ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Jornalista Daniel Simurro morre aos 58 anos em Brumado

Brumado: Há 19 dias município não registra morte por Covid-19

Guanambi: Rui entrega reforma de estrada e autoriza R$ 35 milhões em ações

Brumado: Blogueiro Daniel Simurro é internado após mal súbito em sua residência

Brumado: Sindicato dos Mineradores denuncia assédio moral em empresa de refino de talco

Brumado retoma vacinação de adolescentes com 16 e 17 anos nesta terça-feira (21)

Novas chamas atingem Chapada Diamantina entre Mucugê e Lençóis

Caetité lidera produção mineral baiana em agosto

Em carta, governadores desmentem Bolsonaro sobre alta da gasolina

Brumado: Manifestantes protestam contra Bolsonaro e prefeito Eduardo Vasconcelos em praça pública

Brumado: Após 1 ano e cinco meses, grupos de capoeira retornam com encontros em praças

Brumadenses são presos em Goiás por roubo de carga avaliada em R$ 180 mil

Brumado vacina contra a Covid nesta segunda-feira, pessoas de 12 a 17 anos com comorbidades

Bombeiros continuam em combate a incêndios na Bahia

Brumado: Mulher fica ferida após acidente entre carro e moto no bairro Santa Tereza

Vítima de câncer, morre ator Luis Gustavo aos 87 anos

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Vacina da Pfizer não foi causa provável de morte de adolescente, diz governo de SP

Brumado: Tentativa de homicídio é registrada na Vila Presidente Vargas


Brumado: Tradição católica fala mais alto e a maioria dos pais não enviam seus filhos para as escolas municipais

Salas de aulas com cadeiras vazias foi a tônica escolar municipal deste feriado de Corpus Christi (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

O feriado de Corpus Christi é um dos mais representativos do calendário do Catolicismo no Brasil e, essa relevância, acabou sendo confirmada em Brumado na manhã desta quinta-feira (31), já que a maioria dos pais de alunos da rede pública municipal não enviaram os seus filhos para as escolas. As aulas tinham sido confirmadas ontem (30) com a divulgação da negativa da Justiça diante de um mandado de segurança impetrado pela APLB – Sindicato, o qual solicitava a liberação dos alunos e professores alegando que a data era um feriado nacional. A equipe do 97NEWS esteve em algumas escolas da rede pública municipal e verificou que um número muito pequeno de alunos compareceu. No CMEAS, que é uma referência educacional do município, apenas 7 alunos compareceram, o que fez com que os professores e diretores entrassem em contato com os respectivos pais para que eles fossem buscar seus filhos, já que não tinha condições para o ensino. Em contato com uma representante do setor educacional municipal foi comunicado que um grande número de pais entrou em contato com as escolas avisando que não iriam enviar seus filhos, pois eles iriam respeitar o feriado de Corpus Christi devido à forte tradição do Catolicismo em Brumado. Com isso, a realização das aulas nesta sexta-feira (01) também pode ser prejudicada, já que a tradição secular do “emenda” pode também fazer com que os alunos não compareçam, fazendo com que dois dias do ano letivo possam vir a ser recuperados no final do ano com aulas extras.

A visão do CMEAS exemplifica bem a situação (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)


Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário