ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Bahia tem a gasolina mais cara do Nordeste e a sexta mais cara do país

Livramento: Polícia recupera R$ 177 mil roubados de carro-forte na BR-116; um morto e outro preso na operação

Baldes com mais de meia tonelada de drogas estavam enterrados na zona rural de Livramento de Nossa Senhora

Moradores reclamam de falta de água há 9 dias em bairros de Aracatu

Sudoeste: Bebê sobrevive após ser picada 5 vezes por escorpião em Vitória da Conquista

Sudoeste: Integrantes da quadrilha que atacou carro forte na BR-116 morrem em confronto com a polícia na cidade de Livramento

Brumado: Semana Nacional do Trânsito chama atenção para acidentes no tráfego, diz PRE

Brumado: Morador tem casa arrombada na 'curva do cinco'

Brasil reduz mortes no trânsito, mas está longe da meta para 2020

Brumado: Prefeitura retoma obra parada há meses e inicia pavimentação de acesso a rua Padre Cícero

Brumado: Polícia Civil garante que as investigações sobre os homicídios ocorridos nesta segunda-feira (17) estão avançando

Sul da Bahia: PRF apreende mais de 200 animais silvestres escondidos em veículo

Brumado: Núcleo Regional de Saúde deverá ser inaugurado até o final do ano

Parceria entre TCE e CREA fortalece a fiscalização de obras e serviços públicos

Bahia completa dois meses sem explosões a banco e redução sobe de 26% para 31%

Ameaça de morte e recuperação de motocicleta com chassi adulterado na Comunidade do Tamboril

Livramento: Forte cerco policial é montado na busca de capturar integrantes do bando que explodiu carro forte na BR -116

Brumado e os paradoxos da violência

Brumado: Drogas apreendidas pela PRE chegam a quase meio milhão de reais

Nefrologia é no Centro Médico São Gabriel com Dra. Rita de Cássia


'Máfia do lixo': Deputado federal Arthur Maia é acusado de receber ‘mensalinho’ de R$ 125

Foto: Reprodução

Um inquérito que apura envolvimento do deputado federal e relator da reforma da Previdência Arthur Maia (DEM), foi enviado para o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), pelo o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski. O ministro afirmou que sua decisão foi baseada no entendimento firmado pela Corte de restringir o foro privilegiado de deputados e senadores apenas para crimes relacionados ao mandato. Segundo o ministro, a conduta imputada ao investigado não teria sido praticada em razão do exercício de suas funções como Parlamentar. Para Lewandowski, caberá agora ao TJ-BA receber o inquérito, para depois encaminhá-lo ao juízo competente. Maia foi acusado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) de receber um mensalinho de R$ 125 mil, proveniente de um esquema envolvendo uma empresa de coleta de lixo e a prefeitura de Bom Jesus da Lapa. A denúncia do suposto esquema da “máfia do lixo” foi feita por um servidor estadual e líder do PTC em Bom Jesus da Lapa, Edimar Matheus de Oliveira. Há suspeita de superfaturamento e desvio de dinheiro público no contrato investigado.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário