ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Palmeiras vence Flamengo na prorrogação e conquista 3º título da Libertadores

Brumado: Calçamento cede e caminhão fica com a roda presa no buraco no bairro Baraúnas

Caetité: Município volta registrar morte por Covid-19; uma mulher de 78 anos

Não há casos da nova variante identificados no Brasil, diz ministério

Brumado: SESOC discuti criação o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher

'Brasil e o mundo não aguentam um novo lockdown', diz Presidente

27 de Novembro - Dia Nacional de Combate ao Câncer alerta para a prevenção da doença

Caculé: Família procura por advogado de 47 anos que está desaparecido

Suspeito de estuprar mulher após simular sessão espiritual é preso na Bahia

PMs são acusados de extorquir R$ 200 mil de família de ciganos

Criado em 1979, Tiro de Guerra de Brumado completa 42 anos

Brumado: Mais bancários, menos filas; Sindicato denuncia demissões nas agências bancárias do Sudoeste

Sem considerar pandemia, expectativa de vida do brasileiro sobe para 76,8 anos

Episódio #004 Tema Livre Podcast está imperdível com o radialista Kaká.

Sindicato dos bancários garante mais uma reintegração no Bradesco

Brumado: Blitz educativa da SMTT orienta condutores sobre o uso do cinto de segurança e 'jugular' no capacete

Colaboradores da Maxxnet doam sangue no Hemoba de Brumado

Brumado: Inadimplentes podem procurar agência dos Correios para o 'Feirão Limpa Nome'

Pai é preso por dever R$ 14 mil de pensão alimentícia na Bahia

Especialistas sugerem fiscalização extra nas urnas eletrônicas para combater fake news


Entenda por que uma cerveja varia de sabor a depender do lugar

(Foto: Reprodução)

Até ficar pronta para o consumo, existe um longo caminho entre a cerveja que você coloca no copo e a cevada que vem do campo. Na fábrica da Itaipava, em Alagoinhas, a 124 km de Salvador, a mistura do cereal com água reconhecida e abundante, lúpulo e fermento, passa também por alta tecnologia e profissionais com sentidos aguçados. O resultado é um produto competitivo para o mercado. Por que uma mesma marca de cerveja varia de gosto a depender do lugar? Qual a relação entre qualidade e puro malte (sem adição de adjuntos)? Estas e outras perguntas são possíveis no Beer Tour (Tour Cervejeiro), onde se aprende como a cerveja é preparada nas suas diversas fases. Iniciativa do Grupo Petrópolis (RJ), ele é aberto a qualquer pessoa com mais de 18 anos, e não necessariamente amante de cerveja, e precisa ser agendado.  Uma das seis unidades do Grupo Petrópolis, a cervejaria de Alagoinhas produz 450 milhões de litros por mês das marcas Itaipava e Crystal e, em breve, Lokal. O Tour Cervejeiro dura cerca de duas horas e termina com momento de degustação e parada na boutique de souvenirs. Para realizar a visita, algumas normas devem ser respeitadas: fotos apenas em locais permitidos; os sapatos são baixos e fechados; e nada de objetos ou roupas que possam escapulir do corpo ou das mãos. No tour realizado para jornalistas, foi o mestre cervejeiro Matheus Facca quem recepcionou o grupo e explicou tintim por tintim do ciclo de produção da bebida: ele começa na Sala de Brassagem, onde água, lúpulo (uma folha prensada e de sabor amargo) e malte (o grão de cevada germinado e depois secado) são moídos e fervidos dentro de tanques de alta temperatura. O fruto dessa mistura é o "mosto" cervejeiro (ou líquido açucarado). A segunda etapa do processo é a adição da levedura. Nesta fase, que dura dez dias, o mosto é transformado em cerveja, e o álcool surge naturalmente da fermentação. Mas falta ainda a maturação, tempo em que a cerveja fica "dormindo" para ser envasada a uma temperatura de zero grau. São cerca de 30 dias, período necessário para garantir o paladar e o aroma da cerveja. A fase final é chamada de filtração e condicionamento e garante brilho e transparência à bebida.  Aí chega aquele momento especial para quem gosta de automação, barulho e velocidade (muita velocidade): o tour é encerrado na área de envase, diante de metros e mais metros de tubulações cruzadas; máquinas que lavam e enchem garrafas retornáveis do mercado; robôs que inserem e retiram caixas das esteiras e aplicam selos de proteção nas cervejas. São 62 mil garrafas e 128 mil latinhas produzidas por hora.  

 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário