ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Conquista: Motorista de app pede ajuda aos Bombeiros após carro ficar ilhado com chuva

Brumado: Paralisação dos professores estaduais entra no terceiro dia; categoria comemora com 'Carnaval de Protesto'

Trio elétrico completa 70 anos de desfile no carnaval da Bahia

Aos 94 anos, morre em Brumado um dos primeiros empreiteiros da cidade, o 'Mestre Eufrásio'

Brumado: PETO apreende veículo com documentação irregular no bairro São Felix

Modernização das NRs é tema de palestra para empresas e indústrias de Brumado

Protestos: Senador do Ceará tenta entrar em batalhão da polícia com retroescavadeira e é baleado

Brumado: Programa 'Melhor em Casa' leva atendimento à idosos, pacientes crônicos e pós-cirurgia

Brumado: Moradores da comunidade de Umburanas cobram limpeza e reforma de cemitério antigo

Brumado: Fabrício Abrantes afirma que entrou na política para 'lutar contra o continuísmo'

PRF de Minas Gerais apreende carga de maconha que seria entregue no município de Guanambi

'Não é assédio, é importunação sexual', campanha busca mudança de comportamento dos homens no Carnaval

90ª Zona Eleitoral de Brumado está de olho nos eleitores que realizam transferência de domicílio às vésperas das eleições

PRE inicia operação especial de fiscalização durante o carnaval 2020

Bahia encerra último ciclo da biometria com alcance de mais de 83% do eleitorado

Sem carnaval, foliões de Brumado buscam alternativas em outras cidades

Paralisação: Professores estaduais vão às ruas de Brumado em protesto contra cortes de Rui Costa

Carnaval 2020: Latinhas de cerveja podem conter até 45 mil bactérias e 9 mil fungos

Chapada Diamantina: Rio de Contas se prepara para o Carnaval 2020

Voluntários da Capelania Hospitalar animam rotina no Hospital Público de Brumado


Bahia:Oi é obrigada a permitir ligações gratuitas em seus orelhões

As ligações poderão ser feitas em todo estado baiano (Foto:Reprodução)

A partir de hoje, a Oi será obrigada a permitir que os cidadãos de 15 Estados usem seus orelhões gratuitamente para fazer ligações locais a telefones fixos, de acordo com determinação da Anatel. A punição se deve ao fato de que a operadora não cumpriu com os patamares mínimos de disponibilidade de telefones públicos em suas áreas de atuação. Era necessário ter ao menos 90% de orelhões disponíveis em todas as Unidades da Federação e 95% nas localidades atendidas somente por orelhões (acesso coletivo). Onde essa exigência não foi atendida a operadora será punida: Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Sergipe. A Oi foi avisada da possibilidade de punição em 02 de fevereiro, mas até 31 de março, quando a Anatel realizou a medição mais recente, a situação não tinha se resolvido. Agora os orelhões serão liberados até que a operadora atinja as metas. Segundo a Anatel, novas medições estão previstas para 30 de agosto de 2015, 29 de fevereiro de 2016 e 30 de agosto de 2016 e a cada seis meses. Informações: Olhar Digital   



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário