ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Crise financeira faz população diminuir gastos com entretenimento na Região Sudoeste

Brumado: UNEB disponibiliza curso preparatório para Vestibular e ENEM

Parlamentares do DF devem R$ 2,46 milhões em impostos à União

Dermatologista Drª Patrícia Marques atende no CEMAR

Agnaldo Timóteo é internado em Barreiras após mal-estar

Decreto de Bolsonaro que regulamenta uso e porte de armas no país libera compra de fuzil por qualquer cidadão

Brumado: População cobra carro-fumacê após infestação de mosquitos

Forró do Sítio Novo 2019: Garanta já seu ingresso, dia 25 de maio tem virada de preço

Mãe relata drama vivido pela filha com doença rara em Brumado; tratamento completo custa R$ 16 mil

Município de Brumado é escolhido para sediar 2º Encontro do Comitê do Rio das Contas para discutir recursos hídricos

Brumado: Associação dos Pequenos e Mini Produtores e Distribuidores de Leite seleciona currículos para contratação de Agente Comunitário Rural

Brumado: SMTT promove capacitação de motoristas do transporte escolar

Brumado: Prefeitura diz que Embasa se nega a ligar sistema de abastecimento de Arrecifinho e Espinheiro após conclusão da obra

Brumado: Empresária aparece como possível candidata ao executivo municipal na disputa de 2020

Otorrinolaringologista na Clínica Master

Disputa sobre acesso a dados sigilosos de alunos pesou na demissão do presidente do Inep

Jovem é preso e um menor apreendido por tráfico de drogas no bairro Novo Brumado

Homem é baleado dentro de bar na Vila Presidente Vargas e tenta ir dirigindo até hospital em Brumado

Brumado: Estudante de Direito de 22 anos cai de prédio não resiste aos ferimentos e morre


Brumado: Servidor público é exonerado por gravar áudio criticando atual gestão e sair em foto de rival do prefeito

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O servidor público Robson Wilson, o "Galego", foi exonerado do cargo no dia 25 de fevereiro após gravar áudios criticando alguns vereadores e a atual gestão do prefeito Eduardo Vasconcelos (PSB), por não terem apoiado o Campeonato do bairro São Felix, realizado no último mês. O pedido reforçado de exoneração do funcionário veio do auto escalão do paço municipal, após uma foto do atual opositor do prefeito, o então ex-prefeito, Geraldo Azevedo vazar na internet. No registro, é possível ver "Galego" ao fundo sem esboçar nenhuma pose, o que comprova que o funcionário não fazia parte daquele momento, considerado pelo grupo do prefeito, como apoio ao opositor. Em entrevista ao 97NEWS, Galego falou da exoneração e afirmou, em nenhum momento ele pediu para ser efetivado no quadro da Secretaria de Educação, Esporte e Cultura. "Após o Campeonato Brumadense de 2018, me chamaram para trabalhar na prefeitura, fizeram uma reunião, e eu não aceitei o pedido. Mas após a insistência deles eu aceitei, mas sem nenhum cunho político", relatou Robson. 

A foto da discórdia - Foto: Reprodução l Redes Sociais

Reafirmando o seu pensamento no quadro político atual, Galego destacou que não mentiu ao gravar o áudio e disparar nas redes sociais. "Eu não menti, os vereadores só aparecem no bairro de quatro em quatro anos. Eu falei a verdade", afirmou. Ao ser questionado sobre a participação do ex-prefeito, Geraldo Azevedo no evento como cunho político, Galego ponderou e disse, "eu não o convidei para o evento, mas como ele tem o direito de ir e vir, nós da organização não poderíamos proibir ele de assistir o Campeonato", ressaltou e completou dizendo que o ex-prefeito foi convidado a entregar o troféu por um patrocinador. "Ele participou só na entrega do troféu, ai tiraram aquela foto. Mas para mim não é comprometedora. Não considero um ato político", disse ao 97NEWS, o servidor exonerado. Ainda segundo Galego, nenhum político fez o uso da oratório no microfone, uma decisão tomada por eles antes da final do Campeonato. "A nossa comissão resolveu que, como nenhum vereador ou prefeito apoiou o Campeonato, não abriríamos espaço para nenhum deles. E assim foi feito", finalizou Galego. A prefeitura ainda não se manifestou sobre o afastamento do servidor público que trabalhava no Estádio Gilberto Cardoso.



Comentários

  • Genilson Pereira

    "Quero aqui deixar a minha indignação pelo ato feito pelo "alto escalão" como mencionaram na matéria. Em um determinado trecho da matéria o senhor Robson Wilson disse: em nenhum momento ele pediu para ser efetivado no quadro da Secretaria de Educação, Esporte e Cultura. Me chamaram para trabalhar na prefeitura, fizeram uma reunião, e eu não aceitei o pedido. Mas após (a insistência deles) eu aceitei, mas sem (nenhum cunho político). Na minha opinião isso não passou de uma falta de respeito, porque o mesmo disse: Mas “ após a insistência deles eu aceitei ”, mas sem nenhum cunho político. Entenderam ou precisa que eu faça um desenho explicando que o senhor Robson Wilson disse: aceitou sem NENHUM CUNHO POLÍTICO? E como vai ficar a situação prefeito? Para um gestor que não ouve as sugestões, não busca saber as necessidades locais da população, do que vai adiantar comandar uma cidade com tantas situações difíceis como Brumado? Não esqueça do lema prefeito, que pelo visto você não utiliza: Educar para libertar. "

Deixe seu comentário