ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Livramento de Nossa Senhora: Polícia prende homem suspeito de iniciar focos de incêndio na Chapada Diamantina

Saúde do Coração - Clínica Mais Vida oferece exame de eletrocardiograma

Brumado: Enfermeira fala da importância da prevenção do câncer em trabalhadores e profissionais

Novembro Azul: Como anda a saúde dos homens? 97NEWS vais as ruas e ouve brumadenses

Prefeitura de Brumado lança campanha de descontos no REFIS 2019

Brumado: Motorista passa mal e capota veículo na Av. João Paulo I

Homem é preso suspeito de estuprar enteada de 14 anos em Contendas do Sincorá

Bolsonaro assina medida provisória que extingue o DPVAT a partir de 2020

Eleições 2020: Fabrício Abrantes visita comunidades na zona rural de Brumado

Brumado: Botijões de gás são flagrados sendo transportados irregularmente

PRF resgata aves silvestres transportadas irregularmente em bagageiro na BR-116 de ônibus

Conquista: Manifestantes lotam frente do Fórum da cidade e pedem justiça pela morte do estudante e motorista de aplicativo

Brumado: Superintendente de Trânsito desmente situação de 'bullying' na SMTT

Brumado: Moradores da Vila Presidente Vargas denunciam envenenamento de gatos

Brumado: Bandidos entram em residência e levam R$ 2 mil em joias no bairro Ginásio Industrial

Jovem morre em acidente de moto na zona rural de Aracatu

Carga com mais de 3 toneladas de maconha é apreendida pela PRF na BR-116

Brumado: Após tentar disparar contra PM, suspeito acaba sendo alvejado próximo à Prefeitura

Incêndio florestal em Rio de Contas é controlado por bombeiros

Novembro Azul: Pax Nacional apoia esta ideia


Três em cada dez casas do País não têm água encanada, esgoto e coleta de lixo

Três em cada dez casas brasileiras não têm ao menos um dos três pilares do saneamento básico: água encanada, esgoto ou coleta de lixo. A taxa, que consta do estudo Síntese de Indicadores Sociais, divulgado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta sexta-feira (29), considera apenas as construções de áreas urbanas, excluindo residências rurais. Apesar do índice alto, o instituto destaca que a proporção de casas sem acesso completo à rede de saneamento vem diminuindo no País. Segundo o estudo, a taxa subiu de 63% para 70,3% em dez anos. O IBGE aponta que, quando se fala em água, esgoto e coleta de lixo, há grande desigualdade entre famílias ricas e pobres. “Em 2002, para a classe de rendimento de até meio salário mínimo médio mensal per capita domiciliar, apenas 38,4% declararam ter acesso ao saneamento adequado, chegando a 82,0% para a faixa acima de dois salários mínimos per capita”, diz o texto. “Em 2012, essas proporções foram de 51,7% e 83,6%, respectivamente.”“Vale incluir a iluminação elétrica na análise de acesso simultâneo a serviços ao domicílio”, afirma o estudo. “Dos 29,7% dos domicílios que não tinham acesso aos quatro componentes (abastecimento de água, esgotamento sanitário, coleta de lixo e iluminação elétrica), em 2012, 93,5% acusaram ausência de esgotamento sanitário.”

A pesquisa do IBGE leva em consideração, principalmente, os dados da Pnad 2012 (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios). O levantamento se apoia em dados sobre a população brasileira, desigualdades raciais e de gênero, arranjos familiares, domicílios, educação, saúde, trabalho e rendimento e compara informações de 2002 e 2012. O objetivo é conhecer a realidade brasileira, sobretudo para avaliar a qualidade de vida do brasileiro.  



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário