ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Vereadora Verimar do Sindicato, em audiência com o secretário da SERIN, discute proposta para asfalto que liga Brumado ao Distrito de Terra Vermelha

Brasil: 75% das famílias têm dívidas, aponta Mapa do endividamento

Ministério da Saúde oferece mais de 21 mil vagas para Médicos pelo Brasil

Judiciário da Bahia inaugura varas em duas cidades baianas

Novas regras da Tarifa Social devem beneficiar mais de 11 milhões de pessoas

Polícia extermina plantação com mais de 18 mil pés de maconha em Curaçá

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Brumado: Divulgado o calendário de funcionamento do comércio no mês de dezembro

Mês de novembro apresentou menor número de mortes violentas na Bahia

Região Nordeste concentra quase metade das pessoas em situação de miséria, aponta IBGE

Nordeste: Comitê Científico do Consórcio recomenda cancelamento de Réveillon e Carnaval

Brumado: Após passar pela Secretaria Municipal de Esportes, Paulo Sérgio volta a presidência da LBF

Agência é explodida em Iguaí, Sudoeste do Estado

Bahia recebe 150 mil doses de vacina BCG após municípios enfrentarem desabastecimento


Brumado: SindMineradores avaliou positivamente o movimento em adesão à Greve Geral

O manifesto em adesão à greve geral organizado pelo Sindmine foi avaliado positivamente pela organização (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

Com uma biografia das mais representativas na área sindical da região sudoeste, o Sindimine – Sindicato dos Mineradores de Brumado e microrregião, vem tendo uma atuação muito significativa na defesa dos trabalhadores que atuam no ramo da mineração. Dentro deste escopo, o Sindimine novamente mostrou sua representatividade e dinamismo nesta sexta-feira (28) em uma grande manifestação de adesão ao movimento da greve geral que teve caráter nacional. Mesmo diante das ações contrárias das empresas mineradoras, em especial da Magnesita, que enviou comunicados avaliados como ameaçadores aos trabalhadores para não aderirem à greve, inclusive com o envio de vãs na madrugada para pegar os funcionários na residência e pedido reforço policial para que os mesmos pudessem chegar à empresa, o movimento liderado pelo Sindmine foi avaliado de forma positiva pelo presidente Édio Pereira. Em contato com o 97NEWS, ele explicou que “mesmo diante das ações contrárias, nós conseguimos reunir cerca de 50% dos empregados da Magnesita em nosso protesto que foi realizado na Av. Centenário que se iniciou às 06h e foi até às 09h”. Ele ainda frisou que “a história da nossa luta em favor dos mineradores é inquestionável e, mesmo sabendo que alguns tentam minimizar o nosso trabalho, estamos com a cabeça erguida e com o sentimento do dever cumprido. Hoje foi mais uma prova disso, pois, mesmo diante de tantas adversidades conseguimos reunir 50% dos mineradores num ato de protesto muito robusto que atingiu plenamente os nossos objetivos em conscientizar os trabalhadores sobre os prejuízos que serão promovidos por meio dessas reformas que estão sendo patrocinadas pelo governo de Michel Temer, que já comprovou que é defensor dos grandes monopólios e contra os trabalhadores, pois os seus projetos da Reforma Trabalhista e da Previdência comprovam isso, pois retiram de forma abrupta os direitos históricos conquistados pelos trabalhadores. Fizemos a nossa parte e avaliamos de forma muito positiva o nosso movimento”. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário