ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Clínica Mais Vida informa que estará de recesso entre 22 e 25 de junho

Homens são 98% dos presos por aborto no Brasil, diz Justiça

'Rei da Seresta' é preso após show no interior da Bahia

Brumado: Paulo Henrique é encontrado morto às margens de linha férrea no bairro Dr. Juracy

Justiça mantém multa de R$ 8,6 mi a Oi por propaganda enganosa em emissora de TV

Prefeita do município de Maetinga é alvo de duas CPIs

Vídeo em que advogada aparece chorando junto aos filhos por ter passado no concurso viraliza

Salário médio dos baianos era sexto menor do Brasil em 2022, aponta IBGE

Mulher é presa ao tentar vender filhos na Bahia; uma das crianças tinha 32 dias

OMS alerta sobre lote falsificado de Ozempic encontrado no Brasil

Inverno na Bahia: Cidades baianas devem ter frio de 10ºC

Super ofertas do mês de junho da Central das Carnes; confiram


Soy loco por tri, América! Grêmio vence Lanús de novo e é campeão da Libertadores

Foto: Reprodução

Pela terceira vez, a América do Sul é preto, azul e branca. Depois de 22 anos, o Grêmio volta ao topo do continente, e de forma incontestável. Segura, sofrendo poucos riscos e com golaços, a equipe tricolor confirmou o título da Libertadores ao bater o Lanús por 2 a 1 no Estádio Ciudad de Lanús - Néstor Díaz Pérez, nesta quarta-feira (29). No confronto de ida da final, os brasileiros já tinham triunfado por 1 a 0 em Porto Alegre. Fernandinho e Luan marcaram ainda no primeiro tempo para os visitantes. Sand, de pênalti, descontou na etapa final, mas nada que ameaçasse a vitória e o título do adversário. Com a conquista, o Grêmio iguala-se a São Paulo (1992, 1993 e 2005) e Santos (1962, 1963 e 2011) como time brasileiro com mais títulos da Libertadores. Somente quatro clubes possuem mais taças: Independiente (7), Boca Juniors (6), Peñarol (5) e Estudiantes (4). Os gaúchos tinham ficado no lugar mais alto do continente em 1983 e 1995. A última vez que um brasileiro havia levantado o troféu do principal torneio de clubes da América do Sul tinha sido em 2013, quando o Atlético-MG superou o Olímpia na decisão. Além disso, o título faz de Renato Gaúcho o primeiro brasileiro a erguer o troféu da competição na condição de jogador e técnico. Já o Lanús, fundado em 1915, é frustrado em sua primeira final de Libertadores na história.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário