra mim, é gordura. Me desculpe, mas não fale besteira que quanto mais besteira você pensar, pior você vai ficar estressada. E me estressar à toa”, disse Geysa no áudio. “Como assim comida? Desculpa, está doida? Eu quero que você venha aqui primeiro. Eu preciso ver isso. Comida? Impossível sair comida. Se eu tivesse perfurado alguma coisa, você já tinha morrido. Então, deixa eu ver primeiro antes de você ficar falando besteira. É agrião, daqui a pouco é uma salada de fruta, uma sopa. Se você quiser, você come para provar, pra ver se é uma coisa ou outra. Eu estou brincando, desculpa. Isso é uma falta de respeito com você. Desculpa”, disse a médica rindo em uma mensagem de áudio. O Hospital Federal Cardoso Fontes disse que não informa o estado de saúde de paciente.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário