ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Polícia Civil lança nova plataforma virtual para registrar ocorrências

Brasil registra menor média móvel de mortes desde o início da pandemia

Brumado: Tradição de vários anos, Grupo Pax Nacional doa brinquedos as crianças

Brumado: Decreto Desobriga o uso de máscara facial na cidade; mas há restrições

Brumado: Com a morte do cantor e comunicador Tote Lima, esposa passa por dificuldades

União se compromete a corrigir defasagem de doses de vacina à Bahia

Brumado: Prefeito Eduardo Vasconcelos pede desfiliação do PSB

IBGE cancela processo seletivo de 204 mil vagas para o Censo 2022

Brumado: Mesmo em lados opostos, Fabrício Abrantes repudia fake news contra 'Verimar do Sindicato'

Brumado: Policlínica municipal de saúde será transferida para a sede da Upa 24h

Paramirim: Motorista de 41 anos morre em acidente na BA-152

No exterior, Rui Costa tenta atrair projeto de energia renovável para indústria baiana

Dois foragidos que viajavam em ônibus são presos pela PRF em Vitória da Conquista

Rede estadual tem aulas 100% presenciais nesta segunda-feira (18)

Prefeitura de Brumado pretende doar terreno para construção de hospital particular

Pax Nacional promove nesta segunda-feira (18) a 'Festa das Crianças'

Brumado: Em outro ângulo, câmera registra grave acidente na BR-030; veja

Conheça o kit 'Barriga Tanquinho' de Marcelo Esportes

Conquista: Com ajuda de cão farejador, PRF encontra maconha levada em ônibus

RotSat: Conheça o nosso site com 'Menu' de acesso rápido


Conheça os 8 deputados baianos que contribuiram pela absolvição do condenado Natan Donadon

Uns estiveram ausentes e outros se abstiveram de votar. Todos os casos contribuiram para o resultado favorável ao parlamentar preso -Foto: divulgação

Dos 39 baianos que compõem a bancada do Estado na Câmara dos Deputados, quatro não compareceram á sessão de quarta-feira última, na qual foi votado o processo de cassação do parlamentar presidiário Natan Donadon, que já foi expulso do PMDB. E o pior; outros quatro baianos compareceram à sessão e se abstiveram do voto.

 

Na sessão, houve 233 votos a favor da cassação do mandato, 131 contra e 41 abstenções. Para cassação, eram necessários pelo menos 257 votos. A votação foi secreta. Dos 513 deputados da Câmara, 104 não votaram, apesar de 50 terem registrado presença na Câmara. Os baianos que registraram presença no painel e não votaram: Cláudio Cajado, do DEM, e Sérgio Brito, José Carlos Araújo e Edson Pimenta, todos do PSD (nesta ordem a partir da esquerda no quadro de cima da imagem). Os ausentes foram Alice Portugal (PCdoB), Fernando Torres (PSD) e os petistas Josias Gomes e Luiz Alberto (nesta ordem da esquerda para direita no quadro acima).

Para ser cassado, Natan Donadon, que está preso há dois meses no presídio da Papuda, em Brasília, eram necessários mais 24 votos. Em sendo assim, os oito baianos tiveram papel importante num dos mais tristes episódios protagonizados pelo Congresso em sua história, o de manter o mandato de um presidiário condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a mais de 13 anos de prisão em regime fechado. Vale lembrar ainda que a sentença já é transitada em julgado. Ou seja, sem possibilidade de recurso.

Por: Bahia247



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário