ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Brumado: Trabalhadores da Endicon são demitidos e temem 'calote' de empresa

Brumado: Preso em flagrante tem ataque de fúria, agride policiais e quebra objetos de delegacia

PM apreende drogas e pássaros silvestres em Rio de Contas

Acesse a TV Templo dos Milagres no Youtube e seja abençoado

Brumado: Mega estrutura está sendo montada para o Verão VIP com ingressos limitados

O Tema Livre Podcast desta semana recebeu o 'MC Naip Bronka'

Brumado: Subnotificação dos casos de Covid esconde números reais da doença

Cinco morrem e mais de 70 são presas em operação da PM na Bahia

Homem mata pastora de 84 anos a pauladas na porta de igreja

Há 41 anos, mulher procura avós que possivelmente moram em Brumado ou Caetité

Operação Força Total intensifica policiamento na Bahia

Dr. Felipe Leão, médico da Clínica Mais Vida, alerta sobre a importância da realização do check-up

Operação da PF prende homem que divulgou vídeo de estupro de criança


Brumado: Justiça condena banco a indenizar cliente que ficou por mais de 4 horas na fila

Foto: Luciano Santos l 97News

O Juizado Especial de Pequenas Causas de Brumado condenou o Banco do Brasil a pagar R$ 2 mil em danos morais à um cliente da instituição bancária. Ao ingressar em juízo, o cliente afirmou haver suportado constrangimentos em razão da longa espera na fila de atendimento, ultrapassando em muito o limite máximo de 15 minutos previsto em lei. O que acabou levando a pessoa à espera por mais de 4h pelo desejado atendimento. Essa não é a primeira vez que a justiça de Brumado julga um caso desta natureza, envolvendo demora em fila bancária. O juiz Rodrigo Souza Britto, entendeu ser aplicável, ao caso, o Código de Defesa do Consumidor. Além do Banco do Brasil outras agências bancárias de Brumado têm diversas ações na justiça por descumprimento no atendimento, que são de 15 minutos em dias normais, e em dias de pagamento ou véspera de feriado, a espera é de até 30 minutos.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário