ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Palmeiras vence Flamengo na prorrogação e conquista 3º título da Libertadores

Brumado: Calçamento cede e caminhão fica com a roda presa no buraco no bairro Baraúnas

Caetité: Município volta registrar morte por Covid-19; uma mulher de 78 anos

Não há casos da nova variante identificados no Brasil, diz ministério

Brumado: SESOC discuti criação o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher

'Brasil e o mundo não aguentam um novo lockdown', diz Presidente

27 de Novembro - Dia Nacional de Combate ao Câncer alerta para a prevenção da doença

Caculé: Família procura por advogado de 47 anos que está desaparecido

Suspeito de estuprar mulher após simular sessão espiritual é preso na Bahia

PMs são acusados de extorquir R$ 200 mil de família de ciganos

Criado em 1979, Tiro de Guerra de Brumado completa 42 anos

Brumado: Mais bancários, menos filas; Sindicato denuncia demissões nas agências bancárias do Sudoeste

Sem considerar pandemia, expectativa de vida do brasileiro sobe para 76,8 anos

Episódio #004 Tema Livre Podcast está imperdível com o radialista Kaká.

Sindicato dos bancários garante mais uma reintegração no Bradesco

Brumado: Blitz educativa da SMTT orienta condutores sobre o uso do cinto de segurança e 'jugular' no capacete

Colaboradores da Maxxnet doam sangue no Hemoba de Brumado

Brumado: Inadimplentes podem procurar agência dos Correios para o 'Feirão Limpa Nome'

Pai é preso por dever R$ 14 mil de pensão alimentícia na Bahia

Especialistas sugerem fiscalização extra nas urnas eletrônicas para combater fake news


Mundo: Declínio 'alarmante' no meio ambiente ameaça suprimento de alimento e energia, diz ONU

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

As atividades humanas estão causando um declínio alarmante na variedade da flora e da fauna na Terra e ameaçando os suprimentos de alimentos, água potável e energia, segundo um estudo de biodiversidade apoiado pela Organização das Nações Unidas (ONU) divulgado na última semana. A poluição, a mudança climática e os desmatamentos para liberar terras para o cultivo estão entre as piores ameaças à natureza, de acordo com os mais de 550 especialistas que formularam uma série de relatórios aprovados por 129 governos depois de conversas na Colômbia. "A biodiversidade, a variedade essencial de formas de vida na Terra, continua a declinar em todas as regiões do mundo", escreveram os autores. Quatro relatórios regionais cobriram as Américas, a Ásia e o Pacífico, a África, a Europa e a Ásia Central - todas as áreas do planeta, com exceção dos pólos e dos altos-mares. O relatório das Américas estimou que o valor da natureza para as pessoas, como lavouras, madeira, purificação de água ou turismo é de ao menos 24,3 trilhões de dólares por ano, o equivalente ao produto interno bruto (PIB) da região, do Alasca à Argentina. Quase dois terços destas contribuições naturais estão em declínio nas Américas, aponta o documento. "A biodiversidade e as contribuições da natureza para as pessoas soam para muitos como algo acadêmico e muito distante de nossas vidas diárias", disse Robert Watson, presidente da Plataforma Intergovernamental de Ciência e Política sobre Biodiversidade e Serviços para Ecossistemas (IPBES). 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário