ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Sem carnaval, foliões de Brumado buscam alternativas em outras cidades

Paralisação: Professores estaduais vão às ruas de Brumado em protesto contra cortes de Rui Costa

Carnaval 2020: Latinhas de cerveja podem conter até 45 mil bactérias e 9 mil fungos

Chapada Diamantina: Rio de Contas se prepara para o Carnaval 2020

Voluntários animam rotina no Hospital Público de Brumado

Crea realizará ação especial de fiscalização no mês de março em Brumado e Região

Brumado: Obra da prefeitura quebra tubulação de água da Embasa e moradores do Apertado do Morro estão há vários dias sem abastecimento

Conquista: Familiares acompanham drama de jornalista baleada na França

Brumado: Polícia Civil está de olho em lojas de assistência técnica para celulares

Lúpus – doença autoimune que afeta mais comumente as mulheres

Brumado: Professores da rede estadual paralisam atividades hoje (18) e só voltam depois do carnaval

Brumado: Em menos de três horas, dois acidentes são registrados na Avenida Lindolpho Azevedo em noite de cavalgada

Com aulas gratuitas de marcenaria e pintura, ONG ensina arte à crianças e idosos de Brumado

APDEMB lança edital de convocação da Eleição para escolha da nova diretoria em Brumado

Brumado: Moradores pedem sinalização em cruzamento perigoso no bairro São José

Ituaçuense de apenas 9 naos passa de fase no The Voice Kids e emociona jurados ao cantar 'Folha Seca' de Amado Batista

BA-263: Quatro morrem e 10 pessoas ficam feridas em acidente com van e ônibus entre Belo Campo e Vitória da Conquista

PodoClin: Dicas para pular o carnaval com unhas e pés bem cuidados

Pré-candidato a prefeito de Brumado, Fabrício Abrantes lança plano de governo


Receita Federal destrói 2 mil caixas de cigarros contrabandeados

(Foto: Reprodução)

A Receita Federal destruiu, nesta quarta-feira (27), duas mil caixas de cigarros fruto de contrabando. A quantidade do produto se refere às apreensões feitas na região de Vitória da Conquista desde 2013. Os cigarros, que correspondem a 80% dos materiais que são confiscados pela Receita, normalmente são apreendidos ao ser transportados de forma ilegal pela BR 116. A carga sem nota fiscal foi transportado em caminhões baús com apoio da Polícia Militar. A destruição foi realizada no aterro sanitário da cidade, com os equipamentos da Associação Brasileira de Combate à Falsificação (ABCF), que vieram de São Paulo. Primeiro, o material é triturado e, em seguida, enterrado.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário