ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

No dia do médico, Sesab comemora mais de 25 mil postos de trabalho

Empresário livramentense lança o aplicativo para celular Guia Médico Saúde Sudoeste

Brumado: 90ª Zona Eleitoral deu início ao procedimento de carga e lacração das urnas para 2º turno

Falsas agentes do controle da dengue furtam R$ 4 mil de idosa em Livramento de Nossa Senhora

Continua 'Promoção Quinta Maluca do Rey do Dellivery ': Pizza grande por R$ 19,99 + bordas grátis

18 de Outubro dia do Médico, uma homenagem do Centro Médico São Gabriel

Seca se intensifica na região de Vitória da Conquista; mais de 60 municípios serão atingidos pela forte estiagem

Aluna brumadense irá representar Brumado na 2ª Edição da Olimpíada de Matemática dos Institutos Federais

Salvador: Claudia Leitte e outros passageiros são impedidos de voar em aeronave de táxi aéreo irregular

Homicida arrependido se apresenta em Vitória da Conquista e confessa que matou o cunhado em SP

Devido à situação cada vez mais crítica no Distrito de Cristalândia, Lia Teixeira busca o MP para evitar possível colapso no abastecimento

Cruzeiro conquista o hexa da Copa do Brasil

Brumado: 'Campanha do Quilo' arrecada cerca de 150 kg de alimentos não perecíveis

Poções: Estelionatários são presos tentando sacar R$ 68 mil em banco; dinheiro seria usado em campanha política

Veículo funcional de vidraçaria é furtado na madrugada de hoje (18) em Brumado

Cliente apaixonado é levado pela polícia após assediar garota de programa

Livramento: Homem fratura pênis durante relação sexual

Árbitra baiana denuncia assédio sexual por instrutor da FBF; CBF vai apurar o caso

Brumado: Projeto Cidadão do Futuro atende crianças e adolescentes da Vila Presidente Vargas

Crescem as especulações sobre a privatização da Embasa em novo governo de Rui Costa


Por aclamação, PMDB oficializa rompimento com governo Dilma

Os seis ministros peemedebistas serão orientados a entregar seus cargos. Saída do PMDB pode desencadear desembarque de outras siglas aliadas

O Diretório Nacional do PMDB decidiu nesta terça-feira (29), por aclamação, romper oficialmente com o governo da presidente Dilma Rousseff. Na reunião, a cúpula peemedebista também determinou que os seis ministros do partido e os filiados que ocupam outros postos no Executivo federal entreguem seus cargos. O vice-presidente da República e presidente nacional do PMDB, Michel Temer, não participou da reunião que oficializou a ruptura com o governo. O encontro partidário foi realizado em um dos plenários de comissões da Câmara dos Deputados. Comandada pelo primeiro vice-presidente do PMDB, senador Romero Jucá (PMDB-RR), a reunião durou menos de cinco minutos. Após consultar simbolicamente os integrantes do partido, Jucá decretou o resultado da votação. "A partir de hoje, nessa reunião histórica para o PMDB, o PMDB se retira da base do governo da presidente Dilma Rousseff e ninguém no país está autorizado a exercer qualquer cargo federal em nome do PMDB", enfatizou. A decisão do PMDB aumenta a crise política do governo e é vista como fator importante no processo de impeachment de Dilma. Há a expectativa de que, diante da saída do principal sócio do PT no governo federal, outros partidos da base aliada também desembarquem da gestão petista. Atualmente, o PMDB detém a maior bancada na Câmara, com 68 deputados federais. O apoio ao governo, porém, nunca foi unânime dentro da sigla e as críticas contra Dilma se intensificaram com o acirramento da crise econômica e a deflagração do processo de afastamento da presidente da República. Informações: G1



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário