ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Crescem as reclamações de perturbação da ordem; estabelecimentos da área de entretenimento são os alvos

Brumado: Prefeitura tomará posse da área invadida por movimento; terreno será murado para evitar novas invasões

Justiça Eleitoral pede retirada de outdoor em apoio a Bolsonaro em Brumado

Vereador Lek apresenta novas indicações buscando melhorias para bairros periféricos de Brumado

Equívoco cometido por GCM, faz com que a Central de Marcação volte ao cenário das reclamações

Dia do Rotariano: Vereadora Lia Teixeira parabeniza os membros da organização

Brumado Profissionalizar: A sua chance de mudar a sua vida

Divulgado aviso de Licitação para concessão de empresa para gerenciar “Zona Azul” em Brumado

Começa pagamento do Pis/Pasep; Veja se tem direito a até R$ 954

Brumado: Cursos de Engenharia de Minas e Civil deverão ser implantados pelo IFBA

Brumado: Empresário do ramo alimentício, ‘Alex do Pirão’, indignado com a Embasa

Brumado: Investigadores da Polícia Civil recapturam foragido da justiça

Nesta sexta-feira (23) tem mais uma edição da Feirinha Comunitária do Bairro Baraúnas

Deu Bahêa: Com direito a nova dancinha de Vinícius, Bahia vence o Náutico na Fonte Nova

Procurador pede exclusão e rebaixamento do Vitória no Baianão

Barra do Choça ganhará uma nova rádio 100% internet a partir desta sexta-feira (23)

Luta pela vida: Jovem de Malhada precisa de doadores de sangue em Vitória da Conquista

Grupo Direita Brumado: Outdoor homenageia a ideologia defendida pelo deputado Jair Bolsonaro

Entulho deixado por empreiteira na Rua Nazaré vira objeto de revolta dos moradores

Chegou visita em casa, então a dica é os deliciosos pães de queijo da Padaria Divina



BUSCA PELA CATEGORIA "Política"

Cândido Sales: Vereador é preso por receptação de Corolla roubado

(Fotos: Reprodução)

Um vereador de Cândido Sales, na região de Vitória da Conquista, foi preso em flagrante pelo crime de receptação de carro roubado. O edil José Soares de Oliveira, que também já foi presidente da Câmara local, chegou a ir para a delegacia, mas foi liberado depois de pagar a fiança de cinco salários mínimos (R$ 3.940 mil), pela penalidade. O flagrante foi realizado pelo delegado titular da cidade, Relder Andrade, em companhias de agentes da Polícia Civil de Cândido Sales. Ainda de acordo com informações da Polícia, o veículo (um Corolla, de ano 2011) tinha sido locado inicialmente em Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo, em janeiro. Antes de chegar até o vereador, o carro irregular passou pela mão de duas pessoas. 



Criada por Cunha, CPI do BNDES mira em Lula

(Imagem ilustrativa:Composição Brumado Urgente)

Os primeiros requerimentos apresentados na CPI do BNDES da Câmara apontam que o foco da comissão deverá ser as atividades do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A comissão foi instalada na quinta-feira após o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), anunciar rompimento com o governo da presidente Dilma Rousseff. Ele é investigado pela força-tarefa da Operação Lava Jato. Lula é alvo de três pedidos de convocação para prestar depoimento na comissão, instalada na quinta-feira. Apresentados pelos deputados Raul Jungmann (PPS-PE), Cristiane Brasil (PTB-RS) e Carlos Melles (DEM-MG), os pedidos partem da suspeita de que o ex-presidente, por meio do Instituto Lula, atuou no exterior como lobista de grandes empresas beneficiárias de empréstimos do BNDES. Lula é alvo de procedimento investigatório criminal da Procuradoria da República no Distrito Federal, que investiga se houve tráfico de influência internacional de Lula em favor da construtora Odebrecht no exterior. Ao negar a acusação, o Instituto Lula afirma que o petista jamais atuou como lobista, nunca foi de conselho ou diretor de empresa nem contratado para consultorias. Segundo a entidade, o que o ex-presidente fez foi defender interesses de várias empresas e do próprio País no exterior, além de ter dado palestras. Jungmann também apresentou requerimentos para convocar o filho de Lula, Fábio Luiz, e quebrar seus sigilos fiscal, bancário e telefônico. O deputado alega que a empresa de Fábio, a Gamecoorp, foi beneficiada em negócio suspeito com a Oi-Telemar, empresa com participação acionário do BNDES. Foram protocolados ainda pedidos de convocação dos ex-ministros da gestão Lula, como Antonio Palocci (Fazenda), Guido Mantega (Economia) e Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior), além de Paulo Okamotto, presidente do Instituto Lula. 



Ex-ministro é investigado por esquema de R$ 25 milhões

Analistas projetam um novo chororô de Negromonte (Foto: Reprodução)

O ex-ministro das Cidades Mário Negromonte, investigado na Operação Lava Jato, é suspeito de ter operado um esquema que renderia vantagens econômicas de R$ 25 milhões a serem repartidos entre partidos políticos. A investigação corre no Superior Tribunal de Justiça (STJ) desde maio. Negromonte, que atualmente é ministro do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia, é suspeito de conduzir tratativas enquanto ministro para implementar no País um sistema nacional de rastreamento de veículos pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). As suspeitas partiram após delação do doleiro Alberto Youssef, que relatou que ocorreram ao menos três reuniões para tratar do assunto. De acordo com o doleiro, os valores seriam repartidos entre PP e PT, “eis que no Ministério havia representantes dos dois partidos”.



Deputado Daniel Almeida é um dos campeões no uso de combustível durante 2015

(Foto: Reprodução)

Os 39 deputados federais da Bahia gastaram nada menos que R$ 624 mil dos cofres públicos com combustíveis e lubrificantes nos seis primeiros meses do ano, aponta balanço feito pela Satélite junto ao Portal de Transparência da Câmara. Considerando o preço unitário da gasolina a R$ 3,25, o montante equivale a 192 mil litros. Quantidade suficiente para abastecer 3.840 tanques de 50 litros. Em média, cada integrante da bancada do estado destinou para o abastecimento de veículos, de janeiro a junho, cerca de R$ 16 mil da cota mensal repassada pelo Legislativo aos parlamentares. Individualmente, Paulo Magalhães (PSD) lidera o ranking, com R$ 28.193, R$ 4,6 mil por mês. Em segundo e terceiro lugares vêm Félix Mendonça Júnior (PDT) e Daniel Almeida (PCdoB), que informaram gastos de R$ 27.180 e R$ 26.429, respectivamente. Na ponta inversa, a dos mais econômicos em matéria de combustível, a liderança pertence a Cacá Leão (PP), com R$ 2.567,08, seguido por Irmão Lázaro (PSC) e Bebeto Galvão (PSB), ambos na faixa de R$ 3,9 mil.



Se a moda pega: Vereadora pede R$ 1 milhão de indenização por calúnia e difamação

(Foto: Reprodução)

A vereadora de Feira de Santana, Cíntia Machado (PSC), está processando na Justiça a também vereadora Eremita Mota (PDT). A defesa de Cíntia deu entrada em uma ação de calúnia, difamação e injúria, no dia 17 de julho, no Fórum de Feira, na 2ª Vara de Sistemas dos Juizados, através da juíza Jaqueline Moreira Kruschewsky. Segundo o site local Acorda Cidade, a queixa crime contra a vereadora Eremita relata o caso que ocorreu no dia 20 de abril deste ano, quando, em sessão na Câmara Municipal, a vereadora afirma que a colega, Cíntia Machado, forjava viagens para congressos e acumulava diversas faltas nas sessões ordinárias. Na ocasião, Eremita disse que Cíntia não exerce a função de corregedora da Câmara com responsabilidade e que, no período da Micareta, ela teria faltado dois dias. Eremita disse que iria observar a frequência de Cíntia nas sessões, pois o problema era recorrente. Em resposta, a vereadora Cintia disse que iria entrar com representação na Corregedoria da Câmara e na Justiça, para que Eremita Mota prove que ela forja os atestados para fazer viagens. "Vou representar contra Eremita na Corregedoria. Também vou entrar com uma ação na Justiça por danos morais, porque ela está denegrindo a minha imagem", afirmou. A vereadora Cíntia Machado pede indenização de R$ 1 milhão e afirma que se a juíza acatar e houver uma indenização, o valor será doado para algumas entidades de Feira de Santana. 



Grupo de ciganos agride prefeito do PT

(Foto: Reprodução)

Um grupo de ciganos invadiu nesta terça-feira, dia 14, a sede da prefeitura da cidade de Conceição de Almeida, no interior da Bahia. Segundo informações de populares, o grupo teria agredido o prefeito Armando Neves (PT) durante a invasão. O delegado Nei Brito, titular da delegacia de Polícia Civil de Conceição de Almeida, conduziu cinco invasores para serem ouvidos no Complexo Policial da cidade, onde permanecem à disposição da Justiça. De acordo com testemunhas, uma alta dívida contraída pelo prefeito petista teria motivado os ciganos que trabalham com agiotagem a realizarem a invasão. A polícia civil está investigado o caso. (Informações do Portal de Notícias)



Morre aos 88 anos o ex-deputado estadual Luiz Leal

Qui, 09/07/2015 às 13:45 Morre aos 88 anos o ex-deputado estadual Luiz Leal Da Redação Tags: Luiz Leal Morte Deputado Vereador Velório Política Recomendar COMENTÁRIOS (0) -AA+ ReproduçãoAlém de méd

Morreu nesta quinta-feira, 9, aos 88 anos, o médico, ex-vereador e ex-deputado estadual Luiz Leal, um dos principais militantes na luta pela redemocratização do país. Ele estava internado no Hospital Sagrada Família, em Monte Serrat. O corpo do político foi velado na Câmara Municipal de Salvador. O sepultamento acontece nesta sexta, 10, às 11h30, no cemitério Jardim da Saudade, em Brotas, onde também foi sepultado o seu filho, o advogado e pesquisador Luiz Leal Filho, em março deste ano.  Além das atividades na área de saúde, Luiz da Costa Leal foi servidor público e exerceu uma série de cargos na política baiana. Cumpriu o mandato de vereador pelo Partido Social Democrático (PSD) entre 1963 e 1966 e de deputado estadual constituinte pelo Movimento Democrático Brasileiro, atual PMDB, entre 1987 e 1991. Durante o Regime Militar, foi cassado pelo AI-5 em 1969 e anistiado 10 anos depois. Em março de 2014, participou de uma sessão especial na Assembleia Legislativa da Bahia, onde teve seu mandato devolvido simbolicamente. 



Após intensa luta contra o câncer, Vereador do município de Arataca vem a falecer

(Foto: Políticos do Sul da Bahia)

Morreu nesta terça-feira (07) o vereador de Arataca, Valmir de Duzinho (PRP), de 55 anos. O mesmo vinha enfrentando há algum tempo um luta contra um câncer. Valmir já estava no quarto mandato e era considerado um vereador polêmico. Em 2010, após uma sessão na câmara ele se envolveu em uma confusão com o então prefeito Agenor (PMDB). Na ocasião o edil foi detido pela Polícia e acusado de deflagrar um tiro em direção ao alcaide. Com a morte, quem assume a vaga na câmara é o suplente Pixita (PP). 



Empreiteiro revela conta secreta na Suíça que abasteceu campanha de Lula em 2006

(Foto: Reprodução)

Uma conta secreta foi aberta na Suíça para empreiteiros pagarem propinas. Dela teriam saído os R$ 2,4 milhões que reforçaram o caixa da campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2006, um dinheiro desviado dos cofres da Petrobras que chegou ao Brasil em uma operação financeira clandestina e ilegal, segundo documento obtido pela revista Veja que chegou às bancas este final de semana e de acordo com delações de Ricardo Pessoa, dono da construtora UTC. Segundo as delações de Pessoa, um consórcio formado pela UTC, Iesa, Queiroz Galvão e a Camargo Corrêa, que venceu a licitação para construção de três plataformas de petróleo da Petrobras, tinha como uma das regras repassar um percentual do contrato, obrigatoriamente, para suborno. A conta teria sido criada para o "pagamento de comissionamentos devidos a agentes públicos em razão das obras da Petrobras, ou seja, pagamento de propina", disse Pessoa. Para comprovar a existência da conta secreta, o empreiteiro apresentou ao Ministério Público extratos com as movimentações em uma planilha apelidade de "Controle RJ 53 - USquot; envolvendo US$ 5 milhões em pagamentos de propina. Dessa conta, saiu o dinheiro que ajudou a reeleger Lula, além de pagamentos aos operadores do PT na Petrobras. Em suas delações, Pessoa cita que houve pagamentos ao ex-gerente de Serviços da Petrobras Pedro Barusco, um dos responsáveis pela coleta das propinas destindas ao PT, e repasses para Lula acertados entre o próprio Ricardo Pessoa e o então tesoureiro do PT, José de Fillipi.



Rompeu: PCdoB já se declara adversário do PT de Vitória da Conquista

(Foto: Divulgação)

O Diretório do PCdoB em Vitória da Conquista, comunicou oficialmente a posição tomada na reunião do final da tarde desta sexta-feira (3).Por unanimidade, ficou determinado que os cargos e coordenações que o partido ocupa na Prefeitura de Vitória da Conquista, serão entregues através de carta ao prefeito. O que se comentava nos bastidores é que os secretários Élvio Nunes Dourado (Serviços Públicos), Miguel Felício (Desenvolvimento Social) e Hudson Castro (Assessoria Especial do Gabinete) que eram figuras decorativas – sem nenhum poder de decisão no governo. A Câmara de Vereadores na próxima semana terá um novo cenário  com mais três vereadores na bancada de oposição;  Andreson Ribeiro, Nelson de Vivi e Joaquim Libarino se juntarão a Bibia (PSDB), Álvaro Pithon (DEM), Hermínio Oliveira (SD), Arlindo Rebouças (PROS), Pastor Sidney (PRB). São simpáticos a oposição os vereadores Juvêncio da Saúde (PV) e Cícero Custódio. A bancada da oposição poderá em futuro breve possuir 10 vereadores na Casa. Informações do Resenha Geral 



Rui Costa inaugura ampliação de conjunto penal em Paulo Afonso e esquece o presídio de Conquista

(Foto: Reprodução)

No último dia 29 de julho o governador Rui Costa inaugurou a ampliação, em 228 vagas, do Conjunto Penal de Paulo Afonso, num investimento total de R$ 9 milhões. Agora, a conjunto penal passou de 210 para 438 lugares. Prometido pelo governo do Estado para ser inaugurado em junho de 2015, com um atraso nas obras de cinco anos, o novo presídio de Vitória da Conquista ainda é uma incógnita. A obra, que foi iniciada apenas em 2009, tinha orçamento inicial de R$ 16.384.940,81, passou para R$ 17.326.604 e ao final a verba gasta foi de R$ 33.584.330, quase o dobro do valor inicial. Serão 529 vagas para homens e 217 para mulheres. Em março, o governo do estado, comandado por Rui Costa, afirmava que faltava a Embasa concluir os serviços de água e esgoto, e a Coelba [concessionária de energia], de luz, além da realização de licitação para a escolha da empresa para administrar o local. Presídio Nilton Gonçalves – Atualmente 312 presos ocupam a carceragem do Presídio Nilton Gonçalves, todavia o o espaço deveria ser destinado para pouco mais do que 180 detentos.



Carros de som podem ser proibidos nas próximas eleições

(Foto: Reprodução)

Um mecanismo que costuma ser utilizado por políticos e que tira o sossego da população, principalmente de cidades do interior nos três meses que antecedem as eleições, pode estar com os dias contados. A Comissão Temporária de Reforma Política no Senado estuda proibir o uso de carros de som durante o período eleitoral. A proposta está dentro das sugestões para reduzir os custos das campanhas eleitorais. Assim, entre outros pontos, o texto limita em 20% os gastos com o pessoal de campanha e proíbe o uso do equipamento sonoro. O colegiado se reúne na próxima terça-feira (7) para discutir as propostas da reforma do sistema eleitoral brasileiro. A primeira proposta é a que prevê novas eleições se o eleito em cargo majoritário, prefeito, governador, senador e presidente, for cassado ou perder o mandato por qualquer outro motivo. A segunda proposta visa disciplinar o acesso dos partidos aos programas de rádio e televisão. A proposta que pode ser analisada na comissão acaba com o mesmo tempo para todas as legendas. A ideia é que esse tempo seja proporcional ao tamanho das bancadas dos partidos na Câmara. Segundo o texto, as agremiações que elegerem de um a quatro deputados terão direito a dois minutos de programa e quatro minutos de inserções. Já os que elegerem mais de dez deputados terão dez minutos de programa e 20 minutos para as inserções.O terceiro item da pauta é uma proposta que também trata da propaganda no rádio e na TV, mas traz ainda regras para o acesso aos recursos do fundo partidário. Esse fundo é formado basicamente com recursos da União e, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para este ano estão reservados R$ 811 milhões. O texto a ser examinado na comissão diz que somente terão direito a essa verba os partidos com diretórios permanentes em mais da metade dos municípios. A mesma norma valeria para o tempo em rádio e TV. De acordo com o presidente da comissão, senador Jorge Viana (PT-AC), a reforma que sairá do Senado vai ser bastante arrojada.



Cada vez mais baixa: Governo Dilma tem aprovação de 9%, diz pesquisa Ibope

(Foto: Reprodução)

Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (1º) aponta os seguintes percentuais sobre como os eleitores avaliam o governo da presidente Dilma Rousseff (PT):
 

- Ótimo/bom: 9%
- Regular: 21%
- Ruim/péssimo: 68%
- Não sabe: 1%
 

O levantamento do Ibope, encomendado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), foi realizado entre os dias 18 e 21 de junho e ouviu 2.002 pessoas em 141 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança da pesquisa é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. Segundo a CNI, o levantamento anterior, divulgado em abril deste ano, havia apontado que 12% aprovavam o governo (consideravam "ótimo" ou "bom"). Na última pesquisa, 64% dos entrevistados avaliaram a administração Dilma como "ruim" ou "péssima". Já 23% consideraram a gestão "regular".



Câmara rejeita redução da maioridade penal para 16 anos por apenas 5 votos

(Foto: Folha de SP)

Depois de um dia tumultuado, com protestos dentro e fora do Congresso Nacional, a Câmara dos Deputados rejeitou, na madrugada de hoje, texto substitutivo da PEC 171, que reduziria a maioridade penal de 18 para 16 anos para alguns crimes, sobretudo hediondos. Foram 303 votos a favor. Como se tratava de uma Proposta de Emenda à Constituição, eram necessários 308. Um total de 184 deputados foram contrários e 3 se abstiveram. Principal defensor da redução, o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), ficou em silêncio ao ver o resultado. "A gente sabia que ia ser uma luta. Eu fico feliz de a gente ter conseguido levar a votação. Apesar de todos os contratempos, foi uma sessão histórica", disse após a votação. Dezessete peemedebistas votaram contra a orientação do partido. O texto discutido na Câmara reduziria de 18 para 16 anos a maioridade penal para crimes hediondos, homicídio doloso, tráfico de drogas, lesão corporal grave ou seguida de morte e roubo com causa de aumento de pena, como o uso de arma. O governo manobrou contra a proposta durante todo o dia. O governo Dilma Rousseff defende que se mexa no prazo máximo de internação de menores que cometem crimes hediondos, passando do limite de 3 para 8 anos. Proposta nesse sentido, do senador José Serra (PSDB-SP), começou a ser discutida ontem no Senado, mas teve o debate adiado.



Romar fala da ‘CPI das Telhas’ e das denúncias da má qualidade da comida servida no Hospital

O vereador Romar quer que a qualidade da alimentação servida no Hospital de Brumado retorne (Foto: Schyneider / 97NEWS)

O vereador Romar Pereira (SDD) voltou a movimentar a cena política brumadense na noite desta segunda-feira, dia 29, durante a sessão do Legislativo, onde, em alto e bom som afirmou “a qualidade da alimentação servida no Hospital de Brumado está péssima e eu atestei isso com pacientes e com os próprios funcionários”. Ele que não tem medo de falar, quando o assunto é denúncia, ainda argumentou que “até a comida dos acompanhantes foi cortada, então, uma coisa dessa não pode ser tolerada. Esperamos que o secretário Claudio Feres tome as devidas providências para que tudo seja normalizado, pois consideramos um ato de desrespeito”. Questionado de quais foram os motivos que a “CPI das Telhas” não foi avante o parlamentar respondeu que “de forma nenhuma, a comissão continua trabalhando e já foram até demitidos funcionários” e subiu o tom de voz ao afirmar que “eu me dou por satisfeito se o diretor do setor for afastado, porque os indícios são graves e isso não pode acontecer com a coisa pública”. 



Vereador Catoze nega possível debandada no PT de Brumado

O vereador Catoze negou com firmeza uma possível saída dele e de seu grupo do PT (Foto: Schyneider / 97NEWS)

Contrariando as conversas de bastidores, as quais tinham sido objeto de matéria do 97NEWS e apontavam para uma possível debandada de quadros do PT de Brumado, o vereador Catoze falou com o repórter Carlos Silva na noite dessa segunda-feira, dia 29, durante a realização da sessão do Legislativo de Brumado. A matéria foi o assunto principal das conversas paralelas, então, diante dessa grande repercussão, o vereador Catoze que tinha sido apontado como o principal divulgador do possível acontecimento foi taxativo ao informar que “nunca houve essa conversa e nunca o nosso grupo falou em uma possível saída do PT”. Ele ainda disse que “estamos muito bem no PT e vamos para a disputa das próximas eleições nesse partido que vem transformando o Brasil”. A “ducha de água fria” nas especulações colocada pelo próprio Catoze porém ainda não esfriou totalmente as possibilidades de mudanças dentro do PT brumadense, já que, após as mudanças feitas pela reforma política, as fusões partidárias ficarão acertadas, então, a estrada estará aberta para os partidos se unirem e buscarem os seus objetivos em 2016. 



Disparou:'Petistas são peemedebistas dependentes', diz Geddel

(Foto: Reprodução)

Secretário nacional do PMDB, partido que preside na Bahia, o ex-ministro e ex-deputado Geddel Vieira Lima tem lutado dentro de sua sigla para que ela deixe o governo de Dilma Rousseff e rompa a aliança com o PT. Considera essa vinculação nociva para o futuro peemedebista e acredita que há uma tendência crescente no partido para o rompimento. Amigo do vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), ele o acha qualificado para assumir o Palácio do Planalto no caso de um eventual impedimento da presidente Dilma Rousseff (PT). Contudo, Geddel ressalta que trabalhar no sentido de assumir a Presidência seria um golpe contra a Constituição. O PMDB pode, perfeitamente, se afastar do PT. Não se afasta porque ainda prevalece uma vontade majoritária (cada vez menos majoritária) de que se deve dar sustentação desse governo participando de cargos. Eu já tenho uma posição diferente dessa há algum tempo e essa posição vai ficando majoritária. Quem não se afasta do PMDB é o PT, porque sabe que sem o PMDB, cai. Cai o governo. Portanto eles ficam nesses arroubos, a ala mais à esquerda, a ala mais isso e aquilo outro. Mas são peemedebistas dependentes. Vou continuar na minha luta para que o PMDB se afaste e volte a oferecer ao país um projeto próprio de desenvolvimento econômico e social, das mudanças que o Brasil precisa.Temos um congresso marcado para agosto, onde estará presente o PMDB do Brasil inteiro. Vai ser um grande momento para a manifestação das bases e as bases vão mostrar, a segmentos da cúpula partidária, que a posição de que eu, por exemplo, tenho defendido é cada vez mais presente. Chega. O PT já deu o que tinha que dar. Eles se corromperam no poder, viraram o partido da boquinha, que só pensa em cargos, e quem diz isso não sou eu - antes que venham com alguma reação irada -, quem diz isso é o líder maior deles, o presidente Lula, que coloca o PT no "volume morto", absolutamente dissociado da realidade contemporânea da sociedade. Tenho certeza que o PMDB vai sair do encontro com uma posição afirmativa em relação ao desgoverno que se transformou o período da presidente Dilma. Defendo que todos os condenados pela Justiça em caso de corrupção sejam expulsos do partido. Por enquanto o PMDB não está nesse padrão do PT, que tem suas lideranças atrás das grades.



Na Câmara: 'A presidente não merece mandioca, merece banana, um tchau'

(Montagem: 97NEWS)

Em discurso do deputado Nilson Leitão (PSDB-MT) inflamou o Plenário no início da madrugada, durante a votação do projeto que revê a política de desoneração da folha salarial, alterando benefícios concedidos a 56 setores. Houve tumulto e bate-boca entre o deputado e o líder do governo, José Guimarães (PT-CE). Nilson Leitão disse que “a presidente não merece mandioca, merece banana, um tchau”. “O que ela acha que é magnífico para o País, que é a mandioca, é o que ela está colocando nos brasileiros com esse projeto [PL 863/15, que reduz desonerações]. É uma irresponsabilidade sem tamanho”, disse Leitão. Leitão referiu-se ao pronunciamento feito na manhã desta quarta-feira pela presidente Dilma Rousseff em que ela fez uma saudação especial "à mandioca". O discurso foi feito durante a abertura dos Jogos Mundiais dos Povos Indígenas. O líder do governo, José Guimarães, reagiu na hora. “Não estou exigindo que concorde com o governo da presidenta Dilma Rousseff, mas que respeite a instituição, a mulher que é presidente do Brasil e não use essas palavras aqui no Plenário”, afirmou. Guimarães pediu que as palavras do deputado da oposição sejam retiradas dos arquivos da Casa. O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, aceitou o pedido e determinou a exclusão. A líder do PCdoB, deputada Jandira Feghali (RJ), saiu em defesa da presidente Dilma. “Dilma Rousseff foi eleita, quem não aceita isso, vá chorar, mas não venha desrespeitar a presidente eleita”, disse. O discurso de Nilson Leitão também não foi bem recebido pelo líder do PV, deputado Sarney Filho (MA). “Há momentos de falar e há momentos de se calar. Esse discurso foi desastroso, até no início, ao desqualificar a mandioca”, disse. Diante das críticas, Leitão afirmou que não quis ofender a presidente e que falou o que achou conveniente durante o debate do projeto. “Jamais ofenderia uma mulher. O meu respeito à presidente continua igual, mas o meu desrespeito ao governo dela também”, ponderou Leitão.



E aí Boechat!!!: A presidente Dilma quis mesmo se suicidar ou quis desviar o foco?

(Composição: 97NEWS)

Após a resposta impactante, “em alto e bom som”, do jornalista Ricardo Boechat a um desafio feito pelo pastor Silas Malafaia, onde ele mandou o reverendo “ir procurar uma r...”, começou uma avalanche de perguntas ao âncora do Jornal da Band, que desceu da cadeira e deu uma “sarrafada verbal” no líder religioso, que acabou aplaudido por milhões de brasileiros e odiado por outros tantos. Dentre tantas perguntas, a mais inquietante, certamente, se refere à presidente Dilma, que segundo especulações de setores da imprensa de Brasília estaria atravessando um momento de grave crise existencial, que teria levado ela a praticar uma tentativa de suicídio. Descartada pela própria presidente nesta segunda-feira, dia 22, que, inclusive ironizou as especulações midiáticas, algumas correntes afirmam que tudo não teria passado de uma grande armação orquestrada para desviar o foco do péssimo momento que atravessa o governo de Dilma, que hoje conta com uma rejeição popular elevadíssima, a qual só aponta tendência de alta. A crise no Palácio de Planalto é grave e real, mas, uma possível tentativa de suicídio da chefe de governo não seria algo do outro mundo, pelo menos no Brasil, pois caso fosse consumado, estaria se criando um mito muito superior ao de Getúlio Vargas, que também tirou a própria vida após uma crise governamental, onde ele dentro de seu quarto desferiu um tiro fatal em seu coração e acabou, depois dessa tragédia, sendo considerado o maior presidente do Brasil de todos os tempos. A tentativa de transformar a presidente, do dia para a noite, de vilão à heroína, poderia ser mesmo uma armação digna de mentes psicopáticas, já que o momento é dos piores dentro da esfera de governo, tanto que até Lula saiu disparando contra Dilma dizendo que ela mentiu e que não está agindo certo. Mas aí fica a dúvida que quem sabe o Boechat poderia desvendar, se realmente houve uma tentativa de suicídio ou se foi somente uma artimanha para se desviar o foco e vitimizar e enobrecer a presidente na busca de se reverter o quadro extremamente negativo que atravessa a gestão da presidente. Então diz aí Boechat!!!, os brumadenses e os brasileiros estão esperando. 



Reino da Alegria: Prefeitura gasta quase R$ 150 mil com pipoca e algodão doce

A prefeita Claudia Oliveira não perde a pose e já está sendo chamada de 'Rainha da Pipoca'

Vivendo tempos difíceis em seus cofres, a prefeitura de Porto Seguro, no sul da Bahia, vai gastar quase R$ 150 mil em locação de brinquedos infláveis, carro de pipoca e máquina de algodão doce. Os aparelhos lúdicos estão à disposição da Secretaria Municipal de Trabalho e Desenvolvimento Social e foram contratados da empresa GM Eventos Infláveis LTDA em licitação aprovada com o respaldo da prefeita Claudia Silva Oliveira (PSD) o valor de R$ 146.552,50. Essa não é a primeira vez que a gestão do município é flagrada em gastança com o dinheiro público.